Welcome to Scribd, the world's digital library. Read, publish, and share books and documents. See more
Download
Standard view
Full view
of .
Save to My Library
Look up keyword
Like this
4Activity
0 of .
Results for:
No results containing your search query
P. 1
Brasília - Lei 2105, de 08/10/98

Brasília - Lei 2105, de 08/10/98

Ratings: (0)|Views: 394 |Likes:
Código de Edificações do Distrito Federal (Brasília)
Código de Edificações do Distrito Federal (Brasília)

More info:

Published by: Tarcísio Gontijo Cunha on Aug 18, 2010
Copyright:Attribution Non-commercial

Availability:

Read on Scribd mobile: iPhone, iPad and Android.
download as PDF, TXT or read online from Scribd
See more
See less

01/07/2013

pdf

text

original

 
LEI Nº 2.105. DE 8 DE OUTUBRO DE 1998.PUBLICADO NO DODF DE 09/10/98.Lei nº 3.919, de 19/12/06– DODF de 29/12/06 – Alterações.Lei nº 4.115, de 07/04/08– DODF de 14/04/08 – Alterações.NOTA: CONFORME ARTIGO 30 DALEI Nº 3.919, DE 19/12/06DODF Nº 248, DE 29/12/06, SUBSTITUA-SE, ONDE COUBER,NESTA LEI Nº 2.105, DE 1998, A EXPRESSÃO “PESSOAS COMDIFICULDADE DE LOCOMOÇÃO” PELA EXPRESSÃO “PESSOASPORTADORAS DE DEFICIÊNCIA OU COM MOBILIDADEREDUZIDA”.
Dispõe sobre o Código de Edificações do Distrito Federal.
O GOVERNADOR DO DISTRITO FEDERAL
, FAÇO SABER QUE A CÂMARA LEGISLATIVA DODISTRITO FEDERAL DECRETA E EU SANCIONO A SEGUINTE LEI:
TÍTULO IDAS DISPOSIÇÕES PRELIMINARESCAPÍTULO IDO OBJETO DO CÓDIGO
Art. 1º - O Código de Edificações do Distrito Federal disciplina toda e qualquer obra deconstrução, modificação ou demolição de edificações na área do Distrito Federal, bem como olicenciamento das obras de engenharia e arquitetura.
Art. 2º - O Código de Edificações do Distrito Federal objetiva estabelecer padrões de qualidade dos espaços edificados que satisfaçam as condições mínimas desegurança, conforto, higiene e saúde dos usuários e demais cidadãos, por meio da determinação de procedimentos administrativos e parâmetros técnicos queserão observados pela administração pública e pelos demais interessados e envolvidos no projeto. na execução de obras e na utilização das edificações.
NOVA REDAÇÃO DADA AO CAPUT DO ART. 2º PELALEI Nº 3.919,DE 19/12/06– DODF Nº 248, DE 29/12/06.
“Art. 2º O Código de Edificações do Distrito Federal objetiva estabelecer padrões de qualidadedos espaços edificados que satisfaçam as condições mínimas de segurança, conforto, higiene,saúde e acessibilidade aos usuários e demais cidadãos, por meio da determinação deprocedimentos administrativos e parâmetros técnicos que serão observados pela administraçãopública e pelos demais interessados e envolvidos no projeto, na execução de obras e nautilização das edificações.”(NR).Parágrafo único - Os padrões de qualidade de que trata este artigo serão majorados em benefíciodo consumidor e do usuário das edificações, sempre que possível.
CAPÍTULO IIDA CONCEITUAÇÃO
Art. 3º - Para os fins desta Lei, ficam estabelecidos os seguintes conceitos:I - abrigo de veículos - cobertura destinada a proteção de veículos, sem vedação lateral em pelomenos cinqüenta por cento de seu perímetros.
II - acessibilidade - conjunto de alternativas de acesso a edificações, espaços públicos e mobiliário urbano que atendem às necessidades de pessoas comdiferentes formas de dificuldade de locomoção e oferecem condições de utilização com segurança e autonomia:
NOVA REDAÇÃO DADA AO INCISO II DO ART. 3º PELALEI Nº3.919, DE 19/12/06– DODF Nº 248, DE 29/12/06.
II - acessibilidade – conjunto de alternativas de acesso que possibilitem a utilização, comsegurança e autonomia, das edificações; dos espaços, equipamentos e mobiliários urbanos; dostransportes; e dos sistemas e meios de comunicação por pessoas portadoras de deficiência oucom mobilidade reduzida;”(NR).III - advertência - comunicação de irregularidades verificadas em obra ou edificação, em que seestabelece prazo para a devida correção;IV - aeração verticalmente cruzada - ventilação decorrente de aberturas opostas, situadas nasbases superior e inferior de prisma;V - altura máxima da edificação - medida em metros entre o ponto definido como cota de soleira e
Page 1 of 29Lei2105 - Codigo Edif Obras9/8/2010http://www.fazenda.df.gov.br/aplicacoes/legislacao/legislacao/TelaSaidaDocumento.cfm...
 
