Welcome to Scribd. Sign in or start your free trial to enjoy unlimited e-books, audiobooks & documents.Find out more
Download
Standard view
Full view
of .
Look up keyword
Like this
24Activity
0 of .
Results for:
No results containing your search query
P. 1
modelo de inicial loas

modelo de inicial loas

Ratings: (0)|Views: 4,649|Likes:

More info:

Published by: Sérgio Julián Caro on Jan 26, 2011
Copyright:Attribution Non-commercial

Availability:

Read on Scribd mobile: iPhone, iPad and Android.
download as PDF, TXT or read online from Scribd
See more
See less

08/02/2013

pdf

text

original

 
 
 JOBIM ADVOGADOS
PREVIDENCIÁRIO
OAB/RS 2531
www.jobimadvogados.com.br
Santa Maria: Rua dos Andradas, 1285. Cep 97010-031. RS. BrasilFone/Fax (55) 3222.6022 e (55) 3028.0922Porto Alegre: Av. Borges de Medeiros, 2105. 17°andar. Sala 1703Ed. Premium Office. Cep 90110-150. RS. Brasil. Fone/Fax (51) 3013.0392
EXMO(A). SR(A). JUIZ(A). FEDERAL DO JUIZADO ESPECIAL FEDERAL PREVIDENCIÁRIO DESANTA MARIA – RS
SÉRGIO LAÉRCIO FRIEDERICH
, menor relativamenteincapaz, já cadastrado eletronicamente, por meio de suarepresentante, Clair Eloni Friederich, vem com o devido respeitoperante Vossa Excelência, propor
AÇÃO PREVIDENCIÁRIA DE CONCESSÃO DE BENEFÍCIOASSISTENCIAL POR DEFICIÊNCIA
contra o
INSTITUTO NACIONAL DO SEGURO SOCIAL
 (INSS), pelos seguintes fundamentos fáticos e jurídicos que passa aexpor:
1.
 
FATOS
O Autor requereu, junto à Autarquia Previdenciária, a concessão de Benefício Assistencial porpossuir deficiência, que foi indeferido, conforme documento anexo.
 
 
 JOBIM ADVOGADOS
PREVIDENCIÁRIO
OAB/RS 2531
www.jobimadvogados.com.br
Santa Maria: Rua dos Andradas, 1285. Cep 97010-031. RS. BrasilFone/Fax (55) 3222.6022 e (55) 3028.0922Porto Alegre: Av. Borges de Medeiros, 2105. 17°andar. Sala 1703Ed. Premium Office. Cep 90110-150. RS. Brasil. Fone/Fax (51) 3013.0392
Dados sobre a condição pessoal do Autor
1.
 
Doença/enfermidade Microoftalmia Congênita (CID10: H44.5)
 
2.
 
Limitações decorrentes da moléstia Deficiência para realização de qualquer tarefa.
Dados sobre o requerimento administrativo
1. Número do benefício 535.041.219-82. Data do requerimento 13/04/20093. Razão do indeferimento Parecer contrário da perícia médica.
2. FUNDAMENTOS JURÍDICOS
Afirma o Autor que preenche todos os requisitos que autorizam a concessão do benefíciopleiteado, porquanto a renda mensal
 per capta
do grupo familiar é precária, não sendo suficiente paragarantir a manutenção de sua família com dignidade. A família do Autor é composta por ele e seus pais,sendo que a única fonte de renda da família é em torno de salário mínimo, proveniente de um pequenocomércio que a mãe do Demandante possui.Neste aspecto, salienta que o requisito do limite da renda, previsto no § 3º do art. 20 da Lei n.8.742/93, não deve ser visto como uma limitação dos meios de prova da condição de miserabilidade dafamília do deficiente, mas sim, apenas como um parâmetro, sem exclusão de outros, entre eles ascondições de vida da família, devendo-se emprestar ao texto legal interpretação hermenêutica, inclusivecom inteligência analógica das leis nºs 9.533/97 e 10.689/03.A pretensão do Autor vem amparada no art. 203, inciso V, da Constituição Federal de 1988 edemais normas aplicáveis.
 
 
 JOBIM ADVOGADOS
PREVIDENCIÁRIO
OAB/RS 2531
www.jobimadvogados.com.br
Santa Maria: Rua dos Andradas, 1285. Cep 97010-031. RS. BrasilFone/Fax (55) 3222.6022 e (55) 3028.0922Porto Alegre: Av. Borges de Medeiros, 2105. 17°andar. Sala 1703Ed. Premium Office. Cep 90110-150. RS. Brasil. Fone/Fax (51) 3013.0392
3. TUTELA DE URGÊNCIAENTENDE O AUTOR QUE A ANÁLISE DA MEDIDA ANTECIPATÓRIA PODERÁ SERMELHOR APRECIADA EM SENTENÇA.
O Requerente necessita da concessão do benefício em tela para custear a própria vida e ajudar namanutenção de sua família, qual não reúne condições de provê-lo, ou mesmo manter-se em condiçõesdignas.Por outro lado, vale ressaltar que os requisitos exigidos para a concessão do benefício seconfundem com os necessários para o deferimento desta medida antecipatória, motivo pelo qual, emsentença, se tornará imperiosa a sua concessão.Assim, após a realização das perícias pertinentes ao caso, ficará claro que o Requerente preenchetodos os requisitos necessários para o deferimento da antecipação de tutela, tendo em vista que o laudosócio econômico fará prova inequívoca do estado de miserabilidade, bem como o laudo médico nãodeixará dúvidas quanto à moléstia incapacitante, tornando, assim, todas as alegações
verossímeis
. O
 periculum in mora
se configura pelo fato de que se continuar privado do recebimento do benefício, oAutor terá seu sustento prejudicado (caráter alimentar do benefício).
4. PEDIDOFACE AO EXPOSTO
, requer a Vossa Excelência:1)
 
A concessão do benefício da assistência judiciária gratuita, por ser o Autor pobre na acepção legal dotermo;2)
 
O recebimento e o deferimento da presente peça inaugural;3)
 
A citação do Instituto Nacional do Seguro Social - INSS, para, querendo, apresentar contestação noprazo legal;4)
 
A produção de todos os meios de prova, principalmente a documental e a pericial;5)
 
O deferimento da antecipação de tutela, com a apreciação do pedido de implantação do benefício emsentença;

Activity (24)

You've already reviewed this. Edit your review.
1 hundred reads
1 thousand reads
Julio Moore liked this
Marco Kulgara liked this
dhermogênio liked this
Diogo Fdiniz liked this
Nayana Calixto liked this
Danilo Leandro liked this

You're Reading a Free Preview

Download
scribd
/*********** DO NOT ALTER ANYTHING BELOW THIS LINE ! ************/ var s_code=s.t();if(s_code)document.write(s_code)//-->