Welcome to Scribd, the world's digital library. Read, publish, and share books and documents. See more
Download
Standard view
Full view
of .
Save to My Library
Look up keyword
Like this
5Activity
0 of .
Results for:
No results containing your search query
P. 1
PROVA DE AUXILIAR DE ENFERMAGEM 1

PROVA DE AUXILIAR DE ENFERMAGEM 1

Ratings:

4.0

(2)
|Views: 1,255 |Likes:
Published by anon-349515

More info:

Published by: anon-349515 on Aug 25, 2008
Copyright:Attribution Non-commercial

Availability:

Read on Scribd mobile: iPhone, iPad and Android.
download as PDF, TXT or read online from Scribd
See more
See less

11/12/2012

pdf

text

original

 
Processo Seletivo Simplificado SESAPI 20061
PROVA ESCRITA OBJETIVA
ÁREA: AUXILIAR DE ENFERMAGEM
DATA: 05/11/2006 – HORÁRIO: 8h às 12h (horário do Piauí)
LEIA AS INSTRUÇÕES:
1.
Você deve receber do fiscal o material abaixo:a) Este caderno com 40 questões objetivas sem repetição ou falha.b) Um CARTÃO-RESPOSTA destinado às respostas objetivas da prova.
2.
Verifique se este material está em ordem e se seus dados pessoais conferem com os que aparecem noCARTÃO-RESPOSTA.
3.
Após a conferência, você deverá assinar, no espaço próprio do CARTÃO-RESPOSTA utilizando canetaesferográfica com tinta de cor azul ou preta.
4.
No CARTÃO-RESPOSTA, a marcação das letras correspondentes às respostas de sua opção, deve ser feita preenchendo todo o campo destinado a tal fim.
5.
Tenha muito cuidado com o CARTÃO-RESPOSTA, para não dobrar, amassar ou manchar, pois este épersonalizado e em hipótese alguma poderá ser substituído.
6.
Para cada uma das questões são apresentadas cinco alternativas classificadas com as letras (A), (B), (C),(D) e (E); somente uma responde adequadamente ao quesito proposto. Você deve assinalar apenas
umaalternativa para cada questão
: a marcação em mais de uma alternativa anula a questão
, mesmo queuma das respostas esteja correta
; também serão nulas as marcações rasuradas.
7.
As questões são identificadas pelo número que fica à esquerda de seu enunciado.
8.
Os fiscais não estão autorizados a emitir opinião nem a prestar esclarecimentos sobre o conteúdo dasprovas. Cabe única e exclusivamente ao candidato interpretar e decidir a esse respeito.
9.
Reserve os 30(trinta) minutos finais do tempo de prova, para marcar seu CARTÃO-RESPOSTA. Osrascunhos e as marcações assinaladas no CADERNO DE QUESTÕES não serão levados em conta, paraa correção das provas, em hipótese alguma.
10.
Ao término de sua prova, entregue ao Fiscal o CADERNO DE QUESTÕES, o CARTÃO-RESPOSTA eassine a LISTA DE FREQÜÊNCIA.
11.
O TEMPO DISPONÍVEL PARA ESTA PROVA É DE
4h
.
12.
Por medidas de segurança, você somente poderá ausentar-se da sala de prova após decorridas
duashoras
do início da mesma.
Nº DE INSCRIÇÃO
Assinatura
 
Nome do Candidato (letra de fôrma)
 
