Welcome to Scribd, the world's digital library. Read, publish, and share books and documents. See more
Download
Standard view
Full view
of .
Save to My Library
Look up keyword
Like this
132Activity
0 of .
Results for:
No results containing your search query
P. 1
DMPL e DLPA

DMPL e DLPA

Ratings: (0)|Views: 22,152 |Likes:
Published by simuladocontabil

More info:

Published by: simuladocontabil on Aug 18, 2010
Copyright:Attribution Non-commercial

Availability:

Read on Scribd mobile: iPhone, iPad and Android.
download as PDF, TXT or read online from Scribd
See more
See less

07/15/2013

pdf

text

original

 
 CENTRO UNIVERSITÁRIO DE DESENVOLVIMENTO DOCENTRO-OESTE
Disponível em http://julio1976.sites.uol.com.br
32
3.5 DEMONSTRAÇÃO DAS MUTAÇÕES DO PATRIMÔNIO LÍQUIDO DMPL EDEMONSTRAÇÃO DE LUCROS OU PREJUÍZOS ACUMULADOS – DLPA
Antes de qualquer explicação vamos tecer algumas considerações: apenas umaparte do lucro líquido é distribuída para os proprietários da empresa em forma dedividendos. A maior parcela normalmente é retida na empresa e reinvestida no negócio.A destinação do lucro líquido para os proprietários (distribuição de lucros) ou oreinvestimento na própria empresa (retenção de lucro) será evidenciada na Demonstraçãode Lucros ou Prejuízos Acumulados — DLPA, antes de ser indicada no Balanço Patrimonial.O processo para o levantamento da DLPA começa com o encerramento do exercício,com a apuração do lucro líquido na DRE. Em seguida, transporta-se o lucro líquido para aDLPA para efetuar a sua distribuição.Após a destinação do lucro líquido, o que fica retido é transportado para o BalançoPatrimonial no grupo Patrimônio Líquido. O lucro retido na empresa pode ser utilizado paraaumentar o capital da empresa ou ser destinado a algum fim específico, neste caso serátratado em forma de reserva: reserva legal, reserva para expansão, reserva estatutária, etc.Se a empresa, em vez de lucros, estiver apresentando prejuízos, tais prejuízos serãoacumulados e serão mostrados na DLPA.Concluímos então que a DLPA tem como objetivo relatar as modificações ocorridasna conta Lucros ou Prejuízos Acumulados em determinado período de tempo. A DLPA fazuma integração entre o lucro líquido, registrado na DRE, e o Lucro Acumulado, registrado noBalanço Patrimonial.Quando mencionamos “mutações do Patrimônio Líquido”, queremos nos referir àsmodificações ocorridas, durante certo exercício social, nas contas do PL. Diferentemente daDLPA, a DMPL evidencia a movimentação de todas as contas do Patrimônio Líquidoocorrida durante certo exercício. Como esta demonstração evidencia também amovimentação ocorrida na conta Lucros ou Prejuízos Acumulados, temos que a DMPLsubstitui por completo a DLPA.A Lei 6.404/76, a Lei das S.A., dá opção à companhia para elaborar a DLPA ou aDMPL, como podemos observar no parágrafo 2º do art. 186 dessa lei:
A demonstração de lucros ou prejuízos acumulados discriminará: I - o saldo do início do período, os ajustes de exercícios anteriores e a correção monetária do saldo inicial; II - as reversões de reservas e o lucro líquido do exercício; III - as transferências para reservas, os dividendos, a parcela dos lucros incorporada ao capital e o saldo ao fim do período.§ 1°Como ajustes de exercícios anteriores serão considerados apenas os decorrentes de efeitos da mudança de critério contábil, ou da retificação de erro imputável a determinado exercício anterior, e que não possam ser atribuídos a fatos subseqüentes.§ 2º A demonstração de lucros ou prejuízos acumulados deverá indicar o montante do dividendo por ação do capital social e poderá ser incluída na demonstração das mutações do patrimônio líquido, se elaborada e publicada pela companhia 
(o grifo é nosso).
Entretanto, a CVM – Comissão de Valores Mobiliários torna obrigatória a elaboraçãoda DMPL para as companhias de capital aberto.
3.5.1 Modelo de DMPL
O modelo demonstrado a seguir contém todas as contas refletidas pela DMPL. ADLPA segue o mesmo padrão, contendo as mesmas movimentações da primeira coluna,porém, reflete apenas as modificações ocorridas na conta lucros ou prejuízos acumulados.
 
 CENTRO UNIVERSITÁRIO DE DESENVOLVIMENTO DOCENTRO-OESTE
Disponível em http://julio1976.sites.uol.com.br
33
Empresa X S.A.CNPJ 00.000.000/0000-00Demonstração das Mutações do Patrimônio Líquido em 31/12/2002
Em R$ mil
 
