Welcome to Scribd, the world's digital library. Read, publish, and share books and documents. See more
Download
Standard view
Full view
of .
Look up keyword
Like this
19Activity
0 of .
Results for:
No results containing your search query
P. 1
Medicina Legal- Resumão 1º Semestre

Medicina Legal- Resumão 1º Semestre

Ratings: (0)|Views: 2,324 |Likes:
Published by Cauê Alves
Resumão de Medicina Legal, com base no livro "Compêndio de Medicina Legal" e nas aulas da Profa. Luciana Nascimento.
1º semestre 2011 - curso de Direito, 2º ano. Solange Barone.
Resumão de Medicina Legal, com base no livro "Compêndio de Medicina Legal" e nas aulas da Profa. Luciana Nascimento.
1º semestre 2011 - curso de Direito, 2º ano. Solange Barone.

More info:

Published by: Cauê Alves on Jun 02, 2011
Copyright:Attribution Non-commercial

Availability:

Read on Scribd mobile: iPhone, iPad and Android.
download as PDF or read online from Scribd
See more
See less

03/26/2013

pdf

 
Resumo
– 
Medicina Legal 2º ano Direito
– 
 
Solange Barone
 Resumo
– 
Medicina Legal 2º ano Direito
– 
 
Solange Barone
 
MEDICINA LEGAL
 
TÓPICO 03
 –
IMPORTÂNCIA DA MEDICINA LEGAL E RELAÇÃO COM ACIÊ
 
NCIA JURÍDICA
 –
INTRODUÇÃO E CONCEITO
 C A D E R N O
O QUE ENGLOBA A MEDICINA LEGAL
 - Perícia- Exame de DNA- Incapacidade Civil (Ex. Interdição através de perito)- Exame de Corpo Delito (pessoa ou objeto envolvido no delito)Obs.: Todo crime que deixa vestígio, exige perícia para IML (agressão física
 –
 
ART 129
); Sexológico (abuso sexual); erro médico; seguro (ex.: amputa aprópria mão).Portanto, a Medicina Legal refere-se a cadáveres e vivos.
EXAMES REALIZADOS NO IML
- Exame Cautelar
 –
é realizado mesmo sem haver lesão, para atestar aintegridade física (Ex.: Em presos);- Exame de Embriaguez;- Exame de Lesão Corporal;- Exame Sexológico;- Exame de Corpo de Delito (verificar se há lesão);- Perícia de Identificação (quem é a pessoa? Ex.: cadáver);- Exame Necroscópico (necropsia).
SVO
 –
SERVIÇO DE VERIFICAÇÃO DE ÓBITO (SERVIÇO MUNICIPAL)
Ex.: Geralmente em pessoas que morrem em casa, a fim de verificar a causada morte.Obs.:- Há necessidade de saber o motivo da morte, a fim de se obter dadosestatísticos para melhorar a política de saúde pública.
NOTIFICAÇÃO COMPULSÓRIA
 Quando diagnosticadas doenças graves (Ex.: tuberculose). O Estado tem queser informado, mesmo o paciente não tendo conhecimento da doença.
L I V R O
Flamínio Fávero: Medicina Legal: “a aplicação dos conhecimentos médico
-
biológicos na elaboração e execução que deles carecem”.
 Medicina Legal é uma ciência e uma arte, simultaneamente, pois, se elasistematiza conhe cimentos gerais, inclusive de outras ciências; e se ela adotamétodos próprios de trabalho e de pesquisa também é uma arte.A Medicina Legal estabelece relações, com toda a medicina e, também, com osmais variados ramos das ciências paramédicas ou até extramédicas: a
 
