Welcome to Scribd, the world's digital library. Read, publish, and share books and documents. See more
Download
Standard view
Full view
of .
Save to My Library
Look up keyword or section
Like this
5Activity

Table Of Contents

0 of .
Results for:
No results containing your search query
P. 1
Valor Investimentos - Aprenda a Investir na Bolsa.pdf

Valor Investimentos - Aprenda a Investir na Bolsa.pdf

Ratings: (0)|Views: 613 |Likes:
Uploaded from Google Docs
Uploaded from Google Docs

More info:

Published by: Rodrigo Pereira Da Silva on May 15, 2011
Copyright:Attribution Non-commercial

Availability:

Read on Scribd mobile: iPhone, iPad and Android.
download as PDF, TXT or read online from Scribd
See more
See less

07/08/2013

pdf

text

original

 
 
Aprenda a Investir na Bolsa de Valores1
 
ÍNDICE
1.
 
INTRODUÇÃO
..........................................................................................................................3
 
2.
 
BOLSA DE VALORES
..............................................................................................................3
 
2.1 Breve Histórico da BOVESPA
..................................................................................................3
 
2.2 BOVESPA
....................................................................................................................................4
 
2.3 Pregão viva-voz e o Pregão Eletrônico
................................................................................4
 
2.3.1 Horários de Negociação
.......................................................................................................5
 
2.3.2 After-Market
...........................................................................................................................5
 
2.4 Fontes de financiamento das empresas – Por que uma empresa abre o capital
.......5
 
2.5 O que é uma ação
....................................................................................................................6
 
2.6 Riscos X CBLC
............................................................................................................................7
 
2.7 Direito do acionista – Governança corporativa
..................................................................7
 
3.
 
MERCADO SECUNDÁRIO DE AÇÕES NA BOVESPA
....................................................8
 
3.1 Diferença entre Mercado Primário e Mercado Secundário
...............................................8
 
3.2 Instituições
.................................................................................................................................8
 
3.2.1 CVM - (Comissão de Valores Mobiliários)
........................................................................8
 
3.2.2 BOVESPA e SOMA
.................................................................................................................8
 
3.2.2.1 Bovespa - (Bolsa de Valores de São Paulo)
................................................................8
 
3.2.2.2 SOMA - Sociedade Operadora do Mercado de Ativos S/A
........................................8
 
3.2.3 Corretoras
...............................................................................................................................8
 
3.2.4 Home brokers
........................................................................................................................9
 
3.2.5 Clearing house (Câmara de compensação)
....................................................................9
 
3.3 Tipos de ordens
.......................................................................................................................10
 
3.4 Mercado à vista
.......................................................................................................................10
 
3.5 Mercado a termo
.....................................................................................................................10
 
3.6 Livro de ofertas
.......................................................................................................................11
 
3.7 Liquidação
................................................................................................................................11
 
3.8 Custos e tributação
................................................................................................................11
 
3.8.1 Custos de Transação:
........................................................................................................11
 
3.8.2 Tributação
.............................................................................................................................11
 
3.9 Nota de corretagem
...............................................................................................................12
 
3.10 Dividendos, bonificações e subscrições
...........................................................................12
 
4.
 
ALTERNATIVAS DE PARTICIPAÇÃO NO MERCADO DE AÇÕES
...........................13
 
4.1 Como participar do mercado de ações
..............................................................................13
 
5.
 
ANÁLISE FUNDAMENTALISTA
........................................................................................14
 
6.
 
ENTENDENDO AS COTAÇÕES
..........................................................................................15
 
7.
 
PERGUNTAS MAIS FREQÜENTES
...................................................................................17
 
8.
 
OPÇÕES
....................................................................................................................................18
 
8.1 Vencimento e Exercício de Opções
.....................................................................................18
 
8.2 Preço de Exercício e Prêmio
.................................................................................................18
 
8.3 Operando com Opções de Compra
.....................................................................................18
 
8.4 Opções - riscos e recomendações
.......................................................................................19
 
8.4.1 Risco do Titular (Comprador) da Opção de Compra
...................................................19
 
8.4.2 Opções de Compra que "Viram Pó"
................................................................................19
 
8.4.3 Risco na Venda a Descoberto (Lançamento de Opções de Compra)
.......................19
 
8.5 IDENTIFICANDO CÓDIGOS DE NEGOCIAÇÃO DE OPÇÕES
...........................................20
 
9.
 
BOLSAS INTERNACIONAIS
..............................................................................................21
 
9.1 Dow Jones
................................................................................................................................21
 
 
 
Aprenda a Investir na Bolsa de Valores2
9.2 S&P 500
....................................................................................................................................21
 
9.3 Nasdaq
......................................................................................................................................21
 
10.
 
