Welcome to Scribd, the world's digital library. Read, publish, and share books and documents. See more
Download
Standard view
Full view
of .
Save to My Library
Look up keyword
Like this
3Activity
0 of .
Results for:
No results containing your search query
P. 1
Anônimo - Bioenergia

Anônimo - Bioenergia

Ratings: (0)|Views: 101 |Likes:
Published by anon-478429

More info:

Published by: anon-478429 on Oct 11, 2008
Copyright:Attribution Non-commercial

Availability:

Read on Scribd mobile: iPhone, iPad and Android.
download as DOC, PDF, TXT or read online from Scribd
See more
See less

12/09/2012

pdf

text

original

 
BIOENERGIA
ENERGIA CÓSMICA OU IMANENTEÉ o principio vital que interpenetra e nutre a todas as coisas do UniversoInterdimensional. É aparentemente onipresente e impessoal, permeandopraticamente todos os planos de manifestação. Podemos, então, dizer que existe umaenergia densa (etérica), astral (etérea) e mental. Einstein, na verdade, parece quepartiu desse princípio quando demonstrou a substancial identidade entre a energia ea matéria, e a possibilidade de transformar uma em outra: a matéria é energia emestado de condensação; a energia é matéria em estado radiante.A nomeclatura sobre a energia é bastante diversificada, variando de filosofiapara filosofia. Ex.: Luz Astral (Cabala), Prana (Yoga), Mana (Kahunas), Força Ódica(Barão Von Reichenbach), Energia Orgônica (Wilhelm Reich), Telesma (Hermes Trismegisto). A palavra Energia é derivada do grego “Energes” (ativo) que, por suavez, deriva de “Ergon(obra). Logo, etimologicamente significa Atividade”;“Movimento”. A palavra Prana, como a energia é mais conhecida na Índia, pátriaoriginal do Yoga, é derivada do sânscrito “Pra” e de “An” (respirar, viver). Logo,etimologicamente significa “Sopro Vital”. No Japão, a energia é conhecida como “Ki”.Na China, é conhecida como “Chi”.As energias que os seres vivos absorvem e metabolizam são oriundas de fontesvariadas: o sol, o espaço infinito, o próprio planeta... Os ocultistas orientais dividiramessas energias em trÍs grupos distintos: 1. Fohat (eletricidade): energia conversívelem calor, luz, som, movimento, etc; 2. Prana (vitalidade): energia integrante quecoordena as moléculas e células físicas e as reúne num organismo definido; 3.Kundalini (fogo serpentino): energia primária, violenta, estruturadora das formas. Éoriunda do centro do planeta.ENERGIA CONSCIENCIAL OU PESSOALÉ a energia cósmica que a conscncia absorve e emprega nas suasmanifestações gerais. Essa energia consciencial é chamada em geral de energiaanímica ou magnetismo pessoal. Ao ser metabolizada pela consciÍncia, a energiacósmica deixa de ser impessoal e assume as características pessoais da criatura.FONTES BçSICAS DE ENERGIA VITAL1. Ar atmosférico, através do aparelho respiratório e da pele;2. Alimentação de sólidos e líquidos, através do aparelho digestório;3. Absorção de energia pelos chacras;4. Sono, atras da descoincidÍncia dos veículos de manifestão daconsciÍncia;5. Projeção da consciÍncia, através da absorção energética no plano astral.ATIVAÇÃO ENERGÉTICAA consciÍncia pode ativar as suas energias Conscienciais de trÍs maneiras:1. Circulação Energética (circulação fechada; estado vibracional);2. Absorção Energética (recepção energética);3. Exteriorização Energética (Irradiação energética).PROPRIEDADES BçSICAS DA ENERGIA CÓSMICA1. É acumulável por um sujeito devidamente treinado;2. É transmissível (pode-se energizar qualquer coisa);3. Tem polaridade positiva e negativa (YIN e YANG);4. Pode ser dinamizada pelo campo energético humano através da vontade;
1
 
