Welcome to Scribd, the world's digital library. Read, publish, and share books and documents. See more
Download
Standard view
Full view
of .
Look up keyword
Like this
8Activity
0 of .
Results for:
No results containing your search query
P. 1
Os Primeiros Passos na Prática do Sistema Franz Bardon - Paul Allen

Os Primeiros Passos na Prática do Sistema Franz Bardon - Paul Allen

Ratings: (0)|Views: 370|Likes:
Published by bardonista

More info:

Published by: bardonista on Sep 29, 2011
Copyright:Attribution Non-commercial

Availability:

Read on Scribd mobile: iPhone, iPad and Android.
download as ODT, PDF, TXT or read online from Scribd
See more
See less

04/19/2014

pdf

text

original

 
Primeiros passos (Tradução)
Paul AllenTradução: Lucas Moraes QuimRetirado do: Projeto MayhemLink original:http://www.oocities.org/franzbardon/masterit.html
 
INTRODUÇÃO
Primeiro de tudo: de maneira nenhuma a necessidade de volimitar-se apenas ao método de Bardon, eu nunca fiz isso. Mas eleé uma maravilha, muito útil e as faculdades adquiridas por elessão... (Use sua imaginação!)... Magníficas.Nunca se esqueça que todos nós somos, de fato, grandes magos. Masmuitos não percebem isso.O presente texto também poderia ser encabeçado pelo título: "Comoadquirir faculdades mágicas". É concebido especialmente para aprática dos ensinamentos de Franz Bardon, mas você pode adotá-latambém para obter toda a espécie de outras faculdade "psíquicas"(ou não).E por favor, não use a magia para coisas banais, não hánecessidade de fazer isso. Se votiver problemas com a vidacotidiana (dinheiro, relacionamentos, saúde,...), então use outrosmétodos para superar esta situação, é realmente fácil.Lembre-se também de usar a magia como via para o auto-desenvolvimento.
1 - a maneira fácil
O primeiro e mais importante a saber e lembrar é o seguinte: émuito fácil adquirir a faculdade desejada!(E essa é a verdade, você sabe disso).Seja extremamente cauteloso, caso você ouça ou leia formulaçõescomo "trabalhando duro", "difícil", "mestre", "prática","exercício", "lutar por ele" e assim por diante. Muitas vezes,elas podem ser interpretadas de modo incorreto.Estas formulações podem criar um bloqueio mental, seu corpo vai sepreparar imediatamente para dominar uma tarefa dicil, seussculos ficaram tensos, a sua preso arterial e o vel deadrenalina / vel de cortisona aumentarão. Esta é uma pica"situação de alarme", também chamado de estresse. Seu corpo estápreparado para fugir (com esta situão e todos os assuntosrelacionados) e seria quase impossível de se aprender ou fazeralgo novo em tal condição. Tenha muito cuidado quando você usar a linguagem: é nosso meio deestrutura ou ainda criar (num certo sentido) a realidade.Verifique sempre, os sentimentos ou conceitos que estão ligados auma determinada palavraou signo linguístico. Cada palavra ou frase que você diz para si
 
mesmo (diálogo interno) ou para os outros é uma sugestão .Alguns Exemplos:Trabalho: uma atividade que se estende ao longo de um determinadoperíodo de tempo e que é algo desagradável. Se a mesma atividade éagradável na natureza (como cortar lenha para aquecer sua casa decampo) , em seguida, o termo "trabalho" é omitido e a atividade éespecificada pelo nome próprio. Assistir TV muito raramente échamado de "trabalho".Claro, todo mundo tem a sua própria interpretação para certo signoou palavra. Mas há um certo grau de semelhança de interpretação,se o haver correspondência, caso contrio, a linguagem oteria qualquer utilidade para comunicar nossas ideias.Sugestões tendem a se "acumular" quando apresentadas comfreqüência. Ad exemplum - ter o seguinte boletim meteorológico:"Amanhã o tempo vai estar muito ruim, vai chover o dia todo." Estaé a sugestão que, se você ver a chuva, então você deve se sentirmal. E depois de ouvir essa indução várias centenas de vezes damaioria das pessoas ao seu redor, você vai reagir e se sentir mal.Magia é um bom exemplo .Por isso, é extremamente importante, que você diga para si mesmo,que é realmente muito fácil fazer tal coisa, que seria um prazer,que não tem nenhuma importância se você tiver sucesso imediato ounão, e assim por diante.Então, todo o seu ser se prepara para fazer algo agradável e iráimediatamente atrás dele. Basicamente, as fiações de nosso cérebrosão muito simples: evitar a dor - ir ao prazer.Você pode pensar -- Eu posso dizer essas coisas para mim, mas eurealmente não posso acreditar nelas sinceramente, eu tentei isso eaquilo e nunca funcionou ...Eis um truque especial: não importa se você acredite ou não, digapara si mesmo e ela funciona, embora você não possa "senti-las" noinicio. Ele ainda pode funcionar melhor se você não acreditar! Soaestranho, não?Mas funciona.Estranhamente Franz Bardon desencoraja o leitor afirmando emvárias ocasiões que seria muito difícil dominar os exercícios. Eunão sei a sua motivação para fazer isso, mas eu acho que elequeria desencorajar as pessoas em busca de poder gico paraprejudicar ou influenciar outras pessoas, ou em busca de métodosceis para ganhar riquezas. Um segundo ponto pode ser o seudesejo de proteger o novato da decepção, caso os resultados nãovenham imediatamente. Ele sabia que o aluno dedicado nuncadesistiria, e que esse tipo de aluno, mais cedo ou mais tarde,
 
