Welcome to Scribd, the world's digital library. Read, publish, and share books and documents. See more
Download
Standard view
Full view
of .
Look up keyword
Like this
6Activity
0 of .
Results for:
No results containing your search query
P. 1
Resumo sobre Kant (aula)

Resumo sobre Kant (aula)

Ratings: (0)|Views: 494 |Likes:
Published by historiaspsi

More info:

Published by: historiaspsi on Sep 01, 2010
Copyright:Attribution Non-commercial

Availability:

Read on Scribd mobile: iPhone, iPad and Android.
download as PDF, TXT or read online from Scribd
See more
See less

05/21/2013

pdf

text

original

 
KANT:
(Resumo Elaborado Por Yasmin Haddad)• Abandono da idéia de “ser em si”. Mostra que aquilo que conhecemos não é um sercomo um ser “em si”, mas sim, um ser para ser
conhecido
, algo posto logicamente pelo
sujeito conhecedor
.• Para Kant, a filosofia é vista como uma
teoria do conhecimento
. No entanto, Kantfala de uma ciência físico-matemática pré-estabelecida, e ao falar de conhecimento Kantse refere ao conhecimento matemático-científico da Natureza.• A teoria do conhecimento significa para Kant a teoria da física matemática de Newton,assim chamada pelo filósofo de “fato” da razão pura. Tal fato é a ciência físico-matemática da Natureza.JUÍZOS ANALÍTICOS E JUÍZOS SINTÉTICOS:• A ciência físico-matemática da natureza é composta de
 juízos
. Ou seja,
teses,afirmações, proposições
das quais se diz algo. Estes juízos são o ponto de partida dopensamento de Kant. Os juízos não são vivências psicológicas, não são fatos daconsciência subjetiva. Os juízos são
enunciações objetivas
acerca de algo; teses decaráter lógico que são verdade ou erro.• Todo juízo consiste em um
sujeito lógico
, do qual se diz algo, e de um
predicado,
 aquilo que se diz de um sujeito.• Os juízos podem ser divididos em dois grupos: juízos
sintéticos
e juízos
analíticos
.
 
 
Juízos Analíticos Juízos Sintéticos
São aqueles onde o predicado do juízo está contido no conceito do sujeito.Ao analisar o conceito de sujeito edividindo-o em seus elementosconceptuais, encontramos o predicadocomo um destes elementos.
→ Exemplo: “o
triângulo tem três ângulos” –ao verificar mentalmente oconceito de triângulo eanalisá-lo logicamenteverifica-se que dentro dosujeito (triângulo) está o terde três ângulos.São aqueles nos quais o conceito dopredicado não está contido no conceito desujeito. O juízo consiste em unirsinteticamente elementos no sujeito e nopredicado.
→ Exemplo: “o calor dilata os
corpos” – ao analisar o conceitode calor, não encontramos nele,incluído nele, o conceito dedilatação dos corpos.O fundamento da legitimidade dos juízosanalíticos está no
princípio deidentidade
. Como o sujeito contém opredicado, este é um juízo de identidade,repetindo no predicado aquilo que jáexiste no sujeito.O fundamento dos juízos sintéticos está na
experiência
, na percepção sensível. Noexemplo do calor e da dilatação dos corpos, o juízo é feito em relação ao calor, e a dilataçãodos corpos ocorre em relação ao calor, masnão está contida neste, e não se pode fazer talafirmativa sem base na experiência, porque opróprio sujeito tem a
percepção sensível
deque quando um corpo é esquentado, este setorna mais volumoso.• São verdadeiros, pois dizem mais que opredicado daquilo que já há no sujeito.• São universais, válidos em todo lugar eem todo tempo, pois explicitam nopredicado aquilo que há no sujeito, e estaexplicitação independe de tempo e lugar.• Por serem verdadeiros, necessários euniversais, os juízos analíticos não temsua origem na experiência, mas na
análisemental do conceito de sujeito
.
A PRIORI:
não têm origem naexperiência.• São verdadeiros enquanto a experiência(neste caso, a percepção sensível) os analisa. • A validez destes juízos é limitada àexperiência sensível.• São juízos que são apenas verdadeiros“aqui” e “agora”.• Particulares e contingentes;
A POSTERIORI:
têm origem naexperiência.

Activity (6)

You've already reviewed this. Edit your review.
1 hundred reads
1 thousand reads
Nthn Oliver liked this
Rosy Franklin liked this
Rebeca Ramalho liked this
Paulinho Lugão liked this

You're Reading a Free Preview

Download
/*********** DO NOT ALTER ANYTHING BELOW THIS LINE ! ************/ var s_code=s.t();if(s_code)document.write(s_code)//-->