Welcome to Scribd, the world's digital library. Read, publish, and share books and documents. See more ➡
Download
Standard view
Full view
of .
Add note
Save to My Library
Sync to mobile
Look up keyword
Like this
83Activity
×
0 of .
Results for:
No results containing your search query
P. 1
HABILIDADES MOTORAS

HABILIDADES MOTORAS

Ratings: (0)|Views: 35,362|Likes:
Published by cristianear76

More info:

Published by: cristianear76 on Jun 14, 2010
Copyright:Attribution Non-commercial

Availability:

Read on Scribd mobile: iPhone, iPad and Android.
download as PDF, DOC, TXT or read online from Scribd
See More
See less

08/19/2013

pdf

text

original

 
HABILIDADES MOTORASEsteeixo curricular também é trabalhado desde o início do ano, começando com atividades mais simples eevoluindo para mais complexas. A seguir, as competências () relativas a esse eixo e as respectivas habilidades
  
 ().
 
Desenvolver um repertório motor que lhe permita atuar com independência nas situações do cotidiano:
  
 estabelecer relacionamento motor com um ou mais objetos; deslocar-se na direção horizontal ou vertical, de um ponto para outro no espaço e recuperar e manter o equilíbrio.
 
Apanhar objetos utilizando somente as mãos [Pegar].
 
Aprimorar os padrões de movimento fundamentais estabilizadores: inclinar-se; alongar-se; girar; virar; balançar; iniciar; parar; desviar; equilibrar-se.
 
Aprimorar os padrões de movimento fundamentais locomotores: caminhar; correr; saltar; saltitar; pular;galopar; deslizar lateralmente; rastejar.
 
Aprimorar os padrões de movimento fundamentais manipulativos: alcançar, segurar e soltar; lançar; pegar;chutar; encaixar; enfiar; abotoar; amarrar.
 
Caminhar e saltar com o mesmo pé ritmicamente [Galope].
 
Caminhar sobre a corda alternando passos e sem acompanhamento óculo-pedal [Caminhada direcionada].
 
Coordenar efetivamente passo e saltito [Salto misto].
 
Correr apresentando fase aérea definida, numa corrida mais eficiente e refinada.
 
Dar um passo à frente com a perna do mesmo lado do braço de lançamento [Lançar].
 
Definição do pular, com impulsão e ganho de distância e elevação na execução [Pulo].
 
Deslizar ritmicamente para ambos os lados [Deslizamento].
 
Fazer contato bem-sucedido com um objeto, retendo-o agarrado e soltando-o quando solicitado [Alcançar,segurar e soltar].
 
Saltar a uma altura de 30cm do chão [Salto vertical].
 
Saltar a uma distância de 50cm [Salto horizontal].
 
Saltar ao chão de altura de 30cm impulsionado por e aterrissando com ambos os pés [Salto de uma certaaltura].
 
Saltitar 10 vezes no mesmo pé [Saltito].
 
Significativo avanço para frente e para trás com oposição definida dos braços [Chutar].Desenvolver combinações de movimentos fundamentais
  
Combinar movimentos: correr e virar; andar e lançar/agarrar; marchar e empurrar; girar e andar; saltar e
 
 segurar etc.Explorar diferentes qualidades, dinâmicas e combinações de movimento ao interagir no espaço e com objetos
 
 de diferentes formas, tanto individual quanto coletivamente.Confiar em suas próprias capacidades.
  
 Enumerar os limites e as potencialidades do corpo e seus segmentos quando solicitado.
 
