Welcome to Scribd, the world's digital library. Read, publish, and share books and documents. See more
Download
Standard view
Full view
of .
Save to My Library
Look up keyword
Like this
4Activity
0 of .
Results for:
No results containing your search query
P. 1
Física - II - Apostila III - Óptica Geométrica

Física - II - Apostila III - Óptica Geométrica

Ratings:

4.5

(2)
|Views: 1,577 |Likes:

More info:

Published by: Física Caderno de Resoluções on Jul 20, 2008
Copyright:Attribution Non-commercial

Availability:

Read on Scribd mobile: iPhone, iPad and Android.
download as PDF, TXT or read online from Scribd
See more
See less

11/22/2012

pdf

text

original

 
22.
R f 
==
    
+
    
=
2112
11.11
 R Rnn f 
Aula 11
Óptica Geométrica IV
Uma visão Matemática
Introdução
Nas definições a seguir, usaremos o termo
distância 
referindo-se a um valor algébrico,portanto podendo assumir valores positivos enegativos.
Distância Focal
Denomina-se distância focal (f) a distânciaentre o vértice (V) de um sistema óptico e ofoco da imagem.R>0 (espelho côncavo).R<0 (espelho convexo).Para Lentes:n
2
(índice de refraçãodo material da lente)e n
1
(índice derefração do meio externo).Adotaremos que:Se f>0, o Sistema Óptico é convergente(espelho côncavo, lente convergente);Se f<0, o SO é divergente (espelho convexo,lente divergente);Face côncava: raio positivoFace convexa: raio negativoOBS: O ponto distante 2f do centro óptico échamado antiprincipal. A um objeto colocadoneste ponto, o sistema óptico sempreconjuga uma imagem do mesmo tamanho doobjeto.
Equação de conjugação
Esta equação é chamada de Equação deampliaçãoVamos definir o aumento linear transversal(A) como sendo a razão entre o tamanho daimagem(y´) e o tamanho do objeto(y). Daí aequação acima.Temos também:A equação ao lado échamada de Equação daconjugação de Gauss.p>0 objeto real p<0 objeto virtualp´>0 imagem real p´<0 imagem virtualA>0 imagem direita
A<0 imagem invertida
Exercícios
1-) Um lápis de 6cm de comprimento está colocadoverticalmente sobre o eixo principal de um espelhoesférico côncavo de raio de curvatura 40cm,distante deste 30cm. Determine as característicasda imagem do lápis fornecida pelo espelho.2-) Um objeto real, disposto a 60cm de um espelhoesférico, produz uma imagem virtual a 30cm deste.Determine a distância focal e a natureza desseespelho.3-) A que distância do vértice de um espelhoesférico de raio de curvatura 60cm deverá sercolocado um objeto real, de modo que o espelhoforneça uma imagem de altura duas vezes maiorque a altura do objeto.4-) (FEI) Um objeto retilíneo, de altura h, encontra-se em frente de um espelho côncavo, de raio decurvatura R, a uma distância d do espelho. Paraque sua imagem real tenha altura h/2, quantodeverá valer a distância d?
Gabarito:1- Real a 60 cm do vértice do espelho, invertida e de altura12cm. 2-Convexo, 60cm. 3-A 15cm para reverter imagemduas vezes maior e direita ou a 45cm para reverter imagemduas vezes maior e invertida. 4-1,5R.
ABVFP
 p p y y A
´´
==
´111
 p p f 
+=
 
