Welcome to Scribd, the world's digital library. Read, publish, and share books and documents. See more ➡
Download
Standard view
Full view
of .
Add note
Save to My Library
Sync to mobile
Look up keyword
Like this
112Activity
×
0 of .
Results for:
No results containing your search query
P. 1
SPED Fiscal Contabil

SPED Fiscal Contabil

Ratings:

5.0

(4)
|Views: 44,298|Likes:
Published by heloisamotoki

More info:

Published by: heloisamotoki on Aug 14, 2008
Copyright:Attribution Non-commercial

Availability:

Read on Scribd mobile: iPhone, iPad and Android.
download as PDF, TXT or read online from Scribd
See More
See less

07/16/2013

pdf

text

original

 
Conselho Regional de Contabilidade do Estado de São Paulo
Tel. (11) 3824-5400, 3824-5433 (teleatendimento), fax (11) 3662-0035Email: desenvolvimento@crcsp.org.br | web: www.crcsp.org.brRua Rosa e Silva, 60 | Higienópolis01230 909 | São Paulo SPPresidente: Sergio Prado de MelloGestão 2008-2009
 
Seminário
 
SPEDContábil eSPEDFiscal
 
Elaborado por:
 
Fábio Rodrigues de OliveiraFlavia Kilhian Martin
O conteúdo desta apostila é de inteiraresponsabilidade do autor (a).
 
A reprodução total ou parcial,bem como a reprodução deapostilas a partir desta obraintelectual, de qualquer forma oupor qualquer meio eletrônico oumecânico, inclusive através deprocessos xerográficos, defotocópias e de gravação,somente poderá ocorrer com apermissão expressa do seu Autor(Lei n. 9610)TODOS OS DIREITOSRESERVADOS:É PROIBIDA A REPRODUÇÃOTOTAL OU PARCIAL DESTAAPOSTILA, DE QUALQUERFORMA OU POR QUALQUERMEIO.CÓDIGO PENAL BRASILEIROARTIGO184.
Agosto 2008
 
Sistema Público deEscrituração Digital
SPED
I -Histórico
Por força do princípio federativo, a União, os Estados, oDistrito Federal e os Municípios são dotados de autonomiapolítica, administrativa e financeira, cujas atribuições,competências e respectivas limitações estão previstas naConstituição Federal. –Cada ente tem competência para instituir e administrar osrespectivos tributos.Dessa forma, cada um desses entes, com a finalidade defiscalizar a atividade dos contribuintes, pode estabelecer aobrigação acessória que entender mais interessante, o quegera multiplicidades de rotinas de trabalho e muitaburocracia, tornando o custo para o cumprimento deobrigações tributárias muito alto.
CRC SP - Material exclusivo para uso nas atividades promovidas por este Regional.2
 
I –Histórico (2)
Com o intuito de racionalizar os procedimentos a seremobservados pelos contribuintes do ICMS e do IPI, em 1970, oMinistro da Fazenda e os Secretários de Fazenda ou deFinanças dos Estados e do Distrito Federal, se reuniram eassinaram o Convênio sem número de 1970, criando o:
Sistema Nacional Integrado de InformaçõesEconômico-Fiscais
determinando que os entes federados incorporassem às suasrespectivas legislações tributárias as normas relativas aosdocumentos e livros fiscais consubstanciadas nos seusartigos.
I –Histórico (3)
Apesar dessas obrigações comuns, ainda existem diversasdeclarações e outras obrigações acessórias que sãoespecíficas para cada ente tributante, dificultando o exercíciodas atividades por empresas que se sujeitam às regrasestabelecidas pela União, pelo Estado e pelo Município ondeestão estabelecidas.Por outro lado, as administrações tributárias também estãosujeitas a investir recursos para captar, tratar, armazenar edisponibilizar informações sobre as operações realizadaspelos contribuintes, administrando um volume de obrigaçõesacessórias que acompanha o surgimento de novas hipótesesde evasão.
CRC SP - Material exclusivo para uso nas atividades promovidas por este Regional.3

Activity (112)

You've already reviewed this. Edit your review.
1 hundred reads
1 thousand reads
Uploader liked this
CARDO14SANTOS liked this
daniel_lucas_3 liked this
Cyntia Martins liked this
catiaflavia liked this
PauloAlterdata liked this

You're Reading a Free Preview

Download
/*********** DO NOT ALTER ANYTHING BELOW THIS LINE ! ************/ var s_code=s.t();if(s_code)document.write(s_code)//-->