Welcome to Scribd. Sign in or start your free trial to enjoy unlimited e-books, audiobooks & documents.Find out more
Download
Standard view
Full view
of .
Look up keyword
Like this
1Activity
0 of .
Results for:
No results containing your search query
P. 1
CHRISTINE- O DIÁRIO SECRETO

CHRISTINE- O DIÁRIO SECRETO

Ratings: (0)|Views: 0|Likes:
Published by Junior Omni

More info:

Published by: Junior Omni on Dec 05, 2010
Copyright:Attribution Non-commercial

Availability:

Read on Scribd mobile: iPhone, iPad and Android.
download as PDF, TXT or read online from Scribd
See more
See less

04/09/2014

pdf

text

original

 
 Christine era ainda muito jovem quando entrou para o convento. Ela queria servir a Deus com inteireza de coração. Vivendo numa família muito rígida, conservadora, epuritana, ela aprendeu desde cedo as sagradas letras, com sua mãe que, todas asmanhãs, acompanhada de uma Bíblia, ensinava-lhe um novo capítulo da palavra deDeus.
 
Após cada leitura bíblica, Christine dobrava os joelhos, em seu quarto, ao lado desua cama, e fazia uma breve oração. Era assim que todas as manhãs ela começava oseu dia. Seu lar tinha a graça e a paz divina, e a vida de todos, dentro daquela casa, eratranquila, pois viviam em perfeita harmonia. Na escola, Christine destacava-se dosdemais alunos. Notava-se um brilho em sua face, era algo sobrenatural! Suas poucasamigas, e bem poucas mesmo, diziam que ela era um “anjo”, por causa de sua pureza einocência entre os demais.Christine não compartilhava seus sentimentos mais íntimos com ninguém, poisaprendera com sua mãe que, não se podia confiar cegamente nas pessoas,principalmente naquelas que não professavam a mesma fé. A Sra. ‘Dorothy’ era mesmo“severa”, e não tirava os olhos de sua filha sequer um minuto.Quando Christine completou dezessete anos, sua tia ‘Esther’ lhe presenteou comum lindo diário. Havia chegado o momento daquela jovem arrumar as suas malas, sedespedir de sua família e ir para o convento, pois este era o seu grande sonho. A partir deentão ela passaria por uma incrível transformação.Dentro do convento, junto com freiras e madres, ela se sentia feliz, pois viver umavida de renúncia, era algo penoso para muitas de suas amigas, mas não para Christine,pelo contrário, este sempre foi o seu sonho. Ali, ela cantava louvores e fazia oraçõespelos seus familiares, clamando e pedindo a Deus pela salvação de todos eles.Christine observava cada detalhe naquele convento: os móveis, os utensíliossagrados, os dormitórios, os instrumentos musicais que estavam no conservatório, deonde ela não queria sair, pois toda vez que ouvia as lindas canções que as freirasentoavam, ela sentia sua alma mais leve. Para ela, ali era um pedaço do céu!Com o passar do tempo, Christine foi tomando conhecimento de muitostestemunhos de milagres que já haviam acontecido ali. E isso fazia com que ela gostasseainda mais daquele lugar que, ela mesma julgava ser santo.Ela ouviu histórias de missionárias estrangeiras, que viajavam fazendo missões,ajudando a várias pessoas ao redor do mundo. Tais relatos a deixaram ainda mais feliz, eem sua mente, ela imaginava como seria a sua vida ali, nos próximos anos, dentrodaquele convento.As tardes de Christine eram alegres, ela se reunia com as amigas para fazerem astarefas diárias, mas, com satisfação, ela desenvolvia qualquer atividade, sempre com umsorriso estampado no rosto.Tudo era muito organizado naquele convento. Ali não se falava em sexo,perversidades, atos obscenos, ou qualquer outro assunto dessa natureza. Não haviatelevisão ali, pois não era permitido que as jovens assistissem ás cenas imorais dos filmese das novelas apresentadas pela mídia como forma de entretenimento.

You're Reading a Free Preview

Download
scribd
/*********** DO NOT ALTER ANYTHING BELOW THIS LINE ! ************/ var s_code=s.t();if(s_code)document.write(s_code)//-->