Welcome to Scribd, the world's digital library. Read, publish, and share books and documents. See more
Download
Standard view
Full view
of .
Save to My Library
Look up keyword
Like this
104Activity
0 of .
Results for:
No results containing your search query
P. 1
O Sistema Fiscal do Moçambique Pós Independência - Breve Historial

O Sistema Fiscal do Moçambique Pós Independência - Breve Historial

Ratings:

3.5

(2)
|Views: 22,739 |Likes:
Published by Gil Cambule

More info:

Categories:Types, Research, Law
Published by: Gil Cambule on May 14, 2010
Copyright:Attribution Non-commercial

Availability:

Read on Scribd mobile: iPhone, iPad and Android.
download as DOC, PDF, TXT or read online from Scribd
See more
See less

07/02/2014

pdf

text

original

 
O sistema Fiscal post-independênciaMoreira Rêgo
O Sistema Fiscal do Moçambique PósIndependência(Breve Historial)Moreira Rêgo
Sumário
IntroduçãoI. O sistema fiscal moçambicano pós-independênciaII. Primeira reforma de 1978A) A resolução 5/77 da Assembleia Popular1.1. Fins da reformaIII. A segunda reforma de 19871. Impostos adoptados pela reforma de 1987A) DirectosB) Indirectos, ou sobre despesas2. Efeitos da reformaIV. A terceira reforma de 20021. O sistema tributário de 2002A) Tipos de impostos da última reforma1. Tributação directa2. Tributação indirectaConclusãoBibliografia
1
 
O sistema Fiscal post-independênciaMoreira Rêgo
INTRODUÇÃO
Neste trabalho, abordaremos a matéria relacionada com a históriado sistema fiscal moçambicano post-independência. Trata-se de umbreve excursus histórico que apresentará as três grandes reformas dosistema tributário moçambicano face à realidade social queMoçambique percorreu desde a independência até aos nossos dias.Não se trata de um enfoque histórico cabal, mas breves trechos queelucidarão a primeira grande Reforma Tributária de 1978, a segundade 1987 e a terceira de 2002, segundo a nomenclatura de Dr. IbraimoIbraimo
1
, contudo sem querermos sair da linha do nosso professor, Dr. Teodoro Waty que apresenta seis Reformas, designadamente as de1978, 1982, 1987, 1997, 1999 e 2003, pom, todas elas seoenglobadas naquelas três supracitadas.Em breve trecho, a Reforma de 1978 visava uma adequação aosprincípios constitucionais do recém-criado Estado moçambicano, comoo de justiça social, próprio do Socialismo (art. 13 CRPM) e à qualidadedo pessoal profissional existente. Também consta o problema dodeclínio das receitas provindas da Contribuição Industrial e do Impostode Consumo; a de 1987, em função da implementação do Programapara a Reabilitação Económica, consequência da Reforma anterior quepermitiu o enfraquecimento da colecta e a consequente agravante,que resultou do mercado paralelo, vulgo “candonga” que tinhadebilitado e tornado ineficaz o Sistema Fiscal até então vigente. Aqui,revitalizou-se a política dos impostos directos. Durante este período,duas situações ocorreram: a introdução no Sistema Fiscal de ImpostosAutárquicos pela Lei 11/97 de 31 de Maio e a Introdução do IVA(Imposto sobre Valor Acrescentado) e do ICE (Imposto sobre Consumos
1
Ibraimo Ibraimo,
O Direito e a Fiscalidade,
 p. 90ss
2
 
O sistema Fiscal post-independênciaMoreira Rêgo
Específicos)
2
e; a última Reforma que só apresenta diferença de datas(2002 e/ou 2003) em função dos autores supracitados, mas mesmoconteúdo, refere-se à aprovação da Lei Base do Sistema Tributário(15/2002 de 25 de Junho). Nesta, estabelecem-se as bases para aimplementação do novo Sistema de Tributão do rendimento,obedecendo a princípios de unidade e progressividade, as garantias eobrigações do contribuinte e Administração.Queremos, desde já, referir que seguiremos a linha orientadora doDr. Ibraimo Ibraimo por apresentar de forma sintética as três Reformase, ainda, por a sua síntese não pôr em causa as diversas Reformas queocorreram até a última, a de 2002. Apesar disso, não prescindiremosda referência bibliográfica do Dr. Waty.Para a elaboração deste trabalho recorremos a livros e entrevistacom pessoas que viveram a época post-independência e sentiram opulsar das Reformas ocorridas, principalmente a de 1987.Seguiremos uma metodologia que facilitará a leitura desteopúsculo.Desde já, o nosso tema tratará de abordar o sistema fiscal dandoenfoque à primeira Reforma (I), à segunda Reforma (II) e à terceiraReforma (III).Não se trata do cúmulo de toda a história do direito fiscal post-independência, mas uma ilustração das situações que ocorreram até aúltima Reforma.Moreira Rêgo
I. O SISTEMA FISCAL MOÇAMBICANO PÓS-INDEPENDÊNCIA
A proclamação da Independência total e completa de Moçambique ea adopção do socialismo em 1977 trouxe uma grande virada para osistema fiscal que se pretendia de justiça social. Por assim dizer, como
2
Teodoro Waty,
 Introdução ao direito Fiscal,
 p.210ss
3

Activity (104)

You've already reviewed this. Edit your review.
1 hundred reads
1 thousand reads
Nelmarcio liked this
Mercio Jeque added this note
informacao util que precisa ser desenvolvida tendo em conta a realidade actual
Leque Tomas liked this
Helio Arao liked this
Efrayme Maunze liked this
Hermmahumane Mahumane added this note
informaçao precisa para quem E da area de impostos...
Helio Arao liked this

You're Reading a Free Preview

Download
/*********** DO NOT ALTER ANYTHING BELOW THIS LINE ! ************/ var s_code=s.t();if(s_code)document.write(s_code)//-->