Resumo
– 
Medicina Legal 2º ano Direito
– 
 
Solange Barone
 Resumo
– 
Medicina Legal 2º ano Direito
– 
 
Solange Barone
 
química, a física, a biologia em geral, a grafoscopia, a balística, etc. Engloba apolícia técnica ou criminalística, a identificação e a toxicologia.A Medicina Legal contribui, do ponto de vista médico, para a aplicação eelaboração das leis. Para a formulação das leis, a colabora para evitar oucorrigir os defeitos que tem sido apontados quando essas normas legais não seauxiliam dos conhecimentos médico-legais indispensáveis à sua correta feitura.Portanto, em todas aquelas oportunidades em que leis, ou decretos,regulamentos, regimentos, portarias, provisões, etc., possam necessitar deconhecimentos de medicina legal, deve ela ser ouvida, para que a aplicaçãodaquelas normas e determinações seja cumprida de forma correta. Não seráela destinada apenas a redigir os seus laudos e pareceres, atividade da maiorimportância e da mais prestimosa valia, chegando a ser de fato indispensávelpara a melhor distribuição e aplicação da Justiça.Segundo Carraça, a Medicina Legal é a ciência que constitui uma ponte entre odireito e a medicina, enriquecendo aquele de conhecimentos médicos, epermeando a esta do saber dos juristas.A Medicina Legal no conjunto das atividades sociais, sugerido na Antiguidade:Percebem indícios da sua atuação no Código de Hamurabi e nas normaslegislativas mosaicas, egípcias e gregas.
No “Editto della Gran Carta della Vicaria di Napoli” de 1525, aquele que
primeiro exigiu o parecer de peritos para a execução das práticas judiciárias.Em 1532, o Código Criminal Carolino, promulgado pela Assembléia deRatisbonna, já exigia fossem ouvidos médicos e parteiras para esclarecimentodos juízes.O início da doutrina médico-forense, relaciona-se com a publicação do Tratadodos relatórios, de Ambrósio Pare, de 1575, em que se ministravam as normas aserem seguidas na atuação pericial. Até que foram publicadas as Questõesmédico-legais, de Paulo Zacchia, em 1621, em três volumes, obra monumentale que deve, em verdade, ser considerada o primeiro tratado de medicina legal.No Brasil, a primeira publicação de caráter médico-legal, que Oscar Freire eFlamínio Fávero encontraram, refere-se a um trabalho atribuído a GonçalvesGomide, n o ano de 1814.A evolução do ensino e da pesquisa da medicina legal, no Brasil, expandiu-seem dois grandes centros de estudo: na Bahia e no Rio de Janeiro, onde foramfundadas, em 1832, as primeiras escolas médicas do País.Há no Brasil, hoje, inúmeras Escolas de Medicina e de Direito, onde o ensino, apesquisa e a perícia se desenvolvem em alto nível, honrando sobremaneira eelevada cultura médico-legal brasileira.
JUSTIÇA
Refere-se a atos humanos, isto é, exige-se justiça aos homens, não à natureza.
 
Resumo
– 
Medicina Legal 2º ano Direito
– 
 
Solange Barone
 Resumo
– 
Medicina Legal 2º ano Direito
– 
 
Solange Barone
 
A igualdade e a justiça pressupõem que, se uma regra é válida para todos,ninguém a pode infringir em benefício próprio e prejuízo alheio.A aplicação da justiça, pressupõe decidir quais são os princípios essenciaisque devem reger a nossa conduta nas relações humanas e estabelecer osfundamentos da organização social, isto é, dar um conteúdo material, concreto,à idéia de justiça.
JUSTIÇA E DIREITO
 
“Justiça”” se trata de uma coação socialmente aceita, ou seja, uma coação que
a comunidade apóia ou mesmo cria.Em direito podem-se reconhecer dois aspectos: o direito subjetivo e o direitoobjetivo.Direito Subjetivo
 –
é a faculdade de agir juridicamente, isto é, que cadaindivíduo tem de recorrer às normas escritas.Direito Objetivo
 –
ou simplesmente direito, é formado por um conjunto denormas jurídicas, estabelecidas por escrito, aceitas pelo consenso social.
DIREITO E NORMA
 O direito é formado por um conjunto de normas. As normas, cuja violaçãoimplica uma determinada sanção, são as jurídicas: privação da liberdade,indenização pelos danos causados, anulação de um contrato ou de umtestamento que não tenha sido feito de forma prescrita, etc.
OS CÓDIGOS DE PROCESSO
 Constituem o conjunto de leis subsidiárias que regulamentam a lei principal. OCódigo de Processo Civil e o Código de Processo Penal são conjuntos denormas que regem os procedimentos adotados durante o processo civil e openal.
PROCESSUALÍSTICA CIVIL
 Quando alguém sofre uma lesão em seu patrimônio, provocada por outrem, eeste nega-se a reparar o dano, para ser ressarcido deverá recorrer à via judicial, iniciando então um processo civil.Após o cumprimento de todos os procedimentos regulamentares e com baseno conjunto de provas levantadas e anexadas aos autos, o juiz julga o caso eprolata a sentença. Sendo condenado, o acusado deverá ressarcir o dano,geralmente sob a forma de indenização.
PROCESSUALÍSTICA PENAL
Compete à Justiça penal a averiguação, constatação, julgamento e puniçãodas infrações ao Código Penal, isto é, os crimes.A Justiça é acionada quando notificada da ocorrência de um crime, isto é,quando recebe a notícia criminis.

Activity (19)

You've already reviewed this. Edit your review.
1 hundred reads
1 thousand reads
rico_al liked this
seth_fx8231 liked this
bibianamdo liked this
guidabiomedicina liked this
Gea Padilha liked this
Sabrina Ferreira liked this
Claudinha Labes liked this

You're Reading a Free Preview

Download
/*********** DO NOT ALTER ANYTHING BELOW THIS LINE ! ************/ var s_code=s.t();if(s_code)document.write(s_code)//-->