o ponto mais alto da edificação;VI - ambiente - espaço arquitetônico relacionado a uma ou mais funções;VII - anotação de responsabilidade técnica - ART - fichário registrado em Conselho Regional deEngenharia, Arquitetura e Agronomia - CPEA, que contém a descrição. sucinta das atividadesprofissionais de engenharia, arquitetura e agronomia referentes a obras, projetos ou serviços;VIII - apartamento conjugado - unidade domiciliar, em habitação coletiva ou habitação coletivaeconômica, constituída de compartimento para higiene pessoal e de locais para estar, descanso,preparação de alimentos e serviços de lavagem, em ambiente único ou parcialmentecompartimentado;IX - apreensão - apropriação, pelo poder publico, de materiais e equipamentos provenientes deobra ou serviço irregular ou que constitua prova material de irregularidade;X - aprovação de projeto - ato administrativo que atesta o atendimento ao estabelecido nesta Lei,na sua regulamentação e na legislação de uso e ocupação do solo, após exame completo doprojeto arquitetônico, para posterior licenciamento e obtenção de certificados de conclusão;XI - área de consumação - local em estabelecimento de uso comercial onde ficam dispostasmesas para consumo de alimentos e bebidas por clientes;XII - área pública - área destinada a sistemas de circulação de veículos e pedestres, a espaçoslivres de uso público e a implantação de equipamentos urbanos e comunitários;XIII - autenticação - ato administrativo que reconhece como verdadeiras e idênticas as cópias deprojeto arquitetônico anteriormente aprovado ou visado mediante exame comparativo com acópia arquivada;XIV - auto de infração - ato administrativo que dá ciência ao infrator da disposição legal infringidae da penalidade aplicada, no qual constam os elementos para tipificação dos fatos;XV - barreiras arquitetônicas - elementos arquitetônicos que prejudicam ou impossibilitam o livretrânsito de pessoas portadoras de deficiência ou com mobilidade reduzida.XVI -
brise 
- elemento construtivo, móvel ou fixo, instalado em fachadas para proteção solar;XVII - canteiro de obras - área destinada a instalações temporárias e a serviços necessários aexecução e ao desenvolvimento de obras;XVIII - certificados de conclusão - os documentos oficiais abaixo relacionados que atestam aconclusão de obras:a) carta de habite-se - documento expedido nos casos de obra inicial e obra de modificação comacréscimo ou decréscimo de área, executadas de acordo com os projetos aprovados ou visados,que pode ser parcial ou em separado;b) atestado de conclusão - documento expedido nos demais casos não abrangidos pela carta dehabite-se, mas cuja obra tenha sido objeto de licenciamento.XIX - coeficiente de aproveitamento - índice previsto na legislação de uso e ocupação do solo quedetermina a área máxima de construção de uma edificação.XX - compensação de área - permuta entre avanços e reentrâncias no perímetro externo deedificações, acima do pavimento térreo, mantida a equivalência de área do pavimento;XXI - comunicado de exigência - comunicação ao interessado, na qual estão relacionadas asfalhas em relação à legislação vigente, detectadas por ocasião do exame da solicitaçãoapresentada;XXII - consulta prévia - análise técnica preliminar do projeto arquitetônico solicitada anteriormenteà aprovação do projeto ou ao visto;XXIII - cota de coroamento - indicação ou registro numérico, fornecido pela AdministraçãoRegional, correspondente à altura máxima da edificação:XXIV - demolição - derrubada parcial ou total de construção;XXV - edificação de caráter especial - edificação que incorpora facilidades para uso detecnologias avançadas referentes a informações, materiais, energia, fluidos e técnicasconstrutivas;XXVI - edificação temporária - construção transitória não residencial licenciada por tempodeterminado que utiliza materiais construtivos adequados à finalidade proposta, os quais nãocaracterizam materiais definitivos e são de fácil remoção como estantes de vendas, parques deexposições, parques de diversões, circos e eventos;XXVII - elementos construtivos - componentes físicos que integram a edificação;XXVIII - embargo - ato administrativo de interrupção na execução de obra em desacordo com alegislação vigente, que pode se dar de forma parcial ou total;
Page 2 of 29Lei2105 - Codigo Edif Obras9/8/2010http://www.fazenda.df.gov.br/aplicacoes/legislacao/legislacao/TelaSaidaDocumento.cfm...
 