5. Pode acumular qualidades específicas, mesmo quando é inespecífica em simesma;6. Pode formar parte da atmosfera de um planeta (energia telúrica, aérea,aquática e ígnea);7. É uma degradação de energia mental cósmica;8. Pode adotar uma diversidade de manifestações, dependendo do ambienteonde interpenetra;9. tem trÍs atividades sicas no campo enertico humano: recepção,exteriorização e circulação fechada (estado vibracional);10. A matéria é energia condensada (luz capturada gravitacionalmente); aenergia é maria em estado radiante. Logo, tudo é manifestação, em grausvariados, de uma mesma energia.A ENERGIA SEGUNDO MAXWELL
(Extraído do livro: “Medicina Magnética”; 1678.)
1. A alma não está apenas no corpo, mas também fora dele e não é circunscritapelo organismo;2. A alma opera fora de seu próprio corpo;3. De todo o corpo escapam raios corporais, nos quais a alma opera por suapresença e aos quais dá energia e força para agir;4. Esses raios, que o emitidos pelos corpos de todos os animais, mafinidade com o espírito vital, pelo qual se efetuam as operações da alma;5. Descendo do céu puro, claro e sem manchas, o espírito vital universal é opai do espírito vital particular, existente em cada coisa; é ele que o procria e omultiplica no corpo; é dele que os corpos recebem o poder de se propagar;6. Esse espírito desce perpetuamente do céu e a ele volta, e nesse fluxoperpétuo, fica sem manchas. É por isso que pode, por um hábil artifício, e emmaneiras admiráveis, ser unido a uma coisa qualquer a lhe aumentar a virtude;7. Essa matéria sutil se escapa sucessiva e continuamente de todo “misto”,sob a forma de um eflúvio ou raios projetados, e uma outra substância semelhante,mas nova, chega a tocar esses mesmos mistos; daí resultam, necessariamente, poresse fluxo e refluxo, regenerações e destruições;8. As excreções dos corpos dos animais retém uma porção do espírito vital;9.Entre o corpo e as excreções, há um certo laço de espíritos e raios, mesmoquando elas estão afastadas do corpo. Essa vitalidade só dura enquanto as excreçõeso forem transformadas em outra coisa;10. Basta que uma parte do corpo seja afetada, isto é, que o seu espírito sejalesado, para que as outras partes fiquem doentes;11. Se o espírito vital for fortificado em qualquer parte, será fortificado pelamesma ação em todo o corpo;12. Onde o espírito estiver mais a nu, aí será mais depressa afetado;13. A mistura dos espíritos produz a simpatia e desta nasce o amor;14. Se queres produzir grandes efeitos, tira das coisas o máximo possível damatéria, ou junta espírito à matéria, ou excita o espírito entorpecido. A menos quenão faças algumas destas coisas ou não saibas unir a imaginação da alma do mundoa uma imaginação que já se esforça por se transformar, jamais farás nada degrande;15. Posto que o espírito vital, considerado em si mesmo, não tenha partesheterogÍneas e seja um todo inteiriço e por toda parte como a luz, muito semelhantea si mesmo, quando unido a um corpo, varia segundo as partes do corpo, por causade certas junções...Eis porque os raios provindos de uma cabeça doente contém umespírito modificado como o da cabeça por essa disposição;16. Esse espírito se acha algures, ou antes, por toda parte, quase livre decorpo, e aquele que sabe uni-lo com o corpo conveniente possui um tesouro quedeve ser preferido a todas as riquezas do mundo;
2
 
