Welcome to Scribd, the world's digital library. Read, publish, and share books and documents. See more
Download
Standard view
Full view
of .
Save to My Library
Look up keyword
Like this
215Activity
0 of .
Results for:
No results containing your search query
P. 1
Realismo em Portugal

Realismo em Portugal

Ratings:

4.27

(11)
|Views: 68,444 |Likes:
Published by setentaesete

More info:

Published by: setentaesete on Sep 06, 2008
Copyright:Public Domain

Availability:

Read on Scribd mobile: iPhone, iPad and Android.
download as PDF, TXT or read online from Scribd
See more
See less

06/20/2013

pdf

text

original

 
Literatura - Valdir 18.08.08 – 25.08.08
Origens do Realismo, Realismo em Portugal
O Realismo surgiu primeiramente na França efoi o encontro de fatores políticos e teóricos nocomeço da segunda metade do século XIX.O grande fator potico que alimentou amudaa cultural do romantismo para orealismo foi a Primavera dos Povos, 1848,movimento revolucionário originalmenteapoiado pelo romantismo. Mesmo significandoo fim do absolutismo francês, o governo deLamartine que era um escritor e poetaromântico, causou grande insatisfação já emseu terceiro mês no poder. O que seguiu foiuma greve geral que foi fortemente reprimidapelo exército. Essa repressão brutal foi apoiadapelos românticos.Em fim, com a decepção com os românticosque, uma vez no poder, apoiaram mais a burguesia do que o povo, foi inaugurada umanova linha cultural: o realismo.Enquanto desenrolavam-se as consequênciasda Primavera dos Povos, 2 filosofias anti-românticas ganharam adeptos. Em primeirolugar, o positivismo de Augusto Comte incitoua valorização da lógica e da ciência e dos fatosobserváveis. Seguia então uma atitude objetivaque foi adotada por vários grupos, inclusive asforças armadas brasileiras. A segunda filosofia teve mais impacto naliteratura: o pesssimismo radical deSchopenhauer. Para o filósofo sempre existia acerteza de que viver é sofrer. A humanidade noentanto cria ilusões para esconder a dor dessarealização como o amor, a amizade, o trabalho,a família, o sexo e a religião. Sua filosofiainfluenciou Machado de Assis e a deQueirós.CARACTERÍSTICAS DO REALISMOO todo realista pode ser resumido em:observação, análise e pessimismo. observação é mais importante para um realistado que a imaginação, o sonho e os sentimentos.É preciso então observar e descrever o mundocomo ele realmente é assumindo uma posturaobjetiva e antievasionista. Além de observar e descrever é preciso analisaros fatos cientificamente. O tipo de análise variade autor para autor e é o diferencial entre oestilo de cada um. Essa análise pode ser doindivíduo, da sociedade ou da psicologia dossentimentos. Esse formato gera um grandeproblema; todas as obras tem enredo quaseque secundário em comparação à analise e àdescrição.Finalmente, o métdodo realista geraconclusões pessimistas, claramente mostrandoclaramente a influência de Schopenhauer.Normalmente o enredo e o desfechoevidenciam como o ser humano é egoista,sofredor e covarde.REALISMO EM PORTUGALO início do realismo em Portugal se deu com achamada Questão Coimbrã que durou de 1865à 1867. Nota-se que a inseão de idéiasrealistas aconteceu 15 anos após o início dorealismo na França e 40 anos depois do iníciodo romantismo. O incidente involveu Anterode Quental, jovem de 23 anos e FelicianoCastilho, romântico conservador.Castilho julgou duramente o livro de poesiaspublicado por Antero de Quental “OdesModernas” pois fugia do padrão romântico.Como reposta, Antero de Quental publicou oartigo “Bom senso e bom gosto” satirizando aimagem do escritor. Inicia-se assim o realismoem Portugal.Os maiores representantes do realismo emPortugal foram o próprio Antero, Cerio Verde e Eça de Queirós. Antero de Quentalproduziu basicamente poetas em forma desoneto onde o tema era filosóficoconcentrando-se no positivismo e nopessimismo. Mais tarde, Fernando Pessoa seráinfluenciado por seus poemas.Cesário Verde tamm foi uma grandeinfluência para Fernando Pessoa. Seu únicolivro praticou uma poesia fotográfica queretratava a vida cotidiana. Os poemas de Alberto Caeiro são muito influenciados pelolivro. Em um dos poemas iniciais de AlbertoCaeiro, Cerio chega a ser mencionadodiretamente.Eça de Queirós limitou sua arte em romances econtos. O autor era também jornalista e

Activity (215)

You've already reviewed this. Edit your review.
1 hundred reads
1 thousand reads
1 hundred thousand reads
Denise Silva added this note
Não sei se foi um erro na hora de digitar, ou se a pessoa que escreveu esse artigo está falando sobre coisas que não sabe... Mas o livro de Eça de Queirós, chama-se "A cidade e as serras" e NÃO "A cidade e as TERRAS".
Keila Oliveira liked this
Thayane Mendes added this note
gostei, afinal é sempre bom ter mais conhecimento...
Riangela Meneses added this note
bom
Edson Laurinda Rex Cumbi added this note
eu gostei mais de saber sobre realismo em portugal
muito bom pra pesquisar
Pedro Lopes liked this

You're Reading a Free Preview

Download
/*********** DO NOT ALTER ANYTHING BELOW THIS LINE ! ************/ var s_code=s.t();if(s_code)document.write(s_code)//-->