Welcome to Scribd, the world's digital library. Read, publish, and share books and documents. See more
Download
Standard view
Full view
of .
Look up keyword
Like this
1Activity
0 of .
Results for:
No results containing your search query
P. 1
Codato, Adriano. Mapeando o passado recente - pressupostos da narrativa histórica sobre a política brasileira. In VII BRASA, 2004, Rio de Janeiro - RJ

Codato, Adriano. Mapeando o passado recente - pressupostos da narrativa histórica sobre a política brasileira. In VII BRASA, 2004, Rio de Janeiro - RJ

Ratings: (0)|Views: 7 |Likes:
Published by Adriano Codato
Resumo: Esta comunicação discute a concepção implícita de “poder” contida nos trabalhos de análise histórica do jornalista Elio Gaspari a respeito dos governos militares no Brasil pós-1964 (A ditadura envergonhada (2002) e A ditadura escancarada (2002)). Para o autor, dois personagens foram preponderantes no período: os generais Geisel e Golbery. Segundo Gaspari, “fizeram a ditadura e acabaram com ela”. Em nossa interpretação, essa hipótese, que guia a narrativa histórica e dá sentido à extensa documentação inédita analisada, não leva em conta os condicionantes estruturais da política e exagera o peso das variáveis centradas exclusivamente na qualidade das lideranças políticas, nas escolhas racionais dos atores e nos tipos de recursos que eles conseguem mobilizar, resultando a ação política das interações estratégicas entre as “elites”.
Resumo: Esta comunicação discute a concepção implícita de “poder” contida nos trabalhos de análise histórica do jornalista Elio Gaspari a respeito dos governos militares no Brasil pós-1964 (A ditadura envergonhada (2002) e A ditadura escancarada (2002)). Para o autor, dois personagens foram preponderantes no período: os generais Geisel e Golbery. Segundo Gaspari, “fizeram a ditadura e acabaram com ela”. Em nossa interpretação, essa hipótese, que guia a narrativa histórica e dá sentido à extensa documentação inédita analisada, não leva em conta os condicionantes estruturais da política e exagera o peso das variáveis centradas exclusivamente na qualidade das lideranças políticas, nas escolhas racionais dos atores e nos tipos de recursos que eles conseguem mobilizar, resultando a ação política das interações estratégicas entre as “elites”.

More info:

Categories:Types, Reviews, Book
Published by: Adriano Codato on Mar 17, 2011
Copyright:Attribution Non-commercial

Availability:

Read on Scribd mobile: iPhone, iPad and Android.
download as PDF, TXT or read online from Scribd
See more
See less

03/17/2011

pdf

text

original

 
 
VII International Conference of the Brazilian Studies Association (BRASA)
Mapeando o passado recente: 
pressupostos da narrativa histórica sobre a política brasileira contemporânea
Adriano Nervo Codato
adriano@ufpr.brUniversidade Federal do ParanáNúcleo de Pesquisa emSociologia Política Brasileira
 
Nome da Mesa:
"As ilusões armadas" em questão: história, poder e sociedade no Brasil pós-64
Núcleo Temático
Estudos Históricos 
 Coordenador da Mesa: Adriano Nervo Codato
 Pontifícia Universidade CatólicaRio de Janeiro, BrasilJunho 9-12, 2004
 
Adriano Nervo Codato
2
Resumo
Esta comunicação discute a concepção implícita de ―poder‖ contida nos trabalhos de
análise histórica do jornalista Elio Gaspari a respeito dos governos militares no Brasil pós-1964 ( 
A ditadura envergonhada 
(2002) e
A ditadura escancarada 
(2002)). Para o autor, doispersonagens foram preponderantes no período: os generais Geisel e Golbery. Segundo
Gaspari, ―fizeram a ditadura e acabaram com ela‖. Em nossa interpretação, essa hipótese,
que guia a narrativa histórica e dá sentido à extensa documentação inédita analisada, nãoleva em conta os condicionantes estruturais da política e exagera o peso das variáveiscentradas exclusivamente na qualidade das lideranças políticas, nas escolhas racionais dosatores e nos tipos de recursos que eles conseguem mobilizar, resultando a ação política das
interações estratégicas entre as ―elites‖.
 
