Welcome to Scribd, the world's digital library. Read, publish, and share books and documents. See more
Download
Standard view
Full view
of .
Save to My Library
Look up keyword
Like this
12Activity
0 of .
Results for:
No results containing your search query
P. 1
Investigação sobre a Maçonaria

Investigação sobre a Maçonaria

Ratings: (0)|Views: 1,730|Likes:
Published by jraimundomarques
Investigação feita sobre a Maçonaria Portuguesa.
Investigação feita sobre a Maçonaria Portuguesa.

More info:

Categories:Types, Research, History
Published by: jraimundomarques on Jul 16, 2010
Copyright:Attribution Non-commercial

Availability:

Read on Scribd mobile: iPhone, iPad and Android.
download as PDF, TXT or read online from Scribd
See more
See less

10/25/2012

pdf

text

original

 
 
2010 
.. 
Revista“Sábado” 
[“INVESTIGAÇÃO” AOUNIVERSO SECRETO DAMAÇONARIA] 
 
INVESTIGAÇÃO
 o universo secreto da maçonaria
 
AS LIGAÇÕES PODEROSAS DA ORGANIZAÇÃO QUE NÃO QUER APARECER
A
MAÇONARIA
POR DENTRO
São militantes do PS, do PSD e do CDS, são ministros, diplomatas, magistrados,médicos, juristas e elementos dos serviços secretos
.
D
e venda negra a cobrir os olhos, com a perna esquerda das calças arregaçada e uma partedo peito completamente à mostra, aquele que ainda hoje é um dos homens mais influentesde Portugal conseguia apenas distinguir sons, vozes e instruções dadas pelo venerávelmestre da loja maçónica a que estava prestes a aderir como maçon aprendiz.
N
a derradeiraprova antes de poder ser um membro de pleno direito do Grande Oriente Lusitano (
GOL
),fizeram-no dar três voltas completas, de olhos vendados, ao templo maçónico - todas elascom um significado simbólico
.
Sempre acompanhado pelo mestre de cerimónias, o homemque se certifica de que o ritual é escrupulosamente cumprido, superou o teste. Pelocaminho, teve de ouvir barulhos de espadas a bater no chão e mulheres a bater nasmadeiras e teve de sentir o calor do fogo e a temperatura fria da água. Já com os percursosfeitos sempre da esquerda para a direita da loja; que é como quem diz das trevas para a luz -, mas ainda de olhos vendados, foi conduzido ao altar. Estava na altura de finalmente seriluminado pela figura do venerável. Ao cair da venda, veria a luz.
V
iu mais do que isso: um conjunto de homens com aventais de cores e disposiçõesvariadas, alinhados como numa parada militar. À sua frente, o líder da loja levantou umaespada que atravessava o testamento maçónico que escrevera antes de entrar na loja, numacâmara escura e sombria, com caveiras humanas desenhadas nas paredes. Nesse pedaço depapel registara as suas últimas reflexões profanas, que começavam agora a serdespedaçadas pelas chamas.
J
orge Coelho 
- um dos mais influentes militantes da históriado Partido Socialista estava a entrar num mundo desconhecido da maior parte dosportugueses: -
o universo secreto da maçonaria
.
ANTES DELE - QUE CHEGOU
ao GOL há pelo menos seis anos, durante ogrãomestrado de
Eugénio de Oliveira(1996 / 02)
-, muitas outras figuras influentes dasociedade portuguesa passaram pelo ritual iniciático. Entre elas,
Almeida Santos 
(ex-presidente da Assembleia da República),
António Vitorino 
(antigo ministro socialista daDefesa e excomissário europeu),
João Soares 
(ex-presidente da Câmara Municipal deLisboa),
João Cravinho 
(ex-ministro das Obras Públicas e actual administrador do BancoEuropeu para a Reconstrução e Desenvolvimento),
Ricardo Sá Fernandes 
(advogado e ex-secretário de Estado dos Assuntos Fiscais),
Maldonado Gonelha 
(administrador da CaixaGeral de Depósitos e exministro da Saúde),
Isaltino Morais 
(presidente da CâmaraMunicipal de Oeiras) e
António de Sousa Lara 
(ex-subsecretário de Estado da Cultura deum governo de Cavaco Silva e professor, que acabou envolvido no escândalo da
 
