Welcome to Scribd, the world's digital library. Read, publish, and share books and documents. See more
Download
Standard view
Full view
of .
Look up keyword
Like this
4Activity
0 of .
Results for:
No results containing your search query
P. 1
DIN 50961

DIN 50961

Ratings: (0)|Views: 307 |Likes:
Published by Silas Mendes

More info:

Published by: Silas Mendes on May 02, 2011
Copyright:Attribution Non-commercial

Availability:

Read on Scribd mobile: iPhone, iPad and Android.
download as PDF, TXT or read online from Scribd
See more
See less

04/26/2014

pdf

text

original

 
DK 669.169.9-034.5-034.73 NORMAS ALEMÃS Junho 1987Revestimento Galvânico
Revestimento de Zinco / Cádmio sobremateriais ferrosos
Cromatização dos Revestimentos de Zinco / Cádmio
',1
Electroplated coating; coatings of zink and cadmiun on iron and steel; Substituicromating of zink and cadmiun coatings; a emissão 04.76,Revêtements èlectrolytiques; revêtements de zinc et cadmiun sur le fer et l’acier; DIN 50 941/05.78 eChromatation dês revêtements de zinc et cadmiun DIN 50 962/04.76
3XEOLFDGDHPFRQH[mRFRPDQRUPDLQWHUQDFLRQDO,62±H,62±GD2UJDQL]DomR,QWHUQDFLRQDOGH1RUPDOL]DomR,62YHMDHVFODUHFLPHQWRV&DPSRGH$SOLFDomRH2EMHWLYR
Esta norma é valida para revestimentos de zinco e cádmio sobremateriais ferrosos com ou sem cromatização. Ela estabelece paradistintos níveis de intensidade de solicitação a resistência mínimaa corrosão bem como recomenda espessuras fixas de camadas.Os revestimentos ou então o sistema de revestimento servem aobjetivos de proteção a corrosão e/ou decorativos.Esta norma não é válida para produtos semi-acabadas
1)
Para elementos de ligação mecânica vale a norma DIN 267 Parte9.Para roscas em componentes ajustes devem ser feitos.Observação: Na aplicação desta norma devera-se prestar atençãona Classificação de Materiais Perigosos na Lista deValores-MAK, na Lista-TRK e outras Regras Técnicasde Valores como p.ex.: a Técnica Galvânica UVV(VBG 57).
&RQFHLWRV
5HYHVWLPHQWRV*DOYkQLFRV
Revestimentos metálicos são camadas metálicas, as quais sãoformadas a partir de eletrólitos de condutores elétricos oucomponentes catódicos transformados em condutores.(da DIN 50 965/02.82).
&URPDWL]DomR
Cromatização é a formação de uma camada constituídaessencialmente de ligações de cromo através de uso de soluçõesquímicas, as quais neste caso possuem ligações de cromoadequadas.Observação: Revestimentos de croamtização sobrerevestimentos galvânicos de zinco ou então de cádmiosão aplicados, para melhorar a aparência e a resistênciaa corrosão. A aderência da pintura ou de outrorevestimento similar, de um modo geral, é melhoradapela cromatização sobre revestimentos de zinco ou entãode cádmio.
6XSHUItFLHVDSURSULDGDV6XSHUItFLHVIXQFLRQDLV
Ver DIN 50892 Parte 1.Quando não houverem outros acordos, valem como superfíciesapropriadas todas superfícies em que, uma esfera de Ø 20 mmpossa se equilibrar.
_______________
1)
Conceito de “Produtos semi-acabados” (Halbzeug) ver DIN1999 Parte 2
5HSUHVHQWDomR
A sistemática da estrutura da representação e a abreviatura a serusada na representação está descrita na DIN 50 961 Parte 1.Exemplo:Representação para um revestimento de zinco conforme DIN 50961 sobre um componente de Aço (FE) om 8 µm dezinco (Zn8) cromatizado azul (B).
5HYHVWLPHQWR',1±)H=Q%
Representação para um revestimento de cádmioconforme DIN 50 961 sobre um componente de Aço(FE) com 12 µm de cádmio (Cd12) cromatizadoamarelo (C).
5HYHVWLPHQWR',1±)H&G&
Representação para um revestimento de ZINCOconforme DIN 50 961 sobre um componente de Aço(FE) com 12 µm de zinco (Zn12) cromatizado verdeoliva (D) e selado (envernizado) (d).
5HYHVWLPHQWR',1±)H=Q'G
Representação para um revestimento de zincoconforme DIN 50 961 sobre um componente de Aço(FE) com 8 µm de zinco (Zn 8) cromatizado preto (F).
5HYHVWLPHQWR',1±)H=Q)
(VSHFLILFDo}HVGH3HGLGR
No pedido podem ser especificados os níveis de intensidade desolicitação a resistência mínima a corrosão conforme a Parte 7abaixo ao mesmo tempo citando o número desta norma e o metaldo revestimento bem como eventuais condições para cromatizaçãoe tratamentos posteriores ou a Representação conforme Parte 3.Demais especificações relativas a um acordo entre fabricante ecliente estão estabelecidas na DIN 50 960 Parte 1.
(VWDGRGD6XSHUItFLH
0DWHULDOEDVH
Os componentes para zincar ou então para cadmiar nãodeverão possuir nenhuma falha de material, superficiais ouretrabalho, as quais podem afetar desfavoravelmente aproteção à corrosão e/ou a aparência do revestimento. Estassão p.ex.: arranhões, cavidades porosas, inclusões demateriais estranhos, dobras em produtos laminados;contrações e fendas bem como estrias e orifíciosencontrados em peças fundidas e juntas soldadas frias.
Continuação nas Folhas 2 até 4
Comitê de Normas de Engenharia de Técnicas de Soldagem (FNS) do Comitê Alemão de Normas.
 