XXIX - galeria - espaço, provido ou não de guarda-corpo, destinado à circulação de pedestres,situado na parte externa de uma edificação, sob o pavimento superior;XXX - guarda-corpo - estrutura de proteção vertical, maciça ou não, que serve de anteparo contraqueda em escadas, varandas, balcões, rampas, terraços, sacadas e galerias.XXXI - habitação coletiva - duas ou mais unidades domiciliares na mesma edificação, com acessoe instalações comuns a todas as unidades;XXXII - habitação coletiva econômica - duas ou mais unidades domiciliares econômicas namesma edificação, com acesso e instalações comuns a todas as unidades;XXXIII - habitação unifamiliar econômica - unidade domiciliar econômica em edificação destinadaa uma única habitação;XXXIV - habitação unifamiliar - unidade domiciliar em edificação destinada a uma únicahabitação;XXXV - habitações em lote compartilhado - mais de uma habitação unifamiliar por unidadeimobiliária, conforme definido na legislação de uso e ocupação do solo;XXXVI - índice técnico - índice referente às características técnicas dos materiais e elementosconstrutivos, quanto à resistência ao fogo, isolamento térmico e acústico, condicionamentoacústico, resistência física e impermeabilidade, entre outros aspectos;XXXVII - instalação comercial - projeto de decoração do estabelecimento comercial no qual sãoindicados o mobiliário e os equipamentos, sem alteração do projeto arquitetônico:XXXVIII - interdição - determinação administrativa de impedimento de acesso a obra ou aedificação que apresente descumprimento de embargo ou situação de risco iminente, que podese dar de forma parcial ou total:XXXIX - lâmina vertical - elevação vertical de edifício localizado sobre volume de construçãopredominantemente horizontal;XL - legislação de uso e ocupação do solo - conjunto de normas urbanísticas contidas no PlanoDiretor de Ordenamento Territorial do Distrito Federal - PDOT - e Planos Diretores Locais PDL,em legislação específica e em normas regulamentadoras;XLI - licenciamento - expedição de documentos oficiais abaixo relacionados que autorizam aexecução de obras ou serviços:a) alvará de construção - documento expedido que autoriza a execução de obras iniciais, obrasde modificação com acréscimo ou decréscimo de área e obras sem acréscimo de área comalteração estrutural. condicionado à existência de projeto aprovado ou visado e sem exigênciasprocessuais;b) licença - documento expedido nos demais casos não objeto de alvará de construção;XLII - lote - unidade imobiliária que constitui parcela autônoma de um parcelamento, definida porlimites geométricos e com pelo menos uma das divisas voltadas para a área pública;XLIII - marquise - cobertura, em balanço ou não, na parte externa de uma edificação, destinada àproteção da fachada ou a abrigo de pedestres;XLIV - memorial de incorporação - conjunto de documentos arquivados no competente cartório deregistros de imóveis que possibilita negociar as unidades autônomas em edificações, emconstrução ou a construir, que se destinam à constituição de condomínios;XLV - multa - pena pecuniária;XLVI - normas técnicas brasileiras - normas estabelecidas pela Associação Brasileira de NormasTécnicas - ABNT;XLVII - obras de arquitetura - conjunto de trabalhos de execução referentes a edificações,conjuntos arquitetônicos e monumentos, arquitetura paisagística e de interiores:XLVIII - obras complementares - obras executadas como decorrência ou como parte dasedificações;XLIX - obras de engenharia - conjunto de trabalhos de execução referentes a construção deestradas, pistas de rolamento, aeroportos, portos, canais, barragens, diques, pontes e grandesestruturas e a sistemas de transportes, de abastecimento de água e saneamento, de drenagem ede irrigação;L - obra em execução - toda e qualquer obra que não tenha sua conclusão atestada pelorespectivo certificado;LI - parâmetros urbanísticos - índices referentes ao uso e à ocupação do solo;LII - pé-direito - medida vertical de um andar de edifício do piso ao teto acabado ou do piso aoforro de compartimento ou ambiente:
Page 3 of 29Lei2105 - Codigo Edif Obras9/8/2010http://www.fazenda.df.gov.br/aplicacoes/legislacao/legislacao/TelaSaidaDocumento.cfm...

Activity (4)

You've already reviewed this. Edit your review.
1 hundred reads
1 thousand reads
Jorge Costa liked this
tiatek liked this

You're Reading a Free Preview

Download
/*********** DO NOT ALTER ANYTHING BELOW THIS LINE ! ************/ var s_code=s.t();if(s_code)document.write(s_code)//-->