viria a ser bem sucedido. Mas por que tentar fazer do modo maisdifícil, se existe o caminho mais fácil? Como Bardonalegremente disse ao seu discípulo Dr. MK.'. É tudo muito simples!Talvez F.B dedicou "Iniciação ao Hermetismo" apenas às pessoastalentosas. Mister MK, por exemplo, se tornou proficiente nosprimeiros graus em apenas um mês.Mas eu vou lhe contar a boa notícia: todos nós podemos ter sucessocom os exercícios de F.B , não importa o quanto você é talentoso.O único pré-requisito é um cérebro normal. Você é capaz de falarfluentemente a sua língua nativa, ou você é capaz de ler? Estesgrau de inteligência é de longe o suficiente para ser capaz deganhar todos os benefícios de seus ensinamentos.Então, tenha sempre em mente: é muito fácil obter sucesso.
2 - o diálogo interior
O que é uma faculdade?É um conjunto de atividades altamente estruturadas, que oacionadas, caso você queira fazer isso.Como volevanta sua o? Ningm realmente sabe (claro quealguém que estuda medicina poderá responder essa pergunta), podemos fazer isso. Aprendemos a fazer em nossa inncia e afisiologia humana nos diz que, com este simples movimento estãoenvolvidas centenas de diferentes atividades ,primeiramente emnosso rebro, seguido por diferentes atividades musculares,coordenação... E assim por diante.É tudo feito pelo nosso inconsciente, só podemos dar instruções ejulgar os resultados.Nosso inconsciente sabe o que os significa as palavras "bom","lento", "pressa" e "sim" logo vai reagir de forma correspondentea este diálogo interior, adequando-se ao resultado desejado.E como a maioria de nossas atividades o repetitivas pornatureza, aprendemos a fazer as coisas automaticamente, com oesforço consciente nulo. Até podemos chegar a um ponto em que umafaculdade é tão enraizada no nosso inconsciente, que não podemospará-la mais por um esforço consciente. Tente olhar para um "A"não ouvir o som dele. É extremamente difícil. Você vê uma imagemexterna e ao mesmo tempo, você é forçado a ouvir seu som interior.Através de milhares de situações idênticas nosso cérebro aprendeua fazer o som interno de "a", toda vez que você vê esta figura.Se você pratica o controle do pensamento - um exercício do Grau Ide "Iniciação ao hermetismo" - então vomuda sua atençãoconsciente para o diálogo interior. Todos nós estamos compelidosneste diálogo interior, mas a maioria das pessoas faz isso tãoautomaticamente que raramente percebemos o processoconscientemente.

Activity (8)

You've already reviewed this. Edit your review.
1 thousand reads
Mahamudh Silva added this note
Muito bom!! Tenho acompanhado seu blog.. abraços!
Mahamudh Silva liked this
1 hundred reads
Michel Silva liked this
Marcos Paulo liked this
dreddblack liked this
dreddblack liked this
Gudye liked this

You're Reading a Free Preview

Download
scribd
/*********** DO NOT ALTER ANYTHING BELOW THIS LINE ! ************/ var s_code=s.t();if(s_code)document.write(s_code)//-->