Aula 12
 
Eletrostática II
Força Elétrica, Lei de Coulomb.
Introdução
A eletrostática é a parte da física queestuda as cargas em repouso.É importante notar que o conceito de campoelétrico é bastante abstrato, o que noslevará, sempre que possível, a associá-lo e acompará-lo ao campo gravitacional que, deuma forma ou de outra, nos é mais familiar.Outra observação interessante é que asgrandezas estudadas são todas vetoriais e,sendo assim, uma revisão de operações comvetores se faz
essencial 
.
A Força Elétrica – Lei de Coulomb
De acordo com o princípio das AçõesElétricas, cargas de sinais iguais se repeleme de sinais opostos se atraem. Aplicandoesse princípio, podemos determinar adireção e o sentido das forças elétricas queatuam em corpos eletrizados considerados
puntiformes 
, No entanto, como será possíveldeterminar as intensidades dessas forçaselétricas? Essa pergunta foi respondida pelofísico Francês Charles Augustin Coulomb(1736 – 1806). Consideremos duaspartículas puntiformes eletrizadas comquantidades de carga Q e q,respectivamente, afastadas a uma distânciar, como mostra o esquema a seguir.Segundo o princípio da Ação e Reação, aspartículas irão se atrair ou se repelir,(dependendo do sinal das cargas), comforças elétricas de mesma intensidade (F
el
),dada pela Lei de Coulomb, como é mostradoa seguir:O fator de proporcionalidade para o vácuo é:
K
0
=9.10
9
N.m
2
/C
2
Obs: As partículas podem ser consideradaspuntiformes quando suas dimensões sãomuito pequenas em relação à distância entreelas e, conseqüentemente, podemosdesprezar o efeito de atração por indução.
Exercícios:
1-) A força de atração gravitacional (F
g
) entredois corpos é dada pela Lei da GravitaçãoUniversal de Newton, que diz: “Matéria atraimatéria na razão direta das massas e inversado quadrado da distância”. Matematicamentetemos:Onde G é a constante de gravitaçãouniversal:G=6,7.10
-11
N.m
2
 /Kg
2
 Calcule a intensidade da força de atraçãoelétrica que o próton do núcleo que umátomo de hidrogênio exerce sobre o elétronque o orbita. Em seguida, calcule o valor daforça de atração gravitacional entre essasduas partículas. Compare os valores obtidos.Dados: Carga elétrica elementar e=1,6.10
-19
 C ; raio médio da órbita do elétron r=5,3.10
-11
 m ; massa do próton M=1,7.10
-27
Kg ; massado elétron m=9,1.10
-31
Kg.
Qqr
2
..
qQ
el
=
2
..
m M G
g
=
 
2-) Considere duas esferas muito pequenasA e B eletrizadas com quantidades de carga:Fixadas conforme o esquema a seguir:Calcule o valor da distância x, em relação àesfera A, da posição na qual podemosabandonar uma esfera muito pequena C, dequantidade de carga q<0, de modo que elapermaneça em repouso. Despreze a açãogravitacional e considere o meio como sendoo vácuo.3-) Duas partículas puntiformes A e B,eletrizadas igualmente com quantidades decargaSão fixadas como mostra a figura a seguir:Determine a massa que deve possuir umaesfera muito pequena, de quantidade decarga:Para que ela permaneça em equilíbrioquando abandonada no ponto C da figura.Admita como meio o vácuo e
g=10m/s 
.4-) No esquema a seguir, as partículaspuntiformes A,B e C estão colocadas novácuo e eletrizadas com cargas:Calcule a resultante de forças elétricas queatuam na partícula C.5-) Determine a aceleração instantânea(Intensidade, direção, sentido) sofrida poruma partícula puntiforme de quantidade decarga
q
µ 
1
=
e massa m=1g, abandonadano vértice P do triângulo eqüilátero de lado3,0m, do esquema ao lado. Despreze a açãoda gravidade e considere o meio como sendoo vácuo.
3mP
 
6-) Qual a intensidade da força de atraçãoelétrica entre um núcleo de um átomo deferro(Q=26e) e seu elétron mais interno(q=-e), sabendo-se que este possui umaórbita média de raio r=1,5.10
-12
m.Sabendo-se que: e=1,6.10
-19
C e que o meio é o vácuo.Gabarito:
1-)
Fel=8,2.10
-8
N;Fg=3,7.10
-47
N; Fel=2,2.10
39
.Fg
2-)4m3-) m=1,0.10
-4
Kg4-)6,0.10
-3
N5-)100m/s
2
, horizontal, para esquerda6-)2,7.10
-3
N
Q
a
µ 
4
=
Q
b
µ 
1
=
AB6m
Q
µ 
1
=
AB3m3m1,5mC
QcQbQa
µ  µ 
1 , 3
===
 µ 
100
 µ 
100
A B C2m1m

Activity (4)

You've already reviewed this. Edit your review.
1 hundred reads
1 thousand reads
Gerson Pompeu liked this

You're Reading a Free Preview

Download
/*********** DO NOT ALTER ANYTHING BELOW THIS LINE ! ************/ var s_code=s.t();if(s_code)document.write(s_code)//-->