UniversidadeEstadual do
 
Piauí
 
 
Processo Seletivo Simplificado SESAPI 20062
LÍNGUA PORTUGUESA
O texto transcrito abaixo integra a matéria jornalística:
 Açúcar, o perigo branco
, publicada narevista
Sala de aula: a revista do ensino médio
,edição de setembro de 2006, páginas 32 a 43.Leia-o atentamente para responder às questõesde 01 a 10.
Por que gostamos tanto de doces?
010203040506070809101112131415161718192021222324O atual plantel de seres humanos éresultado de milhares de anos de evoluçãodurante os quais, em diversas fases, comer alimentos adocicados foi vital para asobrevivência. A humanidade, portanto, estáprogramada para comer doces. A língua e onariz são forrados de células que têm afunção de detectar o sabor e o aroma dosdoces. As razões para essa preferênciaancestral são duas. Os doces são ricos emglicose, a principal fornecedora de energiapara as células. Além disso, o sabor adocicado servia de indicador para quenossos ancestrais pudessem distinguir osalimentos saudáveis dos venenosos eestragados. A diferença básica entre asituação atual e a dos primórdios daevolução humana é a abundância. Oshumanos primitivos comiam docesmisturados às fibras dos frutos e sempreenfrentavam escassez calórica. Hoje, come-se açúcar não apenas em excesso, mas emconcentrações com alto grau de pureza esem a presença das fibras.01. Considerando-se as idéias expostas no texto,a resposta mais adequada à perguntaapresentada no título desse texto é:a) porque, ao longo do tempo, só temos nosalimentado de fibras que contêm alto teor deglicose;b) porque, ao longo do tempo, descobrimos oagradável sabor dos doces, mas nãoatentamos para os malefícios do açúcar;c) porque o sabor agradável dos doces motiva asua degustação e a energia por elesfornecida proporciona o fortalecimento dosmúsculos;d) porque, além dos fatores sócio-históricos,descobrimos nos doces uma importante fontede energia e contamos, ainda, comdispositivos orgânicos que favorecemdetectarmos o sabor e o aroma dos doces;e) porque os doces têm sabor que agrada atodos nós e fortalece as células para que ohomem não contraia doenças graves.02. A palavra “
plantel
(
. 01), quanto ao sentidoempregado no texto, equivale a:a) conjunto dos seres humanos existentes naTerra;b) conjunto de animais existentes na Terra;c) conjunto de seres humanos que se alimentamsomente de doces;d) conjunto de seres humanos que não gostamde doces;e) conjunto de seres humanos cuja alimentaçãonão inclui a glicose.03. O segmento
os quais
(
. 03) retoma,textualmente a expressão:a) “atual” (
01);b) “plantel” (
l.
01);c) “milhares de anos de evolução” (
. 02);d) “seres” (
. 01);e) “humanos” (
. 01).04. No segmento: “A humanidade,
portanto
, estáprogramada para comer doces.” (
. 05-06), apalavra destacada pode ser substituída, semprejuízo para o sentido do texto, por:a) “ainda”;b) “por conseguinte”;c) “no entanto”;d) “contanto que”;e) “contudo”.05. O trecho: “Além disso, o sabor adocicadoservia de indicador para que nossosancestrais pudessem distinguir os alimentossaudáveis dos venenosos e estragados.” (
.12-16) constitui, textualmente:a) a primeira razão da preferência ancestral quea humanidade cultiva pelos doces;b) a única razão da preferência ancestral que ahumanidade cultiva pelos doces;c) a justificativa de os doces serem umaimportante fonte de energia;d) a causa verdadeira de a humanidadenecessitar dos doces para sua sobrevivência;e) a segunda razão da preferência ancestral quea humanidade cultiva pelos doces;06. Considerando os aspectos morfossintáticos, arelação gramatical que se estabelece entre“alimentos” (
l.
15) e “venenosos” (
. 15) só
NÃO
se verifica entre:a) “evolução” (
. 02) e “durante” (
. 03);b) “alimentos” e “adocicados” (
. 04);c) “preferência” (
. 09) e “ancestral” (
l.
10);d) “humanos” e “primitivos” (
. 19);e) “escassez” e “calórica” (
l.
21).
 
Processo Seletivo Simplificado SESAPI 20063
07. Analise as alternativas abaixo e marqueaquela que apresenta uma informação
INCORRETA
.
 
