Welcome to Scribd, the world's digital library. Read, publish, and share books and documents. See more
Download
Standard view
Full view
of .
Look up keyword
Like this
536Activity
0 of .
Results for:
No results containing your search query
P. 1
ensinar multiplicação e divisao

ensinar multiplicação e divisao

Ratings:

4.76

(45)
|Views: 188,014|Likes:
Published by belynha

More info:

Published by: belynha on Sep 09, 2008
Copyright:Attribution Non-commercial

Availability:

Read on Scribd mobile: iPhone, iPad and Android.
download as PDF, TXT or read online from Scribd
See more
See less

11/23/2014

pdf

text

original

 
 
PROGRAMA DE FORMAÇÃO CONTÍNUA EMMATEMÁTICA PARA PROFESSORES DOS 1º e 2ºCICLOS
 
Quantos olhos?Quantos dedos?Livros para as minhas amigas. Quantos para cada uma?
Escola Superior de Educação de Lisboa
 
 2
 
Ana Paula MonteiroCristina LoureiroFernando NunesHenriqueta GonçalvesJunho 2007
 
 3
Introdução
Há muito mais na compreensão da multiplicação e divisão do quecalcular quantidades. A criança deve aprender um conjunto inteiramente novode sentidos de número e um novo conjunto de variáveis todos relacionadoscom a multiplicação e a divisão.
(Nunes
et al 
, 1997, p. 142)
A compreensão das operações desempenha um papel central noconhecimento da matemática (NCTM, 1991). Mas compreender uma operação não seresume a
saber fazer o algoritmo 
. Compreender uma operação é saber aplicá-la asituações do dia-a-dia, a situações da vida real, é saber que determinada situação sepode resolver, usando determinada operação, é saber usá-la significativamente. Destaforma o trabalho exploratório com situações problemáticas, envolvendo por vezes,materiais manipuláveis em que é possível “ver” os efeitos das operações, éfundamental para o desenvolvimento do significado destas, contextualizando assim aaprendizagem dos procedimentos de cálculo (Abrantes
et al 
, 1999).Verschaffel
et al 
(1996) referem a necessidade do aluno passar por uma faseconceptual extensa, durante a qual contactará com uma grande variedade de modelosde situações para cada operação aritmética. Mas esta preocupação nem sempre émuito evidente. Nas escolas continua a sentir-se uma certa pressa em iniciar osregistos escritos de procedimentos, muitas vezes com pouco significado para quem osfaz (Serrazina, 2002). As crianças necessitam de muito tempo e de uma grandevariedade de experiências para relacionarem a linguagem informal com a linguagemmatemática na construção dos conceitos subjacentes às operações, antes do ensinoexplícito dos símbolos (Fernandes, 1994). A expectativa de que os alunos seapropriem muito rapidamente dos procedimentos de cálculo, leva alguns professores acentrar o ensino na memorização de factos e regras necessárias à execução deprocedimentos, em lugar de trabalharem o uso reflectido das operações e dasrelações entre os números. Antes do ensino formal e do trabalho com os símbolos, nodomínio das operações, é necessário dedicar algum tempo ao desenvolvimentoconceptual pois este fornece significado e contexto para o trabalho subsequente emdestrezas de cálculo (NCTM, 1991).De acordo com o NCTM (1991), existem quatro componentes no sentido dasoperações:
saber aplicar a operação a situações da vida real;
ter a percepção dos modelos e das propriedades de uma operação;
perceber as relações entre as operações;

Activity (536)

You've already reviewed this. Edit your review.
ritocas216111 liked this
Bárbara Rafa liked this
Carolroel liked this
Eliane Silva added this note
Muito bom!
Ana Luiza Konrad added this note
Parabéns, gostei das idéias.!

You're Reading a Free Preview

Download
scribd
/*********** DO NOT ALTER ANYTHING BELOW THIS LINE ! ************/ var s_code=s.t();if(s_code)document.write(s_code)//-->