17. Esse esrito separa-se do corpo tanto quanto possível, por meio dafermentação ou ainda pela atração de um irmão livre.AURA E CLARIVIDÊNCIASobre o tema "Aura e ClarividÍncia", postarei aqui algumas consideraçõespertinentes:1. Aura (do latim: "aura": "sopro de ar"): É o campo energético que apresenta-se em torno do corpo denso. Aparece à percepção parapsíquica do clarividente comoum campo luminoso mesclado por várias cores. Essas cores refletem a qualidade dospensamentos e sentimentos manifestados pela consciÍncia.2. A aura apresenta várias camadas vibratórias correspondentes aos diversoscorpos (veículos de manifestação da consciÍncia) por onde a consciÍncia manifesta-senos vários planos.3. Para facilitar, vamos dividi-la em trÍs frequÍncias básicas: A aura do corposico, também denominada duplo etérico (Teosofia), corpo vital (Rosacruz),pranamayakosha (Vedanta), holochacra (Conscienciologia), corpo bioplásmico oubioplasmático (pesquisadores russos) ou simplesmente corpo enertico(pesquisadores ocidentais). Essa aura reflete apenas as condições do corpo físico nomomento e suas predisposições energéticas. Contudo, é bom lembrar que o soma(Grécia: "soma": "corpo") é afetado diretamente pelo clima psíquico dos corpos sutis.A aura do corpo extrafísico, também chamada de alma. É a aura do corpoespiritual (Cristianismo; Paulo de Tarso, Cor. I , Cap. 15, vers: 44), tambémdenominado corpo astral (Teosofia), perispírito (Espiritismo), psicossoma(Projeciologia), corpo de luz (Ocultismo), corpo psíquico (Rosacruz), corpo bardo(Tibetanos), thanki (Chineses), kha (Iniciados Egípcios) ou corpo não-sico(pesquisadores ocidentais). Essa aura reflete as condições psíquicas e parapsíquicasda consciÍncia. Reflete diretamente as emoções do ser humano.A aura do corpo mental, também chamada de aura mental ou aura dospensamentos. É a aura que reflete diretamente o clima interno de nossospensamentos e idéias. O corpo mental (Teosofia) também é denominadomentalssoma (Conscienciologia), manomayakosha (Vedanta), corpo dos pensamentosou simplemente mente. Essa aura reflete o clima mental de uma consciÍncia. Nessaaura é possível perceber as formas-pensamento e suas cores.4. Obviamente que a foto Kirlian apenas mostra a repercussão energética nosoma e no duplo etérico, freqüÍncias mais densas e passíveis de mensuração. Achoque a disparidade entre as percepções de sensitivos e das fotos em questão deve-sea que a foto Kirlian reflete principalmente o duplo energético, enquanto que ossensitivos muitas vezes estão percebendo a aura dos corpos mais sutis. Até mesmoentre sensitivos existe diferenças nos níveis de percepção parapsíquica5. Na natureza tudo é energia. A matéria é energia condensada; a energia ématéria em estado radiante. Logo, tudo é energia em graus variados de densidade.Desde o sutil até o mais denso, tudo é energético e natural.6. O estudo das capacidades parapsíquicas do ser humano não tem nada desobrenatural, pois o capacidades latentes e inerentes a todos os seres,independentemente de raça, sexo, cultura ou religião. Sobrenatural é a ignorânciahumana sobre a naturalidade da vida!7. Muitas vezes, um sensitivo sem muitas informações técnicas para embasarsuas percepções, percebe coisas pelas vias telepáticas, intuitivas, clariaudientes oumediúnicas e chama-as de clarividÍncia.8. O fato de alguém apresentar percepções parapsíquicas desenvolvidas nãogarante que ela seja inteligente ou desenvolvida espiritualmente. Desenvolvimentoparapsíquico não é desenvolvimento espiritual. Isso explica porque alguns sensitivossão canalhas e até piores do que muitas pessoas sem percepção nenhuma.9. O desenvolvimento espiritual demanda esfoo no trabalho deaprimoramento consciencial, demanda crescimento interno e ampliação do amor,lucidez, maturidade, alegria, modéstia, respeito, autoconhecimento, paz íntima,
3

You're Reading a Free Preview

Download
/*********** DO NOT ALTER ANYTHING BELOW THIS LINE ! ************/ var s_code=s.t();if(s_code)document.write(s_code)//-->