Welcome to Scribd, the world's digital library. Read, publish, and share books and documents. See more ➡
Download
Standard view
Full view
of .
Add note
Save to My Library
Sync to mobile
Look up keyword
Like this
8Activity
×
0 of .
Results for:
No results containing your search query
P. 1
A linguagem radiofônica

A linguagem radiofônica

Ratings: (0)|Views: 6,863|Likes:
Published by Atila Coelho

More info:

Published by: Atila Coelho on Apr 18, 2011
Copyright:Attribution Non-commercial

Availability:

Read on Scribd mobile: iPhone, iPad and Android.
download as PDF, TXT or read online from Scribd
See More
See less

05/01/2013

pdf

text

original

 
Alinguagem
radlofônlca'
ArmandBalsebre
O
rádioéummeiodecomunicação,difusãoeexpressãoquetemduasmetasimportantes:areconstituiçãoearecriaçãodomundorealeacriaçãodeummundoimaginárioefan-tástico,"produtordesonhosparaespectadores,perfeitamentedes-pertos".
É
umveículoquefoicapazdecriarumanovapoesia:apoe-siadoespaço.Masteriaorádioumalinguagemespecífica?Nabuscapelalinguagemauténticadomeiofoipossíveldefinirempiricamentesuagramáticaesuasintaxe.Existelinguagemquan-dotem-seumconjuntosistemáticodesignosquepermitecertotipodecomunicação.Afunçãocomunicativadalinguagemtemaspectoduplo:ocódigo,repertóriodepossibilidadesparaproduzirenuncia-dossígníflcanteseamensagem,variaçõesparticularessobreabasedocódigo.Alingüísticamodernafixatambémumterceiroaspectoentreocódigoeamensagem:ousosocialecultural.Amensageméumagrupamentoacabado,ordenadodeelementosconcentradosemumrepertórioqueconstituiuma
seqüêncía
desig-nosreunidossegundocertasleis.Eacomunicaçãosóépossívelquan-doorepertóriodeelementoséconhecidoporemissorereceptor.Atu-almente,devemosincorporartambémnesteprocessoatecnología.Esemainteraçãoemissor-receptor,semamediaçãodeumprocessodepercepção,podemosconsiderarqueaproduçãodemensagensnãotemsentido.Quantomaiscomunseconsensuaisforemasestraté-giasdeproduçãodesignificado,decodificaçãoedeciframento,maiseficazesserãoasmensagensnacomunicaçãoemissor-receptor.Masparaisso,tambéméprecisointegraraformaeoconteúdo,osernãn-ticoeoestético.Osemãnticoétudoquedizrespeitoaosentidomaisdiretoemani-festodossignosdeumalinguagem,transmiteoprimeironíveldesignificaçãosobreoqueseconstituioprocessocomunicativo.O
esté-
1
Estetexto
é
umatraduçãoresumida
do
livro
El:
lenguajeradioJónico
de
ArrnandBalsebre,Madri:EditoraCátedra,
1994,
250p.
327
 
