Welcome to Scribd, the world's digital library. Read, publish, and share books and documents. See more
Download
Standard view
Full view
of .
Save to My Library
Look up keyword
Like this
98Activity
0 of .
Results for:
No results containing your search query
P. 1
teste gil vicente com correcção

teste gil vicente com correcção

Ratings: (0)|Views: 7,215 |Likes:
Published by Paula Cruz
teste gil vicente (onzeneiro e Fidalgo)
teste gil vicente (onzeneiro e Fidalgo)

More info:

Published by: Paula Cruz on Oct 28, 2010
Copyright:Attribution Non-commercial

Availability:

Read on Scribd mobile: iPhone, iPad and Android.
download as PDF, TXT or read online from Scribd
See more
See less

06/19/2013

pdf

text

original

 
 
EBS do Cerco - Turma Rede
 –
9.º ano
1
TESTE DE AVALIAÇÃO DE LÍNGUA PORTUGUESA
GRUPO ILê o mapa e o texto. Em caso de necessidade, consulta o vocabulário apresentado a seguir ao texto.
TEXTO A
 –
 
ESTÁ NA MODA APRENDER PORTUGUÊS
 
 
 
EBS do Cerco - Turma Rede
 –
9.º ano
2
Selecciona, para responderes a cada item (1.1. a 1.5.), a opção que permite obter a afirmação adequada aosentido do mapa e do texto. Escreve o número do item e a letra correspondente a cada opção queescolheres.1.1. O mapa contém a indicação do número de(A) países em que a língua oficial é o português.(B) residentes portugueses em diferentes países e continentes.(C) imigrantes oriundos de vários países e residentes em Portugal.(D) estudantes de português em diferentes países e continentes1.2. De acordo com o mapa, o número de portugueses residentes no Brasil é(A) inferior ao número de portugueses residentes em Espanha.(B) inferior ao número de portugueses residentes no Reino Unido.(C) superior ao número de portugueses residentes na Alemanha.(D) superior ao número de portugueses residentes em França.1.3. No texto, a informação de que o português está em expansão em Espanha é apresentada como sendoum facto(A) preocupante.(B) tranquilizador.(C) previsível.(D) surpreendente.1.4. De acordo com o texto, o interesse crescente pela língua portuguesa, na China, deve-se à vontade de(A) conhecer o futebol português.(B) fazer turismo em Portugal.(C) estabelecer negócios em África.(D) investir na economia brasileira.1.5. Na linha 17, a palavra «todavia» pode ser substituída pela expressão(A) por isso.(B) além disso.(C) por conseguinte.(D) no entanto.
 
 
EBS do Cerco - Turma Rede
 –
9.º ano
3
TEXTO B
Vem um Onzeneiro, e pergunta ao Arrais do Inferno,dizendo:
ONZENEIRO Pera onde caminhais?DIABO Oh! que má-hora venhais,onzeneiro, meu parente!Como tardastes vós tanto?ONZENEIRO Mais quisera eu tardar...Na safra do apanharme deu Saturno quebranto.DIABO Ora mui muito m'espantonom vos livrar o dinheiro!...ONZENEIRO Solamente para o barqueironom me leixaram nem tanto...DIABO Ora entrai, entrai aqui!ONZENEIRO Não hei eu i d'embarcar!DIABO Oh! que gentil recear,e que cousas pera mi!...ONZENEIRO Ainda agora faleci,leixa-me buscar batel!DIABO Pesar de Jam Pimentel!Porque não irás aqui?...ONZENEIRO E pera onde é a viagem?DIABO Pera onde tu hás-de ir.ONZENEIRO Havemos logo de partir?DIABO Não cures de mais linguagem.ONZENEIRO Mas pera onde é a passagem?DIABO Pera a infernal comarca.ONZENEIRO Dix! Nom vou eu tal barca.Estoutra tem avantagem.Vai-se à barca do Anjo, e diz:Hou da barca! Houlá! Hou!Haveis logo de partir?ANJO E onde queres tu ir?ONZENEIRO Eu pera o Paraíso vou.ANJO Pois cant'eu mui fora estoude te levar para lá.Essoutra te levará;vai pera quem te enganou!ONZENEIRO Porquê?ANJO Porque esse bolsãotomará todo o navio.ONZENEIRO Juro a Deus que vai vazio!ANJO Não no teu coração.ONZENEIRO me fica, de rondão,minha fazenda e alhea.ANJO Ó onzena, como és feae filha de maldição!Torna o Onzeneiro à barca do Inferno e diz:ONZENEIRO Houlá! Hou! Demo barqueiro!Sabês vós no que me fundo?Quero lá tornar ao mundoe trazer o meu dinheiro.que aqueloutro marinheiro,porque me vê vir sem nada,dá-me tanta borregadacomo arrais lá do Barreiro.DIABO Entra, entra, e remarás!Nom percamos mais maré!ONZENEIRO Todavia...DIABO Per força é!Que te pês, cá entrarás!Irás servir Satanás,pois que sempre te ajudou.ONZENEIRO Oh! Triste, quem me cegou?DIABO Cal'te, que chorarás.Entrando o Onzeneiro no batel, onde achou oFidalgo embarcado, diz tirando o barrete:ONZENEIRO Santa Joana de Valdês!Cá é vossa senhoria?FIDALGO ò demo a cortesia!DIABO Ouvis? Falai vós cortês!Vós, fidalgo, cuidareisque estais na vossa pousada?Dar-vos-ei tanta pancadacom um remo que renegueis!
1.
 
“(…)
onzeneiro, meu parente!
Explica este verso proferido pelo Diabo.
 2.
 
”Ora mui muito m'espanto / 
 
nom vos livrar o dinheiro!...”
 
2.1.
 
Indica qual o recurso expressivo utilizado nesta frase e explicita o seu valor expressivo.
3.
 
Quando entra em cena, o Onzeneiro traz consigo um símbolo cénico.
3.1.
 
Diz qual é e indica qual o seu valor simbólico.
4.
 
Diz quais os argumentos de acusação usados pelo Diabo e pelo Anjo.

Activity (98)

You've already reviewed this. Edit your review.
1 hundred reads
1 thousand reads
Beatriz Gama liked this
Ana Cardoso liked this

You're Reading a Free Preview

Download
/*********** DO NOT ALTER ANYTHING BELOW THIS LINE ! ************/ var s_code=s.t();if(s_code)document.write(s_code)//-->