Welcome to Scribd, the world's digital library. Read, publish, and share books and documents. See more ➡
Download
Standard view
Full view
of .
Add note
Save to My Library
Sync to mobile
Look up keyword
Like this
9Activity
×
0 of .
Results for:
No results containing your search query
P. 1
Estudo do Processo de Flotação - final

Estudo do Processo de Flotação - final

Ratings: (0)|Views: 6,145|Likes:
Published by deliomaster

More info:

Published by: deliomaster on Nov 21, 2010
Copyright:Attribution Non-commercial

Availability:

Read on Scribd mobile: iPhone, iPad and Android.
download as PDF, TXT or read online from Scribd
See More
See less

12/15/2012

pdf

text

original

 
UNIVERSIDADE FEDERAL DE UBERLÂNDIAFACULDADE DE ENGENHARIA QUÍMICA ECOLOGIA E CONTROLE DE POLUIÇÃO
 ESTUDO DO PROCESSO DE FLOTAÇÃO
Alunos:Délio Barroso de SouzaDiovanina DimasRenata Matos Nicodemos
 Profª: Fabiana Regina Xavier Batista
UBERLÂNDIA2010
 
1.INTRODÃO
 Nos diversos setores industriais uma das etapas mais comumente encontradas é a separaçãode misturas. Há inúmeros métodos de separação a depender das características químicas e físico-químicas das substâncias presentes na mistura e do tipo de mistura (homogênea ou heterogênea).Esses métodos vão deste os mais simples como a filtração, centrifugação e decantação até os maisrobustos como a destilação, extração e cromatografias.A flotação é um desses métodos, nasceu do processamento de minérios com intuito deseparar misturas sólido-sólido tendo grande empregabilidade neste setor. Porém sua aplicação seestendeu a outros processos como o tratamento de efluentes líquidos com elevados teores de óleocomo a indústria petroquímica, frigoríficos, matadouros e de pescado (Schoenhals, 2006).
1.1.Definição
A flotação é uma técnica de separação baseada nos conceitos das propriedades superficiaiscomo a adesão, isto é, esta técnica utiliza da preferência que alguns componentes têm em aderir-se asuperfície de outro; que no caso da flotação, as partículas se aderem a bolhas de ar introduzidas nomeio contendo a suspensão. As partículas aderidas à superfície da bolha que apresenta uma menor densidade e capacidade de flutuar, são carregadas até à superfície do flotador, sendo removidas naforma de espuma. Observa-se neste processo que as partículas são levadas para cima, o contrário doque ocorria espontaneamente, em que as partículas pela ação da gravidade desceriam até o fundo doequipamento, processo conhecido por sedimentação, assim pode-se dizer que a flotação consegueretirar as partículas que possuem baixa velocidade de sedimentação.A explicação do porque algumas partículas se aderem mais facilmente às bolhas está naafinidade que esta partícula tem com a água. Aquelas substâncias que ao entrarem em contato com aágua permitem um espalhamento do líquido sobre sua superfície é dita hidrofílica, ou seja,apresenta grande afinidade com a água. Porém as subsncias que em contato com a água permanecem na forma de gota tentando diminuir o contato o máximo possível são nomeadas dehidrofóbicas apresentando pouca ou nenhuma afinidade com a água. Assim as partículas presentesna suspensão que são hidrofóbicas são repelidas pelas moléculas da água, aderindo-se às bolhasquando em contato com elas. Quando uma substância é hidrofílica pode-se adicionar algunscomponentes no meio fazendo com que esta se torne hidrofóbica a fim de realizar a flotação.A flotação, como dito anteriormente, também é muito utilizada no tratamento de efluentesnas ETE's, sendo um tipo de tratamento primário (pois há a remoção de sólidos) podendo ser aplicado na etapa de espessamento de lodo (Giordano).
 
2.
REVISÃO BIBLIOGRÁFICA
2.1.Tipos de flotação
Por se tratar de um equipamento que pode ser utilizado no tratamento primário de vários processos distintos, foram desenvolvidos vários tipos de sistema de flotação, tanto na área de beneficiamento de minérios como no tratamento de águas oleosas alguns processos merecemdestaque:
A flotação convencional em coluna, sinteticamente, consiste das seguintes etapas:geração das bolhas de gás (normalmente ar) no interior do efluente; colisão entre as bolhas de gás e as gotas de óleo suspensas na água; adesão das bolhas de gás nasgotas de óleo; e ascensão dos agregados gota de óleo/bolhas até a superfície, onde oóleo é removido. A remoção de óleo chega a valores superiores a 93% e é potencializada quando há adições químicas.
 Na Coluna “Multibolhas” é semelhante à coluna de flotação convencional diferindoapenas fluxo de bolhas ascendente, que podem ser geradas tanto por saturação do ar como por reciclo de parte do efluente tratado através de constritores de fluxo.Geralmente o equipamento opera em regime contra corrente, bolhas ascendente ealimentação da mistura descente, mas também pode operar em regime co-corrente e,nesse caso, o influente é injetado juntamente com o ar pela parte inferior da coluna.
 Na Flotação
 Jameson
consiste a injeção de ar auto aspirado por um vem turi e oefluente que é misturado em um tubo vertical (
downcomer 
) junto com o ar. Estamistura forma a estrutura bolha-partícula. A mistura é descarregada num tanqueseparador de fases, onde as estruturas bolha-partícula ascendem à superfície e oefluente tratado é descarregado pela parte inferior do mesmo.
 Na Flotação por Ar Dissolvido (FAD) Na flotação por ar ou gás dissolvido, a misturaé acondicionada em uma câmara onde é saturada por ar ou gás sob pressão. Amistura ao entrar no flotador sofre descompressão súbita, sendo a fase gasosadissolvida liberada em pequenas bolhas.
 Na flotação por ar ou gás induzido, a fase gasosa é introduzida na corrente dealimentação ou no interior do sistema através de um tubo contendo um acessório para dispersão do gás na forma de pequenas bolhas.

Activity (9)

You've already reviewed this. Edit your review.
1 hundred reads
1 thousand reads
Dionatan Ferri liked this
Sayeny Ávila liked this
Tarcisio Muniz liked this
Bianca Loula liked this
Pedro Henrique liked this
Ricardo Leal liked this

You're Reading a Free Preview

Download
/*********** DO NOT ALTER ANYTHING BELOW THIS LINE ! ************/ var s_code=s.t();if(s_code)document.write(s_code)//-->