Reservas de LucrosMovimentações
   C  a  p   i   t  a   l   R  e  a   l   i  z  a   d  o   R  e  s  e  r  v  a  s   d  e   C  a  p   i   t  a   l   A   j  u  s   t  e  s   d  e   A  v  a   l   i  a  ç   ã  o   P  a   t  r   i  m  o  n   i  a   l   L  e  g  a   l   E  s   t  a   t  u   t   á  r   i  a   C  o  n   t   i  n  g   ê  n  c   i  a  s   I  n  c  e  n   t   i  v  o  s   F   i  s  c  a   i  s   L  u  c  r  o  s  a   R  e  a   l   i  z  a  r   L  u  c  r  o  s  o  u   P  r  e   j  u   í  z  o  s   A  c  u  m  u   l  a   d  o  s   T  o   t  a   l
Saldos em 31/12/2001 7.000 50 1.500 100 20 10 950 9.630
Ajustes de Exercícios AnterioresEfeitos de mudanças decritérios contábeisRetificação de erro deexercícios anteriores(100) (100)Aumento de CapitalReversão de ReservasDe contingênciasDe lucros a realizarLucro Líquido do Exercício 3.000 3.000Proposta da AGOTransferência para ReservasLegal 150 (150)Estatutária 300 (300)Contingências 255 (255)Incentivos fiscais 180 (180)Lucros a Realizar 95 (95)Lucros para expansãoDividendos não distribuídosJuros sobre o capital próprioDividendos (R$ 0,7175 p/ ação) (2.870) (2.870)
Saldos em 31/12/2002 7.000 200 1.800 355 200 105 0 9.660
Observação:
Caso a apresentação analítica da DMPL fique muito extensa, para fins depublicação, poderão ser utilizados recursos alternativos de apresentação, como notasexplicativas e quadros auxiliares, sumariando-se a apresentação da demonstração pelostotais nos itens: reservas de capital, ajustes de reavaliação patrimonial e reservas de lucros.
3.5.1.1 Ajustes de exercícios anteriores
De acordo com o §1º do Art. 186, a Lei das Sociedades por Ações deixa claro que osajustes de exercícios anteriores não devem afetar o resultado normal do presente exercício,determinando que seus efeitos sejam registrados diretamente na conta integrante doPatrimônio Líquido, Lucros (Prejuízos) Acumulados. Também determina que sejam tratadoscomo ajustes de exercícios anteriores somente os casos de: a) efeitos de mudança decritério contábil; b) retificação de erro.
3.5.1.2 Reversão de reservas
Certas parcelas, deduzidas do lucro, destinadas a certos fins específicos (Reservas),podem, em exercícios futuros, ser reincorporadas ao lucro. Os casos mais comuns são asReservas de Lucros a Realizar e as Reservas para Contingências, que são deduzidas deLucros Acumulados e, normalmente, retornam em outros períodos futuros, sendoadicionadas à conta Lucros Acumulados.
 
 CENTRO UNIVERSITÁRIO DE DESENVOLVIMENTO DOCENTRO-OESTE
Disponível em http://julio1976.sites.uol.com.br
34
A Lei das Sociedades por Ações (após as alterações da Lei 10.303/2001) indica queo valor da reversão da Reserva de Lucros a Realizar deverá ser transferido diretamentepara os dividendos obrigatórios do período.
3.5.1.3 Aumento de capital
O capital social poderá ter seu saldo acrescido por investimentos em dinheiro, bens epor meio de reservas e lucros acumulados, conforme a decisão da AGO. Caso a últimaopção seja utilizada, a DMPL refletirá o decréscimo na coluna da reserva correspondente eacréscimo na coluna capital realizado.
3.5.1.4 Lucros ou prejuízos acumulados
As seguintes transações são registradas em lucros ou prejuízos acumulados:
Reversões de reservas (principalmente as de contingências e de lucros a realizar);
Lucro líquido do exercício;
Transferências de lucros para as reservas de lucros ou para o capital social;
Dividendos distribuídos;
Ajustes de exercícios anteriores (os efeitos da mudança de critério contábil ou retificaçãode erro imputável a determinado exercício anterior e que não possam ser atribuídos afatos subseqüentes).A DRE termina com o resultado líquido (lucro ou prejuízo), já deduzidos o imposto derenda e as participações, cujo resultado líquido será adicionado a lucros acumulados.Na hipótese da ocorrência de prejuízo, este será obrigatoriamente absorvido peloslucros acumulados, pelas reservas de lucros e pela reserva legal, nessa ordem. Se, aindaassim, remanescer saldo, sua absorção poderá ser feita com reservas de capital.
3.5.1.5 Proposta da AGO para destinação do lucro
Após a apuração do montante disponível (acumulado) do lucro, será destacada aproposta dos órgãos da administração da companhia, apresentada aos acionistas(Assembléia Geral), sobre a destinação a ser dada ao Lucro Líquido do Exercício.Normalmente, essa proposta é aprovada na primeira reunião de acionistas do ano(Assembléia Geral Ordinária). Independentemente da aprovação, já se efetuam astransferências. Esse procedimento é permitido por Lei.Os órgãos administrativos, na proposta sobre a destinação do lucro apresentada naDLPA, constituem reservas baseando-se nos estatutos na empresa e na Lei das Sociedadespor Ações. Essas reservas originadas do Lucro Líquido do Exercício são denominadasReservas de Lucro.As reservas de lucros representam valores retidos de lucros acumulados. A Lei dasS.A. estabeleceu as seguintes reservas de lucros: Reserva Legal, Estatutária, paraContingências, de Incentivos Fiscais, de Lucros a Realizar, de Lucros para expansão eReserva Especial para Dividendo Obrigatório não Distribuído.
3.5.2 Reservas
1
 
Algumas transações envolvendo o capital próprio da empresa, por deliberação daCVM ou da Lei das Sociedades por Ações, faz surgir um grupo de contas especialdenominado Reservas. As reservas podem ser classificadas em: reservas de capital; ajustesde avaliação patrimonial e reservas de lucros.
1
Adaptado do texto desenvolvido por Marcelo Cavalcanti Almeida (Curso Básico deContabilidade, 1998, p. 148-56)

Activity (132)

You've already reviewed this. Edit your review.
1 thousand reads
1 hundred reads
Gleice Assis Sá liked this
Ângelo Barros liked this
rfavero liked this
Edinaldo Batista Santos added this note
muito bom esses artigos...
Fábio Coêlho liked this
Albina Araujo liked this

You're Reading a Free Preview

Download
/*********** DO NOT ALTER ANYTHING BELOW THIS LINE ! ************/ var s_code=s.t();if(s_code)document.write(s_code)//-->