Welcome to Scribd, the world's digital library. Read, publish, and share books and documents. See more ➡
Download
Standard view
Full view
of .
Add note
Save to My Library
Sync to mobile
Look up keyword
Like this
398Activity
×
0 of .
Results for:
No results containing your search query
P. 1
Modelos de Ação Trabalhista

Modelos de Ação Trabalhista

Ratings: (0)|Views: 173,765|Likes:
Published by Jackeline Brandão
Coletânea de Modelos de Petições Trabalhistas
Coletânea de Modelos de Petições Trabalhistas

More info:

Published by: Jackeline Brandão on Nov 12, 2010
Copyright:Attribution Non-commercial

Availability:

Read on Scribd mobile: iPhone, iPad and Android.
download as PDF, DOC, TXT or read online from Scribd
See More
See less

02/28/2014

pdf

text

original

 
Modelos de Ação TrabalhistaRITO ORDINÁRIO
EXCELENTÍSSIMO SENHOR DOUTOR JUIZ DA __ VARA DO TRABALHO DE __
 “A”, nacionalidade, estado civil, profissão, nascido em _/_/_, RGn°, data de expedição _/_/_ pela SSP_, CPF/MF n°, n° do PIS, CTPS n° e série,nome da mãe, residente e domiciliado à rua n°, bairro, cidade, estado, CEP, por seu advogado que esta subscreve, com domicílio profissional à rua n°, bairro,cidade, estado, CEP, onde deverá receber suas devidas intimações (procuraçãoem anexo), vem respeitosamente à presença de Vossa Excelência propor: 
AÇÃO TRABALHISTAPELO RITO ORDINÁRIO
 com base no artigo 840, parágrafo 1° da CLT, combinado com o artigo 282do CPC, em face de “B”, devidamente inscrito no CNPJ/MF n°, estabelecida à ruan°, bairro, cidade, estado, CEP, pelos fatos e fundamentos a seguir expostos. 
1) DO RESUMO DO CONTRATO DE TRABALHO
 O reclamante trabalhou na reclamada entre janeiro de 2005 aténovembro de 2009. Exercia a mesma função de “C” desde fevereiro de 2007,sendo que “C” recebia o dobro do salário. O reclamante trabalhava de segunda àsábado das 8 às 18 horas com 1 hora de intervalo para almoço. Foi demitido sem justa causa, recebendo apenas verbas rescisórias. 
2) DA JUSTIÇA GRATUITA
 Conforme lei n° 1060/50 artigo 14, combinado com artigo 790pagrafo da CLT, requer a conceso da justa gratuita em favor doreclamante. 
3) DA COMISSÃO DE CONCILIAÇÃO PRÉVIA
 
 
A Comissão de Conciliação Prévia é uma faculdade doreclamante, conforme artigo 625, D da CLT.Desta forma, busca-se o Poder Judiciário, a fim de que o conflitoabaixo descrito seja solucionado. 
4) DA EQUIPARAÇÃO SALARIA DO RECLAMANTE EM FACE DOPARADIGMA
 Ocorre que o reclamante trabalhou desde fevereiro de 2007 aténovembro de 2009 exercendo a mesma função de “C”, contudo este recebia odobro daquele.Conforme o fato acima descrito, o artigo 7°, XXX da CF, artigo 461da CLT, é devida a equiparação salarial do empregado, tendo em vista que omesmo exercia a mesma função de “C”.Como fundamentação jurídica, pode-se dizer que o princípio daigualdade foi violado, no momento em que duas pessoas com idêntica função detrabalho recebiam salários distintos. Isso demonstra verdadeira desigualdade detratamento a empregados em condições equivalentes de trabalho.Por fim, requer a equiparação salarial a favor do reclamante emface do paradigma, desde fevereiro de 2007 até novembro de 2009, época em queos dois empregados exercera, funções idênticas, porém percebendo diferentessalários. 
5) DAS HORAS EXTRAS DEVIDAS AO EMPREGADO
 O reclamante trabalhava de segunda a sábado, das 8 às 18 horas,com apenas uma 1 hora de intervalo para almoço.Conforme o artigo 7°, XVI e artigo 58 da CLT, são devidas ashoras extras ao empregado que trabalhou além da duração normal do trabalho.Como fundamentação jurídica, não resta duvidas que foi violado odireito do empregado a ser recompensado por seu trabalho suplementar realizado.Isso porque o reclamante possuía uma jornada diária além do limite legal daduração de trabalho normal que são de 8 horas, já que sua jornada diária de labor era de 9 horas. O que gera 1 hora extra por dia.Por fim, o reclamante faz jus ao recebimento do adicional de horasextras com seus devidos reflexos legais. 
 
6) DO PEDIDO
 Diante do exposto é a presente para requerer a procedência daAção nos seguintes termos: 6.1) a concessão da justiça gratuita a favor do reclamante;6.2) a equiparação salarial a favor do reclamante;6.3) o pagamento das horas extras a favor do reclamante com seus devidosreflexos legais Os valores serão devidamente calculados na fase de liquidação desentença. 
7) REQUERIMENTOS FINAIS
 Requer a notificação do reclamado para, querendo, apresentar suas respostas em audiência. Caso não o faça, que seja decretada sua revelia eaplicada a pena de confissão.Alega provar os fatos com todos os meios de provas efundamentos que o direito possui.Dá-se a causa o valor de R$_  Nesses termos,Pede deferimentoLocal e data Nome a assinatura do advogadoOAB/_ n°_ 

Activity (398)

You've already reviewed this. Edit your review.
Anne Livermore liked this
Marcia Santos added this note|
trabalhista models
Marcia Santos added this note|
trabalhista modelos excelente
Marlucia Sousa liked this
1 hundred thousand reads
Aires Reis liked this
Marcio Oliveira liked this
Margareth Fraga liked this

You're Reading a Free Preview

Download
/*********** DO NOT ALTER ANYTHING BELOW THIS LINE ! ************/ var s_code=s.t();if(s_code)document.write(s_code)//-->