Welcome to Scribd, the world's digital library. Read, publish, and share books and documents. See more
Download
Standard view
Full view
of .
Save to My Library
Look up keyword
Like this
3Activity
0 of .
Results for:
No results containing your search query
P. 1
Institui as Diretrizes da Política Nacional de Promoção da Saúde do Trabalhador do SUS

Institui as Diretrizes da Política Nacional de Promoção da Saúde do Trabalhador do SUS

Ratings: (0)|Views: 1,066 |Likes:
Published by tacianagiesel
Já está disponível consulta pública sobre Políticas de Promoção à Saúde do Trabalhador do SUS
Já está disponível consulta pública sobre Políticas de Promoção à Saúde do Trabalhador do SUS

More info:

Published by: tacianagiesel on Dec 14, 2010
Copyright:Attribution Non-commercial

Availability:

Read on Scribd mobile: iPhone, iPad and Android.
download as DOC, PDF, TXT or read online from Scribd
See more
See less

12/14/2010

pdf

text

original

 
CONSULTA PÚBLICA Nº 48, DE 7 DE DEZEMBRO DE 2010O MINISTRO DE ESTADO DA SAÚDE torna pública, nos termos do art. 34, inciso II,c/c art. 59 doDecreto no 4.176, de 28 de março de 2002, minuta de portaria que instituino âmbito do Sistema Único de Saúde – SUS, as Diretrizes da Política Nacional dePromoção da Saúde do Trabalhador do SUS.O texto em apreço encontra-se disponível, também, no seguinte endereço da Internet:http://www.saude.gov.br/consultapublica.A relevância da matéria recomenda a sua ampla divulgação, a fim de que todos possamcontribuir para o seu aperfeiçoamento.Eventuais sugestões poderão ser encaminhadas, até o dia 5 de fevereiro de 2011, aoMinistério da Saúde, Esplanada dos Ministérios, Bloco G, 7o andar, sala 751, Brasília-DF, CEP 70.058-900, com a indicação “Sugestões à minuta de portaria que institui asDiretrizes da Política Nacional de Promoção da Saúde do Trabalhador do SistemaÚnico de Saúde”, pelo e-mail:comitestsus@saude.gov.br Este endereço de e-mail está protegido contra spambots. Você deve habilitar o JavaScript para visualizá-lo. e pelositiohttp://www.saude.gov.br/consultapublica.JOSÉ GOMES TEMPORÃOPORTARIA NºInstitui as diretrizes da Política Nacional de Promoção da Saúde do Trabalhador doSistema Único de Saúde - SUS.O MINISTRO DE ESTADO DA SAÚDE, no uso da atribuição que lhe confere o incisoII, do parágrafo único do art. 87 da Constituição, eConsiderando o papel do Ministério da Saúde de coordenar nacionalmente a Política deSaúde do Trabalhador, conforme determinam a Constituição Federal, de 3 de outubro de1988, e aLei Nº 8.080, de 19 de setembro de 1990;Considerando a responsabilidade do Ministério da Saúde de estimular a atenção integrale articular as diversas ações nas três esferas de gestão do Sistema Único de Saúde(SUS);Considerando a Rede Nacional de Atenção Integral à Saúde do Trabalhador - RENASTcomo estratégia em saúde do trabalhador no SUS, de acordo com aPortaria Nº1.679/GM/MS, de 19 de setembro de 2002;Considerando as reivindicações históricas dos trabalhadores da saúde e as proposiçõesrelativas à melhoria das condições de trabalho dos trabalhadores do SUS, elaboradas pelo Grupo de Trabalho Saúde do Trabalhador da Mesa Nacional de NegociaçãoPermanente do SUS (MNNP-SUS);Considerando aPortaria Nº 687/GM/MS, de 30 de março de 2006, que aprova a Políticade Promoção da Saúde;
 