a) O termo
que
(
. 07) tem função sintática desujeito de “
têm
” (
. 07).b) As vírgulas em: “...durante os quais, emdiversas fases, comer alimentosadocicados...” (
. 03-04) são usadas paraseparar adjunto adverbial.c) As palavras “vital” (
. 04) e “ancestral” (
. 10)formam o plural obedecendo às mesmasregras gramaticais.d) Em: “A língua e o nariz são forrados decélulas que têm a função de detectar o sabor e o aroma dos doces.” (
l.
06-09), a formaverbal
têm
, na terceira pessoa do plural,concorda com os antecedentes “A língua e onariz”.e) Em: “...come-se açúcar...” (
. 21-22), o verboda oração encontra-se na voz passivasintética.08. A alternativa cuja palavra apresentada éformada pelo processo de derivação sufixal é:a) “doces” (
. 10);b) “venenosos” (
. 15);c) “fibras” (
. 20);d) “açúcar” (
. 22);e) “grau” (
. 23).09. Assinale a alternativa que apresenta acategorização
CORRETA
e seqüenciadaquanto à classificação morfológica de“humanos” (
. 01), “humana” (
. 18) e ““humanos” (
. 19).a) “humanos” (
l.
01), “humana” (
. 18) e“humanos” (
l.
19): substantivos;b) “humanos” (
l.
01), “humana” (
. 18) e“humanos” (
l.
19): adjetivos;c) “humanos” (
. 01): adjetivo; “humana” (
. 18) e“humanos” (
. 19): substantivos;d) “humanos” (
. 01) e “humana” (
. 18):substantivos; “humanos” (
l.
19): adjetivo;e) “humanos” (
l.
01) e “humana” (
. 18): adjetivos;“humanos” (
l.
19): substantivo.10. A única alternativa em que a palavra “
de
pode ser substituída pela palavra “
por 
” é:a) “O atual plantel
de
seres humanos...” (
. 01);b) “a principal fornecedora
de
energia para ascélulas.” (
l.
11-12);c) “A língua e o nariz são forrados
de
células...”(
. 06-07);d) “o sabor adocicado servia
de
indicador...” (
l.
12-13);e) “...com alto grau
de
pureza e sem a presençadas fibras.” (
l.
23-24).
CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS
11. A Lei Nº 7.498/86, que dispõe sobre aregulamentação do Exercício Profissional deEnfermagem, no seu Art. 8º, define queAuxiliar de Enfermagem é,
EXCETO
:a) o titular de diploma ou certificado a que serefere a Lei nº. 2822, de 14 de junho de 1956;b) o titular de diploma ou certificado a que serefere a Lei nº. 3822, de 14 de junho de 1956;c) o pessoal enquadrado como Auxiliar deEnfermagem, nos termos do Decreto-Lei nº299, de 28 de fevereiro de 1967;d) o titular de certificado de Auxiliar deEnfermagem conferido por instituição deensino, nos termos da Lei e registrada noórgão competente;e) o titular do diploma ou certificado conferidopor escola ou curso estrangeiro, segundo asleis do país, registrado em virtude de acordode intercâmbio cultural ou revalidado no Brasilcom certificado de Auxiliar de Enfermagem.12. Segundo a Lei que regulamenta o exercícioda enfermagem compete ao Auxiliar deEnfermagem,
EXCETO
:a) exercer atividade de nível médio, de naturezarepetitiva, envolvendo serviços auxiliares deenfermagem sob orientação e supervisão doenfermeiro;b) observar, reconhecer e descrever sinais esintomas;c) participar da equipe de saúde, prestandocuidados de higiene e de conforto aopaciente;d) realizar cuidados diretos de enfermagem apacientes graves e com risco de vida;e) executar ações de tratamento simples.13. O Auxiliar de Enfermagem, profissionalintegrante da equipe de enfermagem, deveter consciência de sua atuação no processode prevenção e controle de infecçãohospitalar. Correlacione a 2ª coluna deacordo com a 1ª e marque a alternativa quecontém a seqüência
CORRETA
decorrelação.(1) Desinfecção(2) Assepsia(3) Esterilização(4) Anti-sepsia( )Conjunto de medidas usadas para evitar acontaminação do material ou do meioambiente evitando infecções.( )É o conjunto de meios para impedir amultiplicação bacteriana em tecidos vivos.( )É a destruição de formas vegetativasmicrobianas, não esporuladas, por meio deagentes físicos ou químicos aplicados emsuperfícies inertes.( )É a destruição de todas as formas de

Activity (5)

You've already reviewed this. Edit your review.
1 hundred reads
1 thousand reads
Excelente Prova...
Jessika Teves liked this
ritaguima1 liked this

You're Reading a Free Preview

Download
/*********** DO NOT ALTER ANYTHING BELOW THIS LINE ! ************/ var s_code=s.t();if(s_code)document.write(s_code)//-->