Abstract
This paper discuss the implicit conception of "power" contained in the works of historicalanalysis of journalist Elio Gaspari regarding the military governments in Brazil after-1964
A ditadura envergonhada 
(2002) e
A ditadura escancarada 
(2002)). For the author, twopersonages had been preponderant in the period: the generals Geisel and Golbery.According to Gaspari, "they had made the dictatorship and they had finished with it". Inour interpretation, this hypothesis, that guides the historical narrative and gives sensible tothe extensive analyzed unknown documentation, does not take in account the structuralconstraint of the politics and exaggerates the weight of the variable centered exclusively inthe quality of the leaderships politics, in the rational choices of the actors and in the typesof resources that they obtain to mobilize. The action politics is then the result of thestrategical interactions between the "elites".
 
Mapeando o passado recente: pressupostos da narrativa histórica sobre a política brasileira contemporânea 
3MAPEANDO O PASSADO RECENTE: PRESSUPOSTOS DA NARRATIVAHISTÓRICA SOBRE A POLÍTICA BRASILEIRA CONTEMPORÂNEA
―Todo particular é representativo — 
oproblema está sempre em precisar o que
ele representa‖.
 Abraham Kaplan
O projeto do jornalista Elio Gaspari, de interpretação da política nacional noperíodo de 1964 a 1979, divide-se em
dois blocos 
que compreendem
cinco tomos 
 
independentes: a primeira parte, ―As ilusões armadas‖, reúne dois livros:
A ditadura envergonhada 
(que cobre o período de 31 de março de 1964 a dezembro de 1968) e
A ditadura escancarada 
(que cobre o período de janeiro de 1969 a dezembro de 1973/julho de 1974, ou
os ―anos de chumbo‖, o ―mais duro período da mais duradoura das ditaduras nacionais‖
1
).
A segunda parte, ―O Sacerdote e o Feiticeiro‖, reúne três livros:
A ditadura derrotada 
(quecobre o período que vai de meados de 1973, aproximadamente, a novembro de 1974) eoutros dois volumes planejados ainda s
em título
. Um que vai do início de 1975 a 11 deoutubro de 1977 e outro de 12 de outubro de 1977 a 15 de março de 1979. Essa separaçãocorresponde a uma periodização rigorosa, que enfatiza os acontecimentos-chave na cenapolítica nacional pós-
1964, com ênfase sobre o comportamento militar, o ―poder militar‖
etc.As qualidades dos livros são mais que evidentes. Destaque-se três aspectos,começando pelo estilo narrativo, que os historiadores profissionais têm deixado de lado.Elio Gaspari definitivamente
conta uma história 
, ainda que faça questão de enfatizar que seuobjetivo nunca tenha sido escrever
 
história da ditadura militar brasileira, pois ―falta ao
trabalho a abrangência que o assunto exige, e há nele uma preponderância de doispersonagens (Geisel e Golbery) que não corresponde ao peso histórico que tiveram nos 21anos de regime militar
2
‖.
 O apoio empírico do trabalho é notável. O autor pôde consultar, juntamente com asérie de documentos textuais (cerca de 4 mil) do governo Geisel depositados noCPDOC/FGV e de acesso público, um conjunto de fontes exclusivas: o arquivo privadodo general Golbery do Couto e Silva (cerca de cinco mil documentos); entrevistas (cerca devinte) com o general Ernesto Geisel entre 1984 e 1996 (das quais só foram recuperadas

You're Reading a Free Preview

Download
scribd
/*********** DO NOT ALTER ANYTHING BELOW THIS LINE ! ************/ var s_code=s.t();if(s_code)document.write(s_code)//-->