Welcome to Scribd, the world's digital library. Read, publish, and share books and documents. See more
Download
Standard view
Full view
of .
Save to My Library
Look up keyword
Like this
29Activity
0 of .
Results for:
No results containing your search query
P. 1
Tratamento de esgoto (saneamento)

Tratamento de esgoto (saneamento)

Ratings:

4.33

(3)
|Views: 3,640 |Likes:
CURSO DE TRATAMENTO DE ESGOTO
CURSO DE TRATAMENTO DE ESGOTO

More info:

Published by: Gustavo Henrique Wanderley on Jul 28, 2008
Copyright:Attribution Non-commercial

Availability:

Read on Scribd mobile: iPhone, iPad and Android.
download as PDF, TXT or read online from Scribd
See more
See less

05/12/2013

pdf

text

original

 
EEA Empresa de Engenharia Ambiental Ltda. eea@eea.eng.brCurso de Tratamento de Esgoto – texto oferecido gratuitamente pela Empresa de Engenharia Ambiental - EEA
Divulgação neste site (www.comitepcj.sp.gov.br) por iniciativa da Câmara Técnica de Saneamento (CT-SA) dos Comitês PCJ
128
3. Hidráulica e Cinética dos Reatores:3.1 Introdução:
Foi visto até o momento, uma introdução ao tratamento do esgoto. Foi verificadocomo quantificar, caracterizar e preparar o esgoto para o tratamento final.Antes de entrarmos nos projetos de estações de tratamento de esgoto é necessárioque o aluno conheça fundamentos de hidráulica e cinética dos reatores.A hidráulica é exaustivamente vista no curso de engenharia civil. Já, cinética dosreatores é estudada no curso de engenharia química e devido aos processos serembiológicos são, portanto, abordados nos cursos de biologia.O capítulo 3 dará ênfase ao balanço de massa, à cinética e hidráulica dos reatores.O capítulo 4 abrangerá os processos biológicos.O item 3.1.1 será apenas uma revisão das principais fórmulas químicas,necessárias para o dimensionamento de algumas unidades do tratamento de esgoto.
3.1.1 Concentração das Soluções:-
 
Percentagem em massa (Pm):
Pm = 100 * m1 / m ;
-
 
Titulação (T):
T = m1 / m;
m1 = massa do soluto;m = massa da solução; m1 = massa do soluto;m = massa da solução;m = massa do soluto + a massa do solvente.
 
EEA Empresa de Engenharia Ambiental Ltda. eea@eea.eng.brCurso de Tratamento de Esgoto – texto oferecido gratuitamente pela Empresa de Engenharia Ambiental - EEA
Divulgação neste site (www.comitepcj.sp.gov.br) por iniciativa da Câmara Técnica de Saneamento (CT-SA) dos Comitês PCJ
129
-
 
Percentagem em volume (Cv):
Cv = 100 * m1 / V ;
-
 
Concentração comum (C):
C = m1 / V ;
- Concentração Molar ou Molaridade (Cm):
Cm = m / (V*M);
-
 
Concentração Normal ou Normalidade (Cn):
Cn = M / ( V * E);
3.1.2 Estequiometria:
Sob o ponto de vista da seleção de processos e projeto de reatores a seremutilizados, os principais fatores a serem considerados são:- Controle da estequiometria;- A taxa da reação ou velocidade da reação;A estequiometria de uma reação é definida como o número de moles dassubstâncias que entram num determinado reator e o número de moles das substânciasproduzidas na reação.
m1 = massa do soluto;V = volume da solução;V = volume do soluto + volume do solvente.m1 = massa do soluto;V = volume da solução;V = volume do soluto + volume do solvente.m = massa do soluto em gramas;V = volume da solução;M = mol do solvente.m = massa do soluto em gramas;
V = volume da solução;E = equivalente grama.
 
EEA Empresa de Engenharia Ambiental Ltda. eea@eea.eng.brCurso de Tratamento de Esgoto – texto oferecido gratuitamente pela Empresa de Engenharia Ambiental - EEA
Divulgação neste site (www.comitepcj.sp.gov.br) por iniciativa da Câmara Técnica de Saneamento (CT-SA) dos Comitês PCJ
130
A estequiometria envolve a aplicação do princípio de conservação de massa,como ilustrado no exemplo:
Exemplo: Oxidação da Glicose
A glicose é representada pela fórmula empírica C
6
H
12
O
6
. Se o composto pode seroxidado a CO
2
e H
2
O, demonstre a ocorrência de conservação de massa na reação.
Solução
: a) Balanço do coeficiente da equação de conversãoC
6
H
12
O
6
+ 6 O
2
 
6 CO
2
+ 6 H
2
Ob) Demonstração de balanço de massamassa de reagentes: C
6
H
12
O
6
+ 6 O
2
massa de produtos: 6 CO
2
+ 6 H
2
OC = 12; H = 1; O = 16;C
6
H
12
O
6
= (6x12) + (12x1) + (6x16) = 180g6 O
2
= 12x6 = 192gmassa de reagentes 372g OK6 CO
2
= (6x12) + (12x16) = 264g6 H
2
O = (12x1) + (6x16) = 108gmassa de produtos 372g OKGeneralizando a estequeometria de uma reação, esta pode ser representada pela equação:aA + bB + cC +....
pP + qQ + rR...onde: A, B, C, ... = espécies reagentes;P, Q, R, ... = espécies produzidas;a, b, c, ... . p, q, r, ... = coeficientes estequeométricos;Fixando-se a quantidade de massa por mol de cada reagente e produto envolvido,além do sinal negativo para cada coeficiente estequeométrico dos reagentes e positivopara cada coeficiente dos produtos, a equação pode ser rearranjada:aA + bB + cC + ... + pP + qQ + rR = 0Aplicando-se ao exemplo, tem-se:(-1mol)(180g/mol)+(-6moles)(32g/mol)+(6moles)(44g/mol)+(6moles)(18g/mol) = 0;

You're Reading a Free Preview

Download
/*********** DO NOT ALTER ANYTHING BELOW THIS LINE ! ************/ var s_code=s.t();if(s_code)document.write(s_code)//-->