Welcome to Scribd, the world's digital library. Read, publish, and share books and documents. See more
Download
Standard view
Full view
of .
Look up keyword
Like this
19Activity
0 of .
Results for:
No results containing your search query
P. 1
Trabalho Interdisciplinar - DIREITOS DO CONSUMIDOR: análise de cartilhas e outras peças

Trabalho Interdisciplinar - DIREITOS DO CONSUMIDOR: análise de cartilhas e outras peças

Ratings: (0)|Views: 3,215 |Likes:
Published by Bruno Pimentel
Trabalho interdisciplinar realizado por alunos de 1º período de publicidade e propaganda do Centro Universitário Newton Paiva, Sobre análises de cartilhas e outras peças nos direitos do consumidor
Trabalho interdisciplinar realizado por alunos de 1º período de publicidade e propaganda do Centro Universitário Newton Paiva, Sobre análises de cartilhas e outras peças nos direitos do consumidor

More info:

Published by: Bruno Pimentel on Oct 21, 2010
Copyright:Attribution Non-commercial

Availability:

Read on Scribd mobile: iPhone, iPad and Android.
download as DOC, PDF, TXT or read online from Scribd
See more
See less

06/03/2013

pdf

text

original

 
CENTRO UNIVERSITÁRIO NEWTON PAIVAFACULDADE DE CIÊNCIAS SOCIAIS APLICADASCURSO DE PUBLICIDADE E PROPAGANDA
DIREITOS DO CONSUMIDOR
:
análise de cartilhas e outras peças
.
Andre Luiz Nascimento de FreitasBruno Almeida PimentelLudmilla Lara GusmãoMairy Luiza Araújo Alves de LimaNayara Cássia de FariaRafael Sydney Gelape NascimentoThais de Morais Marcelino
Belo HorizonteMaio / 2009
 
INTRODUÇÃO.
Até os anos 90 não existia uma lei que protegesse as pessoas que comprassem umproduto ou contratassem qualquer serviço no Brasil. Se o consumidor adquirisse umproduto com defeito ou contratasse um serviço e não fosse bem atendido, não haviacomo defender-se. Se o estabelecimento quisesse trocar o produto defeituoso,trocava; se a prestadora de serviços quisesse reparar o serviço mal executado,reparava; caso contrário, o consumidor ficava no prejuízo.Em março de 1991 entrou em vigor a Lei nº 8.078/90, que é mais conhecida comoCódigo de Defesa do Consumidor. Esta lei foi criada para proteger as pessoas quefazem compras ou contratam algum serviço; harmonizou as relações de consumo eestabeleceu obrigações para fabricantes, fornecedores e prestadores de serviços.Trouxe também uma série de cuidados para a comunicação e publicidade de bens eprodutos, que alterou a forma de se fazer publicidade e propaganda, com o objetivode proteger o consumidor.Na cada de 90, juntamente com o digo de Defesa do Consumidor, foiinaugurado o Procon Assembléia, um órgão administrativo do Poder Legislativomineiro, com o objetivo de harmonizar os interesses dos participantes das relaçõesde consumo e intermediar os conflitos entre os consumidores e os fornecedores.Atua também na educação e informação das partes, quanto aos seus direitos edeveres, com vistas à melhoria do mercado de consumo.Segundo o Deputado Alberto Pinto Coelho, Presidente da Assembléia Legislativa deMinas Gerais, “O Parlamento mineiro tem no Procon Assembia um óroindispensável na tarefa de transformar o consumidor em um sujeito capaz depesquisar, escolher e recusar, aprendendo a utilizar em seu proveito o Código deDefesa do Consumidor.”
2
 
Apesar do número crescente de reclamações ao longo dos anos, devemos destacar consumidores conscientes, servidores públicos dedicados, fornecedores corretos,órgãos de governo competentes e meios de comunicação incansáveis, que buscamsempre a informação e defesa dos consumidores.
OBJETIVOS:
analisar cartilhas sobre direito do consumidor;
averiguar a eficácia destas cartilhas;
analisar o papel da publicidade relacionada aos direitos do consumidor;
verificar se a publicidade não infringe o código de defesa do consumidor.
OS DIREITOS DO CONSUMIDOR.
O
direito do consumidor 
é um ramo do direito que lida com conflitos de consumo ecom a defesa dos direitos dos consumidores, e que se encontra desenvolvido namaior parte dos países com sociedades de consumo e sistemas legais funcionais.São direitos básicos do consumidor de acordo com o artigo 6 do Código de Defesado Consumidor (CDC):
1. Proteção da vida e da saúde
Antes de comprar um produto ou utilizar um serviço você deve ser avisado, pelofornecedor, dos possíveis riscos que podem oferecer à sua saúde ou segurança.
2. Educação para o consumo
Você tem o direito de receber orientação sobre o consumo adequado e correto dosprodutos e serviços.
3

Activity (19)

You've already reviewed this. Edit your review.
1 hundred reads
1 thousand reads
Deyliane Silva liked this
marciac_57 liked this
Tatiane Laine liked this
Tatiane Laine liked this
jhorge3 liked this
Tatiane Laine liked this
Elieberce Jose liked this

You're Reading a Free Preview

Download
scribd
/*********** DO NOT ALTER ANYTHING BELOW THIS LINE ! ************/ var s_code=s.t();if(s_code)document.write(s_code)//-->