Welcome to Scribd, the world's digital library. Read, publish, and share books and documents. See more
Download
Standard view
Full view
of .
Save to My Library
Look up keyword
Like this
8Activity
0 of .
Results for:
No results containing your search query
P. 1
Josue de Castro - Geografia da Fome

Josue de Castro - Geografia da Fome

Ratings: (0)|Views: 424 |Likes:
Published by solelvis
artigo sobre a obra Geografia da Fome e seus aspectos epistêmicos para a geografia
artigo sobre a obra Geografia da Fome e seus aspectos epistêmicos para a geografia

More info:

Categories:Types, Research, History
Published by: solelvis on Jan 26, 2011
Copyright:Attribution Non-commercial

Availability:

Read on Scribd mobile: iPhone, iPad and Android.
download as PDF, TXT or read online from Scribd
See more
See less

01/17/2013

pdf

text

original

 
A IMPORTÂNCIA EPISTEMOLÓGICA E METODOLÓGICA DA OBRA“GEOGRAFIA DA FOME” PARA AS PESQUISAS EM GEOGRAFIA E ACONTEMPORANEIDADE DO PENSAMENTO DE JOSUÉ DE CASTROTHE IMPORTANCE EPISTEMOLOGY AND METHODOLOGY OF THEWORK "GEOGRAPHY OF THE HUNGER” FOR RESEARCH INGEOGRAPHY AND THE THOUGHT OF CONTEMPORARY JOSUÉ DECASTRO
Elvis Christian Madureira Ramos
1
Wellington dos Santos Figueiredo
2
Resumo
 Tendo como referencial teórico a obra “Geografia da Fome”, o presente artigo sublinha aimportância epistemogica, metodogica e a atualidade do pensamento da ricacontribuição de Josué de Castro para os estudos em Geografia. 
Palavras-chave:
Josué de Castro; pensamento geográfico; geografia da fome; método de pesquisa em geografia; epistemologia geográfica.
ABSTRACT
Having as theoretical referencial the work “Geography of the Hunger”, the present articleunderlines the epistemology, methodological importance and the present time of thethought of the rich contribution of Josué de Castro for the studies in Geography.
1
Geógrafo. Mestre em Educação para Ciência (UNESP-Bauru). Membro da DiretoriaExecutiva da Associação dos Geógrafos Brasileiros – Seção Local Bauru – SP. Professor efetivo da Rede Pública de Ensino do Estado de São Paulo. E-mail: soelvis@gmail.com
2
Geógrafo. Mestre em Comunicação Midiática (UNESP-Bauru). Diretor da Associaçãodos Geógrafos Brasileiros – Seção Local Bauru – SP. Membro do Comitê Editorial daRevista Ciência Geográfica. Professor da Escola Técnica Estadual Astor de MattosCarvalho, Cabrália Paulista - SP (Centro Estadual de Educação Tecnológica “PaulaSouza” – CEETEPS). E-mail: wellington.figueiredo@uol.com.br 
1
1
 
Key words:
Josde Castro; geographic thought; geography of hunger; method of research in geography, geographical epistemology.
A fome nossa de cada dia
A fome é uma chaga que corrói a humanidade. Mas ela nos acompanha desdetempos imemoriais. A luta pela sobrevivência é na realidade expressão que guarda muitostipos de desafios – como pelo abrigo e pelo espaço – sendo a busca pelo alimento a maisessencial para que a condição humana tenha existência digna e seja progressivamentemelhor e mais duradoura. A novidade em “Geografia da Fome” está em se alcançar comsua leitura a dimensão complexa do fenômeno da fome (complexo até em sua natureza, pois na obra há vários tipos de fome), pois passamos a vê-la entrelaçada a diferentessituações culturais, antropológicas, econômicas, fisiográficas, entre outras dimensõesnecessárias a sua compreensão que, num sentido mais restrito, faz da fome um fenômenodesbanalizado e simplificado. E devemos deixar bem salientado, que Castro (1991) temconsciência que o método viável para enfrentar a complexidade da fome é percepcioná-lano espaço, pois no espaço a fome deixa de ser algo unidisciplinar como nutricional ousociológico, mas temporal e espacialmente múltiplo, daí que a geografia é assumidacomo ciência que pode tornar inteligível o complexo. Esse é, segundo nossa perspectiva,um elemento epistemológico sempre presente na “Geografia da Fome” e talvez desligadoda geografia atual embora parta de sua raiz, pois a heterogeneidade como lembraHartshore (1978) é parte do enfrentamento da geografia na análise do espaço, na busca deuma compreensão relacional e coerente dos fenômenos espaciais.O que se segue são os usos conceituais e ferramentas metodológicas que Castro(1991) faz uso na análise espacial e para compreensão do femeno da fome.Acreditamos que ao fazer isso, Josué também está ensinando e, ao mesmo tempo,resgatando a maneira clássica e talvez ainda inovadora de enxergar o espaço em suatotalidade.
2
2
 
Tese de Josué de Castro
O que tentaremos mostrar é que, mesmo quando se trata de pressão modeladora deforças econômicas e culturais, elas se fazem sentir sobre o homem e sobre o grupohumano, em última análise... (CASTRO, 1991, p.36)Essa é a tese a que Castro se propõe, dizer algo sobre o homem e aquilo que lheflagela, mas como veremos, ele o faz no pano de fundo do espaço, pois é no espaço queos problemas complexos tornam-se concretos para o homem e comunidades.
A valorização do método geográfico
Castro (1991) situa a importância do método geográfico devido à possibilidade doentendimento da “realidade total”, o que significa avaliar a questão da fome sem deixar de percepcioná-la como um conjunto de variadas manifestações (econômica, biológica esocial). Daí também que não se pode prescindir dos princípios geográficos quando dizque é dentro desses princípios como “da localização, da extensão, da causalidade, dacorrelação e da unidade terrestre que [se pretende] encarar o fenômeno da fome”(CASTRO, 1991, p.31). Os recursos da cartografia, do poema, da história, das descriçõesrefinadas somam-se a sua busca quanto a reflexão do todo. E afirma que métodogeográfico está propondo para sua “Geografia da Fome”: “não é o método descritivo daantiga geografia, mas o método interpretativo da moderna ciência geográfica, que secorporificou dentro dos pensamentos fecundos de Ritter, Humboldt, Jean Brunhes, Vidalde La Blache, Griffith Taylor...” (Idem)Foi diante desta situão que resolvemos encarar o problema sob uma nova perspectiva, e um plano mais distante, donde se possa obter uma visão panorâmicade conjunto, visão em que alguns pequenos detalhes certamente se apagarão, mas naqual se destacarão de maneira compreensiva as ligações, as influências e as
3
3

Activity (8)

You've already reviewed this. Edit your review.
1 hundred reads
1 thousand reads
Larissa Oliveira liked this
Camilo Peixoto liked this
Ozeni Santana liked this
Rafael Rossi liked this
Juliete Oliveira liked this

You're Reading a Free Preview

Download
/*********** DO NOT ALTER ANYTHING BELOW THIS LINE ! ************/ var s_code=s.t();if(s_code)document.write(s_code)//-->