DK 669.169.9-034.5-034.73 NORMAS ALEMÃS Junho 1987Lado 2 DIN 2310
Por causa da influência do acabamento superficial e de algumainfluência micro geométrica da forma da superfície, é recomendadoum acordo entre o fornecedor do serviço e o cliente para a mediçãoe o comportamento da corrosão.Tanto para materiais de alta resistência pré-tratados bem comozincados e cadmiados a possibilidade de ocorrência de falhas porcausa da fragilidade devido a absorção de hidrogênio existe. (verDIN 50 969*)).
5HYHVWLPHQWR
As superfícies apropriadas das peças zincadas bem como ascadmiadas (ver parte 2.3) devem ser isentas de falhas, as quaisprejudicam a aparência e a resistência a corrosão, como p.ex.:grandes poros e fendas (ver DIN 50 903), rugosidades, manchas esem descolorações intencionais.Os revestimentos devem estar firmemente aderidos sobre a peça. Otipo de procedimento para o teste de aderência deve ser acordado.
(VSHVVXUDGD&DPDGD
*HQHUDOLGDGHV
Utilizando a espessura de camada mínima recomendada conforme atabela 1 e 2 em uma superfície adequada entretanto não garante umadeterminada resistência a corrosão da peça acabada. Durante adefinição de quais as formas superficiais apropriadas que podem serzincadas bem como cadmiadas deverá ser considerada a distribuiçãoda espessura na peça.____________________*) Atualmente Esboço.
0HGLomRGDHVSHVVXUDGDFDPDGD
A espessura dos revestimentos de zinco bem como cádmio podemser medidos pelos métodos destrutivo e não-destrutivo.Para medição da espessura de camada pelo método destrutivo estãodisponíveis os seguintes procedimentos:- coulometria conforme DIN 50 955- microscopia conforme DIN 50 950- medição diferencial através de um sensor conforme DIN 50 933- Gravimetria conforme DIN 50 988 Parte 1- volumetria conforme DIN 50 988 Parte 2
*
)Ou se a espessura de camada deve ser medida pelo método não-destrutivo, estão disponíveis os seguintes métodos:- magnetismo conforme DIN 50 981- Método de reflexo beta conforme DIN 50 983- Método de Fluorescência Roentgen conforme DIN 50 987A espessura do revestimento de cromatização não é considerado.
1tYHOGHVXEPLVVmR
Os níveis de submissão fornecem os parâmetros para os níveis desujeição à corrosão no uso das peças galvanizadas e se for o caso dacromatização enumerados conforme a seguir:4 extraordinariamente forte3 forte2 moderado1 suaveA relação entre o nível de submissão para a resistência mínima noteste de corrosão em curto espaço de tempo e a espessura da camadaestão especificadas nas tabelas 1 e 2 ( Interpretação ver parte 8)Tabela 1.
0pWRGRGHWHVWHGXUDomRGRWHVWHHHVSHVVXUDPtQLPDUHFRPHQGDGDSDUDUHYHVWLPHQWRVGH]LQFRHUHYHVWLPHQWRGH]LQFRFURPDWL]DGRV&ODVVLILFDomRQXPpULFDFRQIRUPH',1
Nível deSubmissãoGrupo do Método deCromatização conforme DIN50 960 Parte 1Ciclo de condensaçãona alteração climáticaDIN 50 018 –KFW 2,0 S *)Duração do teste denévoa salina em hconforme DIN 50 021– SS *)Espessura mínimarecomendada emµmX sem 7 1924C D 10 36025X sem 3 963C D 5 19212sem 2 48X A B F 3 722C D 4 1208Sem 1 24X A B F 1 481C D 2 725*) Atualmente Esboço.
 