TeoriasdoRádio·Textosecontextos
ticoé
O
aspectodalinguagemquetratamaisdaformadacomposiçãodamensagemesefundamentanarelaçãovariáveleafetivaqueosujeitodapercepçãomantémcomosobjetosdepercepção.Amensa-gemestéticaéportadoradeumsegundoníveldesignificação.cono-tatívo,afetívo,carregadodevaloresemocionaisousensoriais.Ea informaçãoestéticadamensageminfluimaissobrenossasensibili-dadedoquesobrenossointelecto.Acomunicaçãoserámaiscompletaeeficazdependendodaproxi-midadesócio-culturaldoscódigosdoemissoredoreceptor.Paraaeficáciadamensagemétambémnecessárioumequilíbrioentreinfor-maçãoestéticaesemãntica.poisambasrepresentamdeformamaiscompletaapolissemiaqueabrangetodaproduçãodesignificadoesuainterpretaçãoemumcontextocomunicativo.Osomédefinidocomotodo"ruído"elaboradoouclassificadoem umacadeiasígnífícante.Apartirdestaproposição.considera-seasmensagenssonorasdorádiocomoumasucessãoordenada.contínuaesignificativade"ruídos"elaboradospelaspessoas.osinstrumentosmusicaisouanatureza.eclassificadossegundoosrepertórios/códi-gosdalinguagemradiofônica.Inicialmente,amensagemsonoradorádioeraconsideradaapenascomolinguagemverbal.Comodesenvolvimento
tecnológíco
dareproduçãosonora;aprofissionalizaçãodosroteiristas,montadores,realizadoreselocuto-res;aadaptaçãoaonovocontextoperceptivoimaginativo,quedeter-minavaumamaneiradistintadeescutarosom,e,também,como plenoconvencimentodequeamensagemsonoradorádiopoderiatransformaretergiversaraexpressãodanatureza,principalmenteatravésdaficçãodramática,criandonovaspaisagenssonoras.nas-ceramrapidamentenovoscódigos,novosrepertóriosdepossibilida-desparaproduzirenunciadossígníflcantes. ApartirdeMOLES
2,
podemosdesignaranaturezaestruturaldamensagemsonoradorádioemtrêssistemasexpressivosmuitocon-cretos:apalavra,amúsicaeoruídoouefeitosonoro.MasMOLESnãotrazosilêncioemsuaclassificação.Noentanto,ainformaçãoqueosilêncionorádiotransmitetemumasignificaçãoimportanteparaoconsiderarmosumelementoamaisdamensagemradiofônica:osistemaexpressivonãosonoro.
É
importanteressaltarquedefiniralinguagemradiofônicaapenascomolinguagemverbaléexcluiroca-ráterdorádiocomomeiodeexpressão.Outropontodedestaqueaserconsideradoéatecnología,cujosrecursosexpressivosinfluenciamacodificaçãodasmensagensao
2AbrahamMolesescreveu,
em
1975,
o
livro
Lacomunicacion
y
Iosmassmedia.
328
 
Alinguagemradtofônica-ArmandBalsebre
possibilitarprocedimentostécnicos,quepormeiosartificiaispermi- temaoreceptorailusãodeumadeterminadarealidadesonora.Eo ouvintepercebeeimagina(produçãodeimagensauditivas)deacordo comseusistemasensorialadaptadoascondiçõesemqueseproduza escutaradionica.
É
aseguinteestruturaquedefinirá,então,osis- temasemióticoradiofónico: Resumindo,então,alinguagemradiofônicaéoconjuntodefor- massonorasenãosonorasrepresentadaspelossistemasexpressivosdapalavra,damúsica,dosefeitossonorosedosilêncio,cujasignifi-caçãovemdeterminadapeloconjuntodosrecursostécnicos/expres- sivosdareproduçãosonoraeoconjuntodefatoresquecaracterizam oprocessodepercepçãosonoraeimaginativo-visualdosouvintes.
sistemasemticoradiofônico
tecnologia
ouvinte
linguagem radionica
efeitossonorossilênciorecursostécnicos! expressivosda reproduçãosonora palavramúsicapercepção radiofônica
Deve-se,aindaconsiderar,doisenfoquesimportantes:acaracte- risticadefemenoacústicoeaqualidadeestéticadanaturezada mensagemradiofônica.Seainformaçãoestéticanalinguagemgera- seatravésdeumaexcitaçãosentimentalnoprocessocomunicativo,e estaguardaumagrandeconexãocomosimbólicoeoconotativo,a linguagemradiofônicanecessitaintegraremseusistemasemiótico aqueleselementosexpressivosquecodificamosentidosimbólico. Autilizaçãodamúsicaedosefeitossonorosnaproduçãodeenun-ciadosgnífícantes,comosignossubstitutivosdeumadeterminada idéiaexpressivaounarrativa,podesuperarmuitasvezesopróprio sentidosimbólicoeconotativodapalavra.Osimbolismodeumamú- sicadescritivaqueestimulaaproduçãoimaginativo-visualdepaisa- gensousituaçõesdetensãodramática,ouaindadecoresclarasou escuras,adquiriumsignificadonorádiodeumaforçaexpressiva transcendental.Umritmomusicalrepetitivonumprogramainforma-
329

Activity (8)

You've already reviewed this. Edit your review.
1 hundred reads
1 thousand reads
Mariana Sales liked this
Carla Neves liked this
Vagner Tozatti liked this
layyyyne liked this

You're Reading a Free Preview

Download
/*********** DO NOT ALTER ANYTHING BELOW THIS LINE ! ************/ var s_code=s.t();if(s_code)document.write(s_code)//-->