Universidade Moderna). Esta é uma curta lista entre milhares de nomes, divididos porvárias obediências - as mais representativas são o
Grande Oriente Lusitano
(
GOL
),liderado pelo ex-deputado sodalista
António Reis
, e a
Grande Loja Regular de Portugal
(
GLRP
), dirigida pelo escritor
Mário Martin Guia 
- que se movem em todos os sectoresde actividade. É a acção conjunta destes homens, que se reúnem entre as paredes discretasdos templos maçónicos, repletos de símbolos e artefactos, que forma o designado "
lóbimaçónico
".
O
último episódio demonstrativo da proximidade entre a maçonaria e o poder surgiu namais recente remodelação governamental.
 António Costa
saiu para ser candidato à CâmaraMunicipal de Lisboa e, para seu sucessor na pasta da Administração Interna, foi designado
Rui Pereira
, que hoje é visto como um dos nomes mais fortes do GOL. Fez parte da
LojaConvergência
, liderada por
Luís Nunes de Almeida
, o ex-presidente do TribunalConstitucional (TC)
 falecido em 2004
e em cujo funeral maçons de várias lojas eobediências fizeram - sem o conhecimento do prior Horácio Correia, responsável pelaBasílica da Estrela – uma cadeia de união (ritual maçónico em que todos dão as mãos eproferem as últimas palavras de homenagem ao morto). O acto decorreu discretamente nacasa mortuária, longe dos olhos de elementos não maçons, os "
 profanos
".Frequentador assíduo destas e de outras reuniões maçónicas,
Rui Pereira 
dividiuultimamente tarefas entre a
visível coordenação da Unidade de Missão para a Reforma Penal 
e a
presidência-sombra do Supremo Tribunal Maçónico
, que acabou porabandonar, segundo fontes do GOL, quando foi há poucos meses escolhido pelo PS paraintegrar o
Tribunal Constitucional
. Hoje faz parte da
Loja Luís Nunes de Almeida
- criadaem homenagem ao jurista falecido após a cisão registada na
Loja Convergência
, quecontinuou a ter, entre outros membros,
Luís Fontoura,
social-democrata e ex-secretário deEstado da Cooperação dos governos de Balsemão, e
Abel Pinheiro
, administrador da Grão-Pará e o ex-homem-forte das finanças do
CDS
, arguido no processo judicial Portucale.Contactado, Abel Pinheiro assume uma ligação de mais de 20 anos à maçonaria,considerando que esta “não tem qualquer espécie de poder”.
SE NÃO TEM PODER
oficialmente, pelo menos está "representado" em vários órgãos depoder.
Rui Pereira
, o actual ministro da Administração Interna,
 já foi director, entre 1997e 2000, do Serviço de Informações de Segurança (SIS)
e
mantém desde então relações próximas com o mundo da espionagem portuguesa.
Rui Pereira
- que não quis falar sobrea sua ligação à maçonaria - é também olhado como uma ponte entre o GOL e a GLRP[Grande Loja Regular de Portugal], através do seu grande amigo
José Manuel Anes
. Alémde ser hoje grão-mestre honorário da GLRP, Anes é director da revista maçónica
 Aprendiz
e da publicação
Segurança e Defesa,
lançada em Outubro de 2006 pela editora
 Diário de Bordo,
e onde escrevem vários elementos ligados aos serviços secretos.Os membros da maçonaria
têm marcado presença na definição das opções do País
, emespecial junto de governos socialistas. Há áreas em que os maçons actuaram desde sempre,como a administração interna e os serviços de informações, e outras em que a suainfluência é grande. Os governos de António Guterres são um exemplo claro.
JorgeCoelho
, enquanto ministro da Administração Interna, teve como secretário de Estado
Armando Vara 
- outro maçom, que hoje é administrador da Caixa Geral de Depósitos,nomeado pelo Governo. No exercício das suas competências, Coelho nomeou em 1997,
 para dirigir o SIS
,
Rui Pereira
, que acabou por sair três anos depois para ocupar o cargode secretário de Estado da Administração Interna.
Jorge Coelho
- que não quis falar demaçonaria ("Nunca falei disso com ninguém, mas vou ter muito gosto em ler o artigo") - jáentão tinha trocado a pasta da Administração Interna pela do Equipamento Social e
Rui

Activity (12)

You've already reviewed this. Edit your review.
1 hundred reads
1 thousand reads
gostaria de conhecer mais detalhes sobre maçonaria na minha cidade Itabira Minas Gerais.com mais detalhes é um assunto que desperta muito o meu interesse.
dom_coutinho added this note
Very GOOD indeed!
Peter Storming added this note
Muito bom!
sahelder liked this
dom_coutinho liked this
Peter Storming liked this
Peter Storming liked this
César Pinheiro liked this

You're Reading a Free Preview

Download
/*********** DO NOT ALTER ANYTHING BELOW THIS LINE ! ************/ var s_code=s.t();if(s_code)document.write(s_code)//-->