Welcome to Scribd, the world's digital library. Read, publish, and share books and documents. See more
Download
Standard view
Full view
of .
Save to My Library
Look up keyword or section
Like this
4Activity
P. 1
Lei Complementar 29/1996 - Código Municipal do Meio Ambiente de Joinville

Lei Complementar 29/1996 - Código Municipal do Meio Ambiente de Joinville

Ratings: (0)|Views: 273 |Likes:
Published by bleike
Lei Complementar 29/1996 - Código Municipal do Meio Ambiente de Joinville
Lei Complementar 29/1996 - Código Municipal do Meio Ambiente de Joinville

More info:

Categories:Types, Business/Law
Published by: bleike on Nov 25, 2010
Copyright:Attribution Non-commercial

Availability:

Read on Scribd mobile: iPhone, iPad and Android.
download as PDF, TXT or read online from Scribd
See more
See less

03/15/2012

pdf

text

original

 
LEI COMPLEMENTAR Nº 29, DE 14 DE JUNHO DE 1996INSTITUI O CÓDIGO MUNICIPAL DO MEIO AMBIENTEO Prefeito Municipal de Joinville no exercício de suas atribuições, faz saber que aCâmara de Vereadores de Joinville aprovou e ele sanciona a seguinte Lei:CAPÍTULO IDOS PRINCÍPIOS FUNDAMENTAISArt. 1º -Este código regula os direitos e obrigações concernentes à proteção,controle, conservação e recuperação do Meio Ambiente no Município de Joinville,integrando-o ao Sistema Nacional do Meio Ambiente - SISNAMA.Art. 2º -A política do meio ambiente do Município, respeitadas as competências daUnião e do Estado, objetiva manter o meio ambiente ecologicamente equilibrado, bem deuso comum do povo e essencial à sadia qualidade de vida, impondo-se ao Poder Públicoe à coletividade, o dever de promover sua protão, controle, conservação erecuperação para as presentes e futuras gerações.Art. 3º -Para elaboração, implementação e acompanhamento crítico da política de meioambiente do Município serão observados os seguintes princípios fundamentais:I - multidisciplinaridade no trato das questões ambientais;II - participação comunitária;III - compatibilização com as políticas do meio ambiente nacional e estadual;IV - unidade na política e na sua gestão, sem prejuízo da descentralização das ações;V - compatibilização entre as políticas setoriais e demais ações;VI - continuidade, no tempo e no espaço, das ações básicas de gestão ambiental;VII - estabelecimento de diretrizes específicas para o gerenciamento dos recursoshídricos do Município, através de uma política complementar às políticas nacional eestadual de recursos hídricos e de planos de uso e ocupação das bacias hidrográficas;
 
VIII - prevalência do interesse público;IX - a obrigatoriedade de reparação do dano ambiental independente de outras sançõescivis ou penais;X - adoção de licenciamento e da avaliação de impactos ambientais de empreendimentoscomo medidas preventivas;XI - educação ambiental;XII - fiscalização permanente para adoção de medidas corretivas e punitivas.CAPÍTULO IIDO INTERESSE LOCALArt. 4º -Para o cumprimento do disposto no artigo 30, da Constituição Federal,considera-se, no que concerne ao Meio Ambiente, como de interesse local:I - o estímulo cultural à adoção de hábitos, costumes, posturas e práticas sociais eeconômicas não prejudiciais ao meio ambiente;II - a adequação das atividades púbicas e privadas, rurais e urbanas, às imposiçõesdo equilíbrio ambiental e dos ecossistemas naturais onde se inserem;III - a adoção, no Plano Diretor do Município, de normas relativas ao desenvolvimentourbano que levem em conta a proteção ambiental;IV - a ação na defesa e proteção ambiental no âmbito da Região de Joinville emacordo, convênio e em consórcio com os demais municípios;V - a ação na defesa e proteção ambiental da Serra do Mar e do litoral de Joinvilleem acordos, convênios e em consórcio com outros municípios, tendo em vista o valorecológico e turístico que representar para a comunidade regional;VI - a diminuição dos níveis de poluição atmosférica, hídrica, sonora, visual e dosolo, mantendo-se dentro dos padrões técnicos estabelecidos pelas normas vigentes;VII - o cumprimento de normas federais de segurança, e o estabelecimento de normascomplementares, no tocante ao armazenamento, transporte e manipulação de produtos,materiais e rejeitos perigosos;VIII - a criação e manutenção de parques, reservas e estações ecológicas, áreas deproteção ambiental e as de relevante interesse ecológico e turístico, entre outros;IX - o exercício do poder de polícia em defesa da flora e da fauna, assim como oestabelecimento de critérios de arborização para o Município, com a utilização demétodos e normas de poda que evitem a mutilação das árvores, no aspecto vital e
 
estético;X - a recuperação dos rios e das matas ciliares;XI - a garantia de crescentes níveis de saúde ambiental da coletividade humana e dosindivíduos, inclusive, através do provimento de infra-estrutura sanitária e decondições de salubridade das edificações, vias e logradouros públicos;XII - a protão do patrimônio arstico, histórico, estico, arqueogico,paleontológico, espeleológico, paisagístico e ecológico do município;XIII - o monitoramento de atividades utilizadoras de tecnologia nuclear ou qualquerde suas formas e manifestões, controlando o uso, armazenagem, transporte edestinação de resíduos e garantindo medidas de proteção à população envolvida,respeitadas as normas federais;XIV - a exigência de prévia autorização do óro ambiental municipal para ainstalação de atividades, fabricação e serviços que, de qualquer modo, influenciemnegativamente na qualidade ambiental, mediante a apresentação de análise de risco eestudo de impacto ambiental;XV - o incentivo de estudos objetivando a solução de problemas ambientais, bem como apesquisa e o desenvolvimento de produtos, processos, modelos e sistema designificativo interesse ecológico;CAPÍTULO IIIDA COMPETÊNCIA E DA AÇÃO DO MUNICÍPIO DE JOINVILLEArt. -Ao Município de Joinville, no exercício de sua competência, incumbemobilizar e coordenar suas ações e recursos humanos, financeiros, materiais, técnicose científicos, bem como a participação da população, na consecução dos objetivos einteresses estabelecidos nesta Lei Complementar, devendo:I - planejar e desenvolver ações de autorização, promoção, proteção, conservação,preservação, recuperação, restauração, reparação, vigilância e melhoria da qualidadeambiental;II - definir e controlar a ocupação e uso dos espaços territoriais, de acordo com aLei de Uso e Ocupação do Solo Urbano do Município;III - elaborar e implementar o Plano Diretor Municipal de Proteção ao Meio Ambiente;IV - exercer o controle da poluição ambiental;V - definir áreas prioritárias de ação governamental relativas ao meio ambiente,visando a preservação e melhoria da qualidade ambiental e do equilíbrio ecológico;VI - identificar, criar e administrar unidades de conservação e de outras áreas para

Activity (4)

You've already reviewed this. Edit your review.
1 thousand reads
1 hundred reads
Tabata Soares liked this
Tabata Soares liked this

You're Reading a Free Preview

Download
/*********** DO NOT ALTER ANYTHING BELOW THIS LINE ! ************/ var s_code=s.t();if(s_code)document.write(s_code)//-->