INTRODUÇÃO ANÁLISE TÉCNICA
..................................................................................22
 
10.1 Candles
...................................................................................................................................24
 
10.1.1 Candlestick: A Teoria do Candelabro Japonês
...........................................................24
 
10.1.1.1 CONSTRUÇÃO DOS CANDLESTICKS
.........................................................................25
 
10.1.1.2 Martelo e Enforcado
................................................................................................26
 
10.1.1.3 Engolfo
............................................................................................................................27
 
10.1.1.4 Nuvem Negra
.................................................................................................................28
 
10.1.1.5 Piercing Line
...................................................................................................................29
 
10.1.1.6 Bebê Abandonado
.........................................................................................................30
 
10.1.1.7 Shooting Star
.................................................................................................................31
 
10.1.1.8 Martelo Invertido
...........................................................................................................32
 
10.1.1.9 Harami
.............................................................................................................................33
 
10.1.1.10 Suporte x Resistência
..............................................................................................35
 
10.2 A Seqüência de Fibonacci:
.................................................................................................37
 
10.2.1 A Seção Dourada
..............................................................................................................37
 
10.2.2 O Retângulo Dourado
......................................................................................................37
 
10.2.3 A Espiral Dourada
.............................................................................................................37
 
10.3 Simetrias de Fibonacci
........................................................................................................38
 
11.
 
SITES INDICADOS
...............................................................................................................42
 
 
 
Aprenda a Investir na Bolsa de Valores3
1. INTRODUÇÃO
Quanto mais desenvolvida é uma economia, mais ativo é o seu mercado de capitais, o que setraduz em mais oportunidades para as pessoas, empresas e instituições aplicarem suaspoupanças. Ao abrir seu capital, uma empresa encontra uma fonte de captação de recursosfinanceiros permanentes. A plena abertura de capital acontece quando a empresa lança suasações ao público, ou seja, emite ações e as negocia nas bolsas de valores.
E você, ao adquirir ações, passa a ser também sócio da empresa - um acionista. 
Preparamos esse material especialmente para que você possa conhecer melhor o mercado deações, seus conceitos, como e por que participar dele, a importância do mercado para o País, parao desenvolvimento das empresas e outras informações importantes.
2. BOLSA DE VALORES
2.1 Breve Histórico da BOVESPA
Fundada em 23 de agosto de 1890, a Bolsa de Valores de São Paulo - BOVESPA tem umalonga história de serviços prestados ao mercado de capitais e à economia brasileira. Até meadosda década de 60, a BOVESPA e as demais bolsas brasileiras eram entidades oficiais corporativas,vinculadas às secretarias de finanças dos governos estaduais e compostas por corretoresnomeados pelo poder público.Com as reformas do sistema financeiro nacional e do mercado de capitais implementadas em1965/66, as bolsas assumiram a característica institucional que mantêm até hoje, transformando-seem associações civis sem fins lucrativos, com autonomia administrativa, financeira e patrimonial. Aantiga figura individual do corretor de fundos públicos foi substituída pela da sociedade corretora,empresa constituída sob a forma de sociedade por ações nominativas ou por cotas deresponsabilidade limitada. A Bolsa de Valores de São Paulo é uma entidade auto-reguladora queopera sob a supervisão da Comissão de Valores Mobiliários (CVM).Desde a década de 60, tem sido constante o desenvolvimento da BOVESPA, seja no campotecnológico, seja no plano da qualidade dos serviços prestados aos investidores, aosintermediários do mercado e às companhias abertas.Em 1972, a BOVESPA foi a primeira bolsa brasileira a implantar o pregão automatizado com adisseminação de informações on-line e em real time, através de uma ampla rede de terminais decomputador. No final da década de 70, a BOVESPA foi também pioneira na introdução deoperações com opções sobre ações no Brasil; nos anos 80 implantou o Sistema Privado deOperações por Telefone(SPOT). Na mesma época, a BOVESPA desenvolveu um sistema decustódia fungível de títulos e implantou uma rede de serviços on-line para as corretoras. Em 1990,foram iniciadas as negociações através do Sistema de Negociação Eletrônica - CATS (Computer Assisted Trading Sistem) que operava simultaneamente com o sistema tradicional de Pregão VivaVoz. Em 1997, foi implantado com sucesso o novo sistema de negociação eletrônica daBOVESPA, o Mega Bolsa. Além de utilizar um sistema tecnológico altamente avançado, o MegaBolsa amplia o volume potencial de processamento de informações e permite que a BOVESPAconsolide sua posição como o mais importante centro de negócios do mercado latino-americano.A ampliação do uso da informática foi a marca das atividades da BOVESPA em 1999, com olançamento do Home Broker e do After-Market, ambos meios para facilitar e tornar viável adesejada participação do pequeno e médio investidor no mercado.

You're Reading a Free Preview

Download
/*********** DO NOT ALTER ANYTHING BELOW THIS LINE ! ************/ var s_code=s.t();if(s_code)document.write(s_code)//-->