Welcome to Scribd, the world's digital library. Read, publish, and share books and documents. See more
Download
Standard view
Full view
of .
Save to My Library
Look up keyword
Like this
11Activity
0 of .
Results for:
No results containing your search query
P. 1
O Impacto Da Web 2.0 Na Aprendizagem Formal e Informal

O Impacto Da Web 2.0 Na Aprendizagem Formal e Informal

Ratings:

5.0

(1)
|Views: 532 |Likes:
Published by apedru

More info:

Published by: apedru on Jul 14, 2010
Copyright:Attribution Non-commercial Share Alike

Availability:

Read on Scribd mobile: iPhone, iPad and Android.
download as PDF or read online from Scribd
See more
See less

10/24/2012

pdf

 
 O IMPACTO DA WEB 2.0 NA APRENDIZAGEM FORMAL E INFORMAL - Página 1 de 12
 
O IMPACTO DA WEB 2.0 NA APRENDIZAGEM FORMAL E INFORMALAntónio Pedro B. Pereirahttp://eeducandu.blogspot.com 
Educação e Sociedade em RedeMestrado em Pedagogia do E-learningUniversidade AbertaJulho de 2010
RESUMO
A Web 2.0 surgiu numa altura em que parte da sociedade estava distraída a aprender atrabalhar com a Web anterior. Boa parte da população, incluindo académicos e decisorespolíticos, não se apercebeu logo desta revolução. Felizmente estavam lançadas, no mundo ena escola, bases para a utilização massiva da Web 1.0. Por outro lado, muitos jovensestudantes utilizam, no dia a dia, serviços da Web 2.0. Neste
 paper 
vou intuir que o impactoda Web 2.0 na aprendizagem pode, se bem aproveitado, construir o terceiro e quarto pilaresapresentados em 1996 no relatório elaborado para a Unesco pela Comissão Internacionalsobre Educação para o século XXI.
INTRODUÇÃO
Com o fim do milénio, o mundo preparou-se para a sociedade em rede e iniciou previsõespara o ensino no início do século XXI. Estas previsões foram baseadas nas metodologiasassociadas às ferramentas da Internet disponíveis. Estávamos numa época em que a Internetdisponibilizava informação de poucos para muitos. A produção de conteúdos estava limitada aquem tinha conhecimentos técnicos para o fazer e boa parte da informação disponibilizadapelos não profissionais tinha má qualidade gráfica e logo pouco apelativa ao olhar do
 
 O IMPACTO DA WEB 2.0 NA APRENDIZAGEM FORMAL E INFORMAL - Página 2 de 12
 
estudante, a informação com bom grafismo estava reservada às empresas que contratavaminformáticos e designers gráficos. A população era sobretudo receptora de informação ecomo tal a escola continuava a ser a principal produtora de informação crítica. Asaprendizagens informais eram obtidas da família, da comunidade local, da televisão ou entãoem livros especializados. Alguns conseguiram ter conhecimento da existência decomunidades em rede e iniciaram a partilha de experiências que levaram a aprendizagens nãoformais através desta.Por coincidência com os primeiros anos do novo milénio surgiram ferramentas quepermitiram dar voz a cada um dos indivíduos ligados à rede e com elas apareceu a Web 2.0.
O ANO DE 1996
Em 1996, foi publicado para a
UNESCO
,
 
um relatório sobre a Educação para o século XXI:"
 Educação: um tesouro a descobrir 
"
(1)
. Este foi elaborado por um conjunto de especialistasda qual fez parte o antigo ministro de educação português, Roberto Carneiro, que escreveu noprefácio da edição portuguesa:
No termo de três anos de aturada reflexão - e de acalorada discussão - a Comissão sobre aEducação para o século XXI deliberou depositar o produto do seu trabalho nas mãos do director geralda Unesco sob a égide de um pensamento metafórico. O novo século, tempo de esperança porexcelência, encerra uma visão motora e mobilizadora de consciências e das boas vontades. Essefabuloso tesouro a descobrir pelas gerações vindouras, o qual pode constituir os alicerces de um"humanismo XXI" a partilhar no oceano da intensa comunicação que caracteriza o tempo próximo, énada mais nada menos do que a educação.
(1 p. 9)
 Este relatório foi o resultado de três anos de reflexão pelo que terá recebido directa ouindirectamente influência dos pensamentos que foram publicados nessa altura e claro teráinfluenciado os que se lhe seguiram.Dois anos antes da publicação deste relatório ou um ano depois do início da discussão, em1994, Pierre Lévy publica o livro "
 L'intelligence collective. Pour une anthropologie ducyberespace"
publicado em Português com o título
 "A inteligência colectiva: para umaantropologia do ciberespaço"
(2),
em que Lévy defende a existência de uma inteligência
 
 O IMPACTO DA WEB 2.0 NA APRENDIZAGEM FORMAL E INFORMAL - Página 3 de 12
 
colectiva distribuída em rede em que cada um acrescenta um pouco do seu saber aoconhecimento colectivo da humanidade. Também em 1994 é publicado por Andy Hargreaveso livro "
Changing Teachers Changing Times
" que aborda a temática do trabalho e da culturados professores na idade pós-moderna, publicado em língua portuguesa com o título "
OsProfessores Em Tempos De Mudança
"
(3)
.1996 foi também o ano em que Manuel Castells publicou o livro "
The Rise Of The Network Society
" publicado em Português com o título "
 A Sociedade Em Rede
"
(4)
onde o autorescreve sobre o impacto das tecnologias e da Internet na sociedade na economia e na cultura.Um ano depois de se tornar público o relatório "Educação para o século XXI", Lévy publica olivro "
Cyberculture",
publicado em português com o nome "
Cibercultura
"
(5)
 onde escrevesobre a forma como a sociedade interage numa cultura cada vez mais digital e em rede.Em termos económicos, Castells
(4 p. 126)
afirma que, entre 1983 e 1995, "o PIB mundialcrescia cerca de 3.4% e o volume das exportações mundiais subia cerca de 6%" enquantoemergia uma economia global assente na rede. Estávamos portanto longe da crise que seinstalou no mundo nos últimos anos.É interessante verificar que, em 1996, existiam em Portugal 10 fornecedores de acesso àInternet
(6)
e que "
 By 1996 usage of the word Internet had become commonplace
"
(7)
.Podemos dizer então que foi, por volta de 1996, que se iniciou a expansão pública da Internet.No entanto, ainda estávamos longe dos serviços da Web 2.0 termo atribuído por Tim O'Reillyem 2004
(8)
.Este relatório
(1 p. 77)
aponta para quatro pilares que deveriam sustentar a educação:"
aprender a conhecer, isto é a adquirir os instrumentos da compreensão; aprender a fazer, para poder agir sobre o meio envolvente; aprender a viver juntos, a fim de participar ecooperar com os outros em todas as actividades humanas; finalmente aprender a ser, viaessencial que integra as três precedentes."
 

Activity (11)

You've already reviewed this. Edit your review.
1 thousand reads
1 hundred reads
Aldineia Abreu liked this
Cíntia Rabello liked this
apedru liked this
apedru liked this
silviajojo liked this
apedru liked this

You're Reading a Free Preview

Download
/*********** DO NOT ALTER ANYTHING BELOW THIS LINE ! ************/ var s_code=s.t();if(s_code)document.write(s_code)//-->