Welcome to Scribd, the world's digital library. Read, publish, and share books and documents. See more
Download
Standard view
Full view
of .
Save to My Library
Look up keyword or section
Like this
25Activity

Table Of Contents

0 of .
Results for:
No results containing your search query
P. 1
Apocalipse (Barclay)

Apocalipse (Barclay)

Ratings: (0)|Views: 5,215 |Likes:
Published by pedrollaet

More info:

Published by: pedrollaet on Mar 11, 2011
Copyright:Attribution Non-commercial

Availability:

Read on Scribd mobile: iPhone, iPad and Android.
download as PDF, TXT or read online from Scribd
See more
See less

02/02/2013

pdf

text

original

 
APOCALIPSE
 ÍNDICE 
REVE
L
AT
I
ON
 
WILLIAM BARCLAYTítulo original e
m
ingl
ê
s:The Revelation of John 
Tradução: Carlos BiaginiO NOVO TESTAMENTO Comentado por William Barclay
… Introduz e interpreta a totalidade dos livros do NOVOTESTAMENTO. Desde Mateus até o Apocalipse William Barclayexplica, relaciona, dá exemplos, ilustra e aplica cada passagem, sendosempre fiel e claro, singelo e profundo. Temos nesta série, por fim, uminstrumento ideal para todos aqueles que desejem conhecer melhor asEscrituras. O respeito do autor para a Revelação Bíblica, sua sólidafundamentação, na doutrina tradicional e sempre nova da igreja, suaincrível capacidade para aplicar ao dia de hoje a mensagem, fazem queesta coleção ofereça a todos como uma magnífica promessa.PARA QUE CONHEÇAMOS MELHOR A CRISTOO AMEMOS COM AMOR MAIS VERDADEIROE O SIGAMOS COM MAIOR EMPENHO
 
Apocalipse (William Barclay) 2
ÍNDICE
Com a publicação deste volume minha tarefa quase toca a seu fim,porque com ele chegamos ao último livro do Novo Testamento. Quandoem 1952 me encarreguei de escrever um livro que comentasse os Atosdos Apóstolos, não era minha intenção avançar mais além desse volume.Naquela época não pensava que meu papel na série seria cobrir atotalidade de! Novo Testamento. Creio que nunca tivesse podido realizareste trabalho sem o .estímulo de muitos amigos. Estou profundamenteagradecido a todos os que, durante estes anos, têm-me escrito. Agradeço,também suas expressões de gratidão, que tantas vezes levantaram meuânimo, e as críticas que sempre me foram benéficas. Para mim, estesanos de estudo do Novo Testamento foram uma experiência cujo valornão poderia dizer-se em palavras. Embora freqüentemente a tarefa mepareceu pesada, agora que chega a seu fim não posso senão lamentá-lo.Quero expressar minha gratidão de todo coração aos que, começandocom os Atos, perseveraram neste viaje comigo, ao longo do NovoTestamento, confiou este volume final.É um fato reconhecido que o Apocalipse é o livro mais difícil doNovo Testamento. Mas goza de uma magnífica coorte de Comentários,
 
Apocalipse (William Barclay) 3alguns dos quais se contam entre os melhores que jamais se escreveram.O Comentário em dois volumes de R. H. Charles, en
The InternationalCritical Commentary
é uma mina de informação, e completamenteindispensável. O de H. B. Swete, nos
 Macmillan Commentaries
,combina a erudição e a piedade, tal como Swete sempre o obteve emtodos os livros que escreveu. O de I.
 
T. Beckwith é de primeiraimportância. O de F, J. A. Hort nunca foi completado, mas até osfragmentos que possuímos são riquíssimos. O de James Moffatt no
 Expositor’s Greek Testament 
ainda possui valores. Todos estescomentários trabalham sobre o texto em grego.Outros Comentários, sobre o texto em inglês, são os seguintes: Ovolume de W. H. Simcox em
The Cambridge Bible for Schools and Colleges
é muito sumário e algo passado de moda — se publicou em1890 — mas ainda útil, assim como o de Martin Kiddie em
The Moffat Commentary. The Book of Revelation
, por E. F. Scott, não é umcomentário, mas sim uma exposição lúcida e iluminadora. O
Commentary on the Epistles to the Seven Churches
, por R. C. Trench,possui toda a amplitude de conhecimentos e profundidade de experiênciaespiritual que são conhecidos nesse autor.Como temos dito neste Comentário, o Apocalipse é único no NovoTestamento. Mas dista de ser o único em seu tipo, porque forma parte daliteratura apocalíptica que floresceu entre o Antigo e o NovoTestamento. Para o estudo desta literatura, o sólido trabalho de E. H.Charles, em dois volumes,
The Apocrypha and Pseudoepigrapha of theOld Testament 
é completamente indispensável. Em 1958 se publicouaquele que é, de longe, o melhor Comentário em inglês do Apocalipse, ode Thomas S. Kepler. É digno de ser lido, junto com
The Book of theUnveiling
, por M. R. Newbolt. O livro de Austin Farrer,
 A Rebirth of  Images
, é uma obra erudita e importante, mas às vezes pode resultar tãodifícil como o próprio Apocalipse.Há muitos que queriam poder ler o Apocalipse mas queencontraram tão difícil fazê-lo que a tarefa ficou para eles virtualmente

Activity (25)

You've already reviewed this. Edit your review.
1 hundred reads
1 thousand reads
Marcio de Medeiros added this note
VIVER EM SANTIDADE É UM DEVER E UM PRIVILEGIO DE TODO CRENTE!!!!!!!!.VAMOS VIVER UMA VIDA DE SANTIDADE!!!!!!!!!!!!!!!!.UM FORTE ABRAÇO Á TODOS.ATT, MARCIO DE MEDEIROS-PROF. DO SETEF-SEMINARIO DA FILADELFIA
Perola Violeta liked this
LAERTESANTANA liked this
divinohenrique liked this
Florenza Tigre liked this

You're Reading a Free Preview

Download
/*********** DO NOT ALTER ANYTHING BELOW THIS LINE ! ************/ var s_code=s.t();if(s_code)document.write(s_code)//-->