Welcome to Scribd, the world's digital library. Read, publish, and share books and documents. See more ➡
Download
Standard view
Full view
of .
Add note
Save to My Library
Sync to mobile
Look up keyword
Like this
2Activity
×
0 of .
Results for:
No results containing your search query
P. 1
Gestão da Comunicação Organizacional: Estudo de caso da Federação das APAE’s do Estado de Santa Catarina

Gestão da Comunicação Organizacional: Estudo de caso da Federação das APAE’s do Estado de Santa Catarina

Ratings: (0)|Views: 570|Likes:
Published by Daniella Haendchen
Esta pesquisa teve como objetivo analisar a Gestão da Comunicação Organizacional da Federação das Associações dos Pais e Amigos dos Excepcionais (APAE’s) do Estado de Santa Catarina, a fim de verificar como a Federação atende a suas demandas comunicacionais, especialmente, das 22 filiadas pertencentes à Região Médio Vale do Itajaí, de acordo com a delimitação geográfica definida pela própria entidade. A pesquisa teve duas fases de investigação: a pesquisa bibliográfica na literatura pertinente ao tema e a pesquisa de campo, que envolveu como procedimentos metodológicos a pesquisa documental, a observação participante e a entrevista semi-estruturada. No período de 22 de março a 03 de maio de 2007, os presidentes, vice-presidentes, diretores e/ou funcionários das APAE’s do Médio Vale do Itajaí foram entrevistados para obtenção dos dados da pesquisa. Neles, constatamos que a proximidade geográfica das sedes das APAE’s do Médio Vale do Itajaí e da Federação Estadual, situada em Penha (SC), favorece o fluxo de informações, porém, as APAE’s não têm a cultura de manter a Federação informada sobre as suas atividades e, também, sobre os seus contatos. Por outro lado, a Federação responde com agilidade a demanda comunicacional das suas filiadas e, inclusive, mantém abertos gratuitamente os canais de comunicação (site e boletim on-line) para que as APAE’s divulguem suas informações. Logo, percebemos uma ineficiência gerencial no tocante à comunicação. Diante da análise dos dados, diretrizes foram apontadas para que a Federação possa elaborar um Plano de Comunicação Organizacional com a finalidade de atender às expectativas e aos interesses dos seus públicos e, com isso, ampliar os seus relacionamentos com profissionalismo e eficácia, uma vez que constatamos in loco a gestão amadora da comunicação organizacional.
Esta pesquisa teve como objetivo analisar a Gestão da Comunicação Organizacional da Federação das Associações dos Pais e Amigos dos Excepcionais (APAE’s) do Estado de Santa Catarina, a fim de verificar como a Federação atende a suas demandas comunicacionais, especialmente, das 22 filiadas pertencentes à Região Médio Vale do Itajaí, de acordo com a delimitação geográfica definida pela própria entidade. A pesquisa teve duas fases de investigação: a pesquisa bibliográfica na literatura pertinente ao tema e a pesquisa de campo, que envolveu como procedimentos metodológicos a pesquisa documental, a observação participante e a entrevista semi-estruturada. No período de 22 de março a 03 de maio de 2007, os presidentes, vice-presidentes, diretores e/ou funcionários das APAE’s do Médio Vale do Itajaí foram entrevistados para obtenção dos dados da pesquisa. Neles, constatamos que a proximidade geográfica das sedes das APAE’s do Médio Vale do Itajaí e da Federação Estadual, situada em Penha (SC), favorece o fluxo de informações, porém, as APAE’s não têm a cultura de manter a Federação informada sobre as suas atividades e, também, sobre os seus contatos. Por outro lado, a Federação responde com agilidade a demanda comunicacional das suas filiadas e, inclusive, mantém abertos gratuitamente os canais de comunicação (site e boletim on-line) para que as APAE’s divulguem suas informações. Logo, percebemos uma ineficiência gerencial no tocante à comunicação. Diante da análise dos dados, diretrizes foram apontadas para que a Federação possa elaborar um Plano de Comunicação Organizacional com a finalidade de atender às expectativas e aos interesses dos seus públicos e, com isso, ampliar os seus relacionamentos com profissionalismo e eficácia, uma vez que constatamos in loco a gestão amadora da comunicação organizacional.

More info:

categoriesTypes, Research
Published by: Daniella Haendchen on Sep 25, 2011
Copyright:Attribution Non-commercial

Availability:

Read on Scribd mobile: iPhone, iPad and Android.
download as PDF, TXT or read online from Scribd
See More
See less

02/04/2013

pdf

text

original

 
1
UNIVERSIDADE DO VALE DO ITAJAÍPRÓ-REITORIA DE PESQUISA, PÓS-GRADUAÇÃO, EXTENSÃO E CULTURADEPARTAMENTO DE PÓS-GRADUAÇÃOESPECIALIZAÇÃO PARA FORMAÇÃO PARA O MAGISTÉRIO SUPERIOR 
DANIELLA HAENDCHEN SANTOS
GESTÃO DA COMUNICAÇÃO ORGANIZACIONAL:
Estudo de caso da Federação das APAE’s do Estado de Santa CatarinaItajaí, SCJulho de 2007.
 
2
UNIVERSIDADE DO VALE DO ITAJAÍPRÓ-REITORIA DE PESQUISA, PÓS-GRADUAÇÃO, EXTENSÃO E CULTURADEPARTAMENTO DE PÓS-GRADUAÇÃOESPECIALIZAÇÃO PARA FORMAÇÃO PARA O MAGISTÉRIO SUPERIOR 
DANIELLA HAENDCHEN SANTOS
GESTÃO DA COMUNICAÇÃO ORGANIZACIONAL:
Estudo de caso da Federação das APAE’s do Estado de Santa CatarinaMonografia submetida à Universidade do Valedo Itajaí (UNIVALI), como requisito parcial àobtenção do título de especialista nomagistério superior.Orientador: Prof. Dr. Paulo Fernando Liedtke.Itajaí, SCJulho de 2007.
 
 
3
DECLARAÇÃO DE ISENÇÃO DE RESPONSABILIDADE
Declaro, para todos os fins de direito, que assumo total responsabilidade pelo aporteideológico conferido ao presente trabalho, isentando a Universidade do Vale do Itajaí -UNIVALI, a Pró-Reitoria de Pesquisa, Pós-Graduação, Extensão e Cultura - ProPPEC e oOrientador desta, de toda e qualquer responsabilidade acerca da mesma.
 Daniella Haendchen Santos

You're Reading a Free Preview

Download
/*********** DO NOT ALTER ANYTHING BELOW THIS LINE ! ************/ var s_code=s.t();if(s_code)document.write(s_code)//-->