DK 669.169.9-034.5-034.73 NORMAS ALEMÃS Junho 1987DIN 50 961 lado3
Tabela 2.
0pWRGRGHWHVWHGXUDomRGRWHVWHHHVSHVVXUDPtQLPDUHFRPHQGDGDSDUDUHYHVWLPHQWRVGHFiGPLRHUHYHVWLPHQWRVGH&iGPLRFURPDWL]DGRV&ODVVLILFDomRQXPpULFDFRQIRUPH',1
Nível deSubmissãoGrupo do Método deCromatização conforme DIN50 960 Parte 1Ciclo de condensaçãona alteração climáticaDIN 50 018 –KFW 2,0 S *)Duração do teste denévoa salina em hconforme DIN 50 021– SS *)Espessura mínimarecomendada emµmX sem 8 3604C D 12 48025X sem 4 1923C D 5 24012sem 2 72X A F 2 962C D 3 1208Sem 1 48X A F 1 721C D 2 965*) Atualmente Esboço
'XUDomR7HVWHGH&RUURVmRH,QWHUSUHWDomR
Para peças, que se enquadram nos níveis de submissão 3 e 4,recomenda-se em geral usar uma cromatização conforme o grupo demétodo C e D (ver DIN 50 960 Parte 1), os quais também resultamem um valor de proteção maior na duração do teste de corrosão.Não se consegue julgar tão facilmente o comportamento da corrosãoa partir dos resultados da inspeção do teste de duração à corrosão depeças galvanizadas e/ou cadmiadas e cromatizadas em uso.Avaliações qualitativas dos diferentes sistemas de camadas épossível.O valor determinado em corpos de prova conforme tabelas 1 e 2 épara a corrosão do material base. A classificação será realizadaconforme DIN 50 980. A classificação numérica pendente seráacordada. Para corpos de prova com superfícies apropriadasmenores que 25 mm
2
a quantidades de corpos de prova e aclassificação numérica admissível deverá ser acordada.A avaliação será – sem lupa – realizada à distância de leitura.
&URPDWL]DomRFRPHVHPHQYHUQL]DPHQWR
*HQHUDOLGDGHV
Na cromatização as peças galvanizadas zincadas ou cadmiadas,serão mergulhadas em uma solução em repouso ou em movimento.Algumas soluções servem para aplicações em processos de pintura.Soluções de cromatização também podem ser produzidas poreletrólise. Durante a cromatização sempre é liberado algum zinco oucádmio. Essa perda, 0,2 até 2 µm em cada operação, deve serconsiderada na aplicação deste revestimento metálico, porque senãoficará menor que a espessura mínima recomendada.Produtos com revestimentos de cromatização úmidos ou recentessão removidos facilmente. Uma resistência à essa remoção somenteserá atingida na secagem subseqüente.Na lavagem e secagem de peças cromatizadas e sem tratamentoposterior não devem ter o seu revestimento de cromatizaçãoaquecidos acima de 70º C. Em alta temperaturas se forman fendas,as quais diminuem o efeito de proteção. A aderência de tintas desecagem em estufa entretanto, não é prejudicada. Isto deve serconsiderado, se for o caso, quando do uso desta peças em campo.Através de um tratamento posterior adequado esta resistência aoaquecimento pode ser melhorada.
*UXSRVGH0pWRGRVH7UDWDPHQWRSRVWHULRU
Na cromatização de revestimentos galvânicos de zinco e cádmiodistintos grupos de processos são deiferenciados, dos quais asabreviaturas constam na DIN 50 960 Parte 1. Para cada condição decromatização existem existem distintas espessuras e colorações. Orevestimento de cromatização sobre zinco e cádmio pode serincolor, azulado, amarelo claro, esverdeado até amareladoiridescente, amarelo ouro até amarelo marron, verde oliva e marronoliva, preto-marron até preto. São condições de cromatização ascomposições particulares, Temperatura e valor do pH da soluçãobem como a duração da operação e a peça- ou movimento doseletrólitos.Para outros melhoramentos da resistência a corrosão dorevestimento de cromatização e com isso a resistência a corrosão dosistema total podem ser melhoradas as cromatizações através deinstalação direta de substâncias orgânicas.Este processo será tratado como envernizamento.
De modo especial pode a resistência a temperatura dorevestimento de cromatização ser elevada através doenvernizamento. O envernizamento da cromatização aindaúmida pode ser atingida por imersão ou espargimento ouentão com polímeros aquosos contendo soluções ou tambémadicionando diretamente substâncias apropriadas sobre acromatização.

Activity (4)

You've already reviewed this. Edit your review.
1 thousand reads
1 hundred reads
Georgios Loussis liked this

You're Reading a Free Preview

Download
/*********** DO NOT ALTER ANYTHING BELOW THIS LINE ! ************/ var s_code=s.t();if(s_code)document.write(s_code)//-->