Considerando a 3ª Conferência Nacional de Saúde do Trabalhador, a 3ª Conferência Nacional de Gestão do Trabalho e da Educação na Saúde e a Oficina Nacional pelaMelhoria das Condições de Trabalho e Saúde do Trabalhador da Saúde, realizadas entre2005 e 2006;Considerando aPortaria Interministerial Nº 3.241/MS/MTE, de 5 de dezembro de 2007,que instituiu a Comissão Interministerial de Gestão e Regulação do Trabalho e doEmprego na Saúde;Considerando as sugestões apontadas no Relatório Final das atividades do Grupo Saúdee Trabalho no Setor Saúde no âmbito do Ministério da Saúde, criado pela Portaria Nº1.128/ GM/MS, de 4 de junho de 2008;Considerando aPortaria Nº 2.871/GM/MS, de 19 de novembro de 2009, que atribui aoComitê Nacional de Promoção da Saúde do Trabalhador do SUS formular as Diretrizesda Política Nacional de Promoção da Saúde do Trabalhador do SUS;Considerando o documento "Chamado à Ação de Toronto 2006-2015: rumo a umadécada de recursos humanos em saúde nas Américas", que aponta para a necessidade derealizar esforços a longo prazo, intencionais e coordenados para a promoção,fortalecimento edesenvolvimento da força de trabalho em saúde em todas as regiões das Américas;Considerando a importância de criar instrumentos de planejamento de ações voltadas à promoção da saúde do trabalhador do SUS operacionalizadas pelos gestores públicos eempregadores privados;Considerando os trabalhadores do SUS como todos aqueles que se inserem direta ouindiretamente na atenção à saúde nas instituições que compõem o SUS;Considerando que a qualidade do trabalho e a promoção de saúde do trabalhador implicam também, dentre outras ações, a existência de planos de carreiras, cargos esalários; educação permanente; desprecarização dos vínculos de trabalho; cessão e provimento de profissionais; gestão democrática; ambientes e processos de trabalhoadequados; eConsiderando que a abrangência e objeto da Política Nacional de Promoção da Saúdedo Trabalhador do SUS vinculam-se às áreas de Saúde do Trabalhador e da Gestão doTrabalho e da Educação na Saúde, estabelecendo uma articulação estratégica para odesenvolvimento do SUS e o compromisso dos gestores e empregadores com aqualidade do trabalho e com a valorização dos trabalhadores, resolve:Art. 1º Instituir, no âmbito do Sistema Único de Saúde, as Diretrizes da Política Nacional de Promoção da Saúde do Trabalhador do Sistema Único de Saúde.Parágrafo único. A Política de que trata o caput deste artigo visa promover a melhoriadas condições de saúde do trabalhador do SUS, por meio do enfrentamento racional dosfatores de risco e mediante a facilitação ao acesso, às ações e aos serviços de atençãointegral à saúde.
 
Art. 2º A Política Nacional de Promoção da Saúde do Trabalhador do SUS, de que tratao art. 1º desta Portaria, será regida pelos seguintes princípios:I - universalidade, que se refere à abrangência da Política Nacional de Promoção daSaúde do Trabalhador do SUS para todos os trabalhadores dos diferentes órgãos einstituições integrantes do SUS;II - democratização das relações de trabalho, que se refere à garantia da participação dostrabalhadores, por intermédio de mecanismos legitimamente constituídos, naformulação, no planejamento, na gestão, no desenvolvimento, na avaliação das políticase ações relacionadas à saúde do trabalhador do SUS, nos processos e nas relações detrabalho do cotidiano dos estabelecimentos de saúde;III - integralidade da atenção à saúde do trabalhador do SUS, que pressupõe ações de promoção da saúde; prevenção de agravos; vigilância; assistência; recuperação ereabilitação, realizadas de forma articulada;IV - intersetorialidade, que compreende a cooperação mútua da área da saúde comoutras áreas de governo, setores e atores sociais para articulação, formulação,implementação e acompanhamento das diversas políticas públicas que tenham impactosobre os determinantes da saúde dos trabalhadores do SUS;V - qualidade do trabalho, entendida como um conjunto de ações que priorizem formasde gestão, divisão e organização do trabalho que permitam a promoção, proteção,recuperação e reabilitação da saúde do trabalhador do SUS;VI - humanização do trabalho em saúde, que pressupõe construir um novo tipo deinteração entre os atores envolvidos na produção de saúde a partir do desenvolvimentode co-responsabilidades, estabelecimento de vínculos solidários, indissociabilidadeentre atenção e gestão e fortalecimento do SUS;VII - negociação do trabalho em saúde, que pressupõe estabelecer processo denegociação permanente dos interesses e conflitos inerentes às relações de trabalho;VIII - valorização dos trabalhadores, que pressupõe reconhecer o papel fundamental dotrabalhador do SUS na atenção integral à saúde da população garantindo políticas eações que permitam o crescimento pessoal e profissional do trabalhador e estimulemrelações e condições de trabalho adequadas; eIX - educação permanente, que pressupõe a aprendizagem a partir da problematizaçãodo processo de trabalho, pautando-se pelas necessidades de saúde das pessoas e da população, com o objetivo de transformar as práticas profissionais e a própriaorganização do trabalho.Art. 3º As Diretrizes da Política Nacional de Promoção da Saúde do Trabalhador doSUS a serem observadas na elaboração dos planos, programas, projetos e ações desaúde voltados à população trabalhadora do SUS são:I - promover políticas intersetoriais para a melhoria da qualidade de vida e redução davulnerabilidade e dos riscos relacionados à saúde do trabalhador do SUS;

Activity (3)

You've already reviewed this. Edit your review.
1 hundred reads
1 thousand reads

You're Reading a Free Preview

Download
/*********** DO NOT ALTER ANYTHING BELOW THIS LINE ! ************/ var s_code=s.t();if(s_code)document.write(s_code)//-->