1
 
O
riginariamente, é uma brincadeira cujo foco é na discriminação cinestésica. Consta no repertório do CDPandalelê, co-produção do Centro Pedagógico da UFMG ePalavra Cantada. “Em duplas, um dos brincantesrecita o texto enquanto faz, nas costas do colega, movimentos com os dedos das mãos. No momento em que se pergunta ‘cuantos dedos há encima?’, o brincante que estava fazendo os movimentos pára, deixando umaquantidade de dedos sobre as costas do outro. Este tentará descobrir quantos dedos ‘hay en cima’. Caso erre,recita-se a segunda estrofe do texto ‘se houbiera dicho...’, dando uma nova chance de resposta. A cada vez queerrar a quantidade de dedos, o texto deverá ser recitado o mais rápido possível até que o outro acerte aquantidade de dedos colocadas em suas costas. Quando acertar, os brincantes invertem de posição.” Estadescrição e das demais brincadeiras do Pandalelê você encontra no portal de educação o governo do Paraná(emhtml) e no site da prefeitura de Botucatu-SP(em pdf).
E
sta percepção ainda é incipiente na criança pequena. Daí, adaptei a brincadeira para noções matemáticas decorrespondência, usando a cantoria para disciplinar a liberação para o banheiro: passam pelo “portão” ascrianças correspondentes ao número formado pelas mãos acima do ombro, relativo a cada uma das duas filas.
Q
uanto ao CD, é fenomenal. São, na verdade, dois. Um de áudio e outro CD Rom, que contém vídeos comadolescentes executando cada brincadeira, bastante precisos no enfoque às informações essenciais. Antes derealizar uma brincadeira, apresento o vídeo correspondente e as crianças apreendem logo a dinâmica,dispensando explicações em demasia.
S
ão bem legais as brincadeiras apresentadas no site do projeto de extensãoQuem quer brincar?, da Faculdadede Educação da UFRGS.
D
as 57 listadas por lá, boa parte delas é sucesso garantido nas aulas de Educação Física Infantil. Eu já haviaexperimentado
, 
,
e outras que, embora a denominação sejadiferente, o funcionamento é o mesmo.
A
gora, se você, além de aprender, quer compartilhar brincadeiras, dê um pulinho emABRINQuedoteca, umainiciativa pra lá de interessante da ABRINQ. Mas o site traz mais que brincadeiras, embora o brincar seja o fiocondutor da proposta. Achei extremamente útil a seção com dicas paraescolher brinquedos e jogos. Todo adultodevia lê-las antes de dar um brinquedo para uma criança.
N
o artigoA gestão da sala de aula no trabalho corporal, na seção "Saiba Mais" do site, o professor José Plácido Nogueira expõe (com primor) uma proposta para a educação física semelhante à que apresento neste blog.2
 
S
egundo Galahue (2005, p.298),o desenvolvimento das habilidades motoras é afetado, em todas as fases, pelos fatores de aptidão física(relacionados à saúde: resistência cardiovascular, força muscular, resistência muscular, flexibilidade ecomposição corporal) e de aptidão motora (relacionados ao desempenho: controle motor - equilíbrio estático edinâmico, coordenação motora rudimentar, olho-mão e olho-pé - e produção de força -velocidade, agilidade e potência.
M
einel (1984, p.289) afirma que, na idade pré-escolar, o aperfeiçoamento das habilidades motoras é mínimo emais significativo após os 5 anos. O autor relata aumento e melhoria no rendimento (especialmente navelocidade dos movimentos), na capacidade de equilíbrio, direção, adaptação e transformação motoras e naantecipação e capacidade de combinação. Informa, ainda, que o aumento é lento e pouco significativo emrelação à força [aptidão motora] e pouco esclarecido no que concerne a resistência [aptidão física].
C
onsiderando que o aperfeiçoamento da coordenação depende do equilíbrio, esteeixo curricular é trabalhadodesde o início do ano. Uma etapa já foi disponibilizada aqui através devídeo. A seguir, as competências ()
  
 relativas a esse eixo e as respectivas habilidades ().
 
Construir conceitos motores [consciência do esforço] e de força no movimento do próprio corpo.
  
Identificar e nomear os diferentes níveis de força (forte, leve e moderada) utilizados nas atividades.
 
Mover todo o corpo ou segmentos, aplicando diferentes níveis de força.
 
Conduzir e controlar objetos em diferentes espaços e direções, aplicando conceitos motores construídos.
   
Aprimorar a coordenação motora rudimentar e refinada
 
Controlar o corpo em movimento em variadas seqüências de tarefas motoras.
  
Manter o próprio equilíbrio enquanto o centro de gravidade (CG) se desloca.
 
Caminhar em trave de 5 cm
 
Equilibrar-se na "gangorra" durante 20 segundos
 
Ficar de pé sobre um dos pés por 3 segundos; saltar para frente 3 vezes seguidas sobre o mesmo pé.3

Activity (83)

You've already reviewed this. Edit your review.
1 hundred reads
1 thousand reads
Salo Santos liked this
Francine Marx liked this
soninhacampos liked this
Rafaela Vieira liked this
Fran Alves liked this

You're Reading a Free Preview

Download
/*********** DO NOT ALTER ANYTHING BELOW THIS LINE ! ************/ var s_code=s.t();if(s_code)document.write(s_code)//-->