P. 1
Investir na diversidade cultural e no diálogo intercultural

Investir na diversidade cultural e no diálogo intercultural

Ratings: (0)|Views: 2,150 |Likes:
Published by deiadc8961

More info:

Published by: deiadc8961 on Jun 22, 2010
Copyright:Attribution Non-commercial

Availability:

Read on Scribd mobile: iPhone, iPad and Android.
download as PDF, TXT or read online from Scribd
See more
See less

01/26/2013

pdf

text

original

 
Relatório Mundial da UNESCO
Investir nadiversidadecultural e nodiálogointercultural
Resumo
 
Relatório Mundialda UNESCO
 1
5
Resumo
CLT.2009/WS/9
 
Introdução
A diversidade cultural vem suscitando um interesse notável desde o começo do novo século. Porém ossignicados que se associam a esta expressão “cômoda” são tão variados como mutáveis. Para alguns adiversidade cultural é intrinsecamente positiva, na medida em que se reere a um intercâmbio da riquezainerente a cada cultura do mundo e, assim, aos vínculos que nos unem nos processos de diálogo e de troca.Para outros, as dierenças culturais azem-nos perder de vista o que temos em comum como seres humanos,constituindo assim a raiz de numerosos confitos. Este segundo diagnóstico parece hoje mais crível na medidaem que a globalização aumentou os pontos de interação e ricção entre as culturas, originando tensões,raturas e reivindicações relativamente à identidade, particularmente a religiosa, que se convertem emontes potenciais de confito. Por conseguinte, o desao undamental consistiria em propor uma perspectivacoerente da diversidade cultural e, assim, claricar que, longe de ser ameaça, a diversidade pode ser benécapara a ação da comunidade internacional. É esse o objetivo essencial do presente relatório.
Reatóri mndia da uNEsCo
Na linha da convicção da UNESCO sobre a necessidade e o valor intrínseco da
ecunda diversidade das culturas domundo
, inscrita na sua Constituição de 1945, os objetivos do Relatório Mundial sobre a Diversidade Cultural são osseguintes:
l
analisar a diversidade cultural em todas as suas acetas, esorçando-se por expor a complexidade dosprocessos, ao passo que identica um o condutor principal entre a multiplicidade de possíveis interpretações;
l
mostrar a importância da diversidade cultural nos dierentes domínios de intervenção (línguas, educação,comunicação e criatividade) que, à margem das suas unções intrínsecas, se revelam essenciais para asalvaguarda e para a promoção da diversidade cultural;
l
convencer os decisores e as dierentes partes intervenientes sobre a importância em investir na diversidadecultural como dimensão essencial do diálogo intercultural, pois ela pode renovar a nossa percepção sobre odesenvolvimento sustentável, garantir o exercício ecaz das liberdades e dos direitos humanos e ortalecer acoesão social e a governança democrática.
f
 
Monge em Osaka, Japão
g
 
Pequena loja detelecomunicações emNaivasha, Quênia

Activity (2)

You've already reviewed this. Edit your review.
1 thousand reads
1 hundred reads

You're Reading a Free Preview

Download
/*********** DO NOT ALTER ANYTHING BELOW THIS LINE ! ************/ var s_code=s.t();if(s_code)document.write(s_code)//-->