Welcome to Scribd, the world's digital library. Read, publish, and share books and documents. See more
Download
Standard view
Full view
of .
Save to My Library
Look up keyword
Like this
122Activity
0 of .
Results for:
No results containing your search query
P. 1
Intelecção de Texto

Intelecção de Texto

Ratings:

4.33

(3)
|Views: 29,930 |Likes:
Published by api-3745248

More info:

Published by: api-3745248 on Oct 15, 2008
Copyright:Attribution Non-commercial

Availability:

Read on Scribd mobile: iPhone, iPad and Android.
download as DOC, PDF, TXT or read online from Scribd
See more
See less

03/18/2014

pdf

text

original

 
INTELECÇÃO DE TEXTOSAspectos Morfossintáticos, Semânticos e Discursivos da LínguaPortuguesa.
Prof. Daniel Souza
Ao Candidato a Concurso Público
Caro candidato,Transcrevi a seguir algumas questões de Língua Portuguesa de concursos recentemente realizados.A intenção não é assustá-lo. A linguagem por elas apresentada tem sido a abordagem adotada por diversascomissões executoras de concursos tanto para vagas de nível médio como para os cargos de nível superior.Há alguns anos, não são vistas questões de Português que tragam um enfoque puramente normativo donosso idioma (aquelas questões com as quais convivemos em toda a nossa vida escolar) ou um estudo dalíngua distante de situações textuais.Enunciados como os que veremos indicam que, para a resolução das questões de concursos, nãobasta o domínio das regras gramaticais para atestar o nosso conhecimento em Língua portuguesa. Sermoscapazes de aplicar o conhecimento gramatical a situações reais de comunicação (textos) é o que osenunciados indicam. Perceber as articulações de idéias, reconhecer os mecanismos lingüísticos de veiculaçãode pensamento, desenvolver nossa capacidade de síntese, resumo, paráfrase diante de textos são cobrançasnorteadoras dos exames.É para torná-lo íntimo da linguagem dos concursos que realizamos este curso. É por meio dele queesperamos assegurar sua caminhada exitosa na resolução de questões de Língua Portuguesa, para garantirsua aprovação.
Sucesso!
Daniel Souza
ARTICULAÇÃO DAS IDÉIAS E DAS ESTRUTURAS EM UM TEXTO
 
Há cerca de dez anos, apesar de com alguns equívocos, os estudos de linguagem têm dado destaque aosaspectos semânticos e discursivos de um texto. Essa tendência, acompanhada também pelas comissõesexecutoras de concursos públicos, resultou no distanciamento de abordagens que apenas verificavam odomínio de normas gramaticais por parte dos candidatos. Com isso, não é raro encontramos questões quetratem de Coerência e Coesão textuais ou de Análise Semântica de forma explícita ou implicitamente. Cabe,portanto, esclarecer essas palavras que estarão diante de nós a todo tempo.
 A ANÁLISE TEXTUAL
 
A Lingüística textual situa o estudo do texto no entendimento de sua textualidade, ou seja, no estudo doconjunto de características que fazem com que um texto seja um texto: unidade lingüística concreta numadada situação interativa de comunicação. Dessa percepção advém a necessidade do estudo de duascamadas fundamentais da malha textual: a coerência e a coesão, que são, respectivamente, os níveis desentido e de estrutura textuais.
 
COERÊNCIA TEXTUAL
 
O princípio da coerência, para vários teóricos, aplica-se à unidade de sentido no texto; é a ordenação eligação das idéias de forma lógica; o alicerce semântico. Compreender a coerência do texto significa estar deposse dos elos conceituais entre seus diversos segmentos, depreender as relações existentes entre idéias-chave e idéias secundárias, decifrar o que o texto nos diz.
COESÃO TEXTUAL
A coesão consiste na ligação das idéias em um texto, é a manifestação lingüística da articulação dopensamento; é o nível interno, a conexão, a articulação de palavras frases, orações, períodos, parágrafosque garante a estruturação de uma malha entrelaçada, de uma teia de significados, de um texto.
1
 
INTELECÇÃO DE TEXTOSAspectos Morfossintáticos, Semânticos e Discursivos da LínguaPortuguesa.
Prof. Daniel Souza
Você já deve ter percebido que um enfoque dessa natureza só será possível quando o estudo doPortuguês tomar como referência maior o texto verbal e todas as suas implicações. Por isso,iniciamos nossos estudos pela compreensão do texto como uma unidade lingüística concretanuma dada situação interativa de comunicação.
 ANOTAÇÕES:
 ______________________________________________________________________________________ ______________________________________________________________________________________ ______________________________________________________________________________________ ______________________________________________________________________________________ ______________________________________________________________________________________ ______________________________________________________________________________________
Elementos da comunicação:
Os elementos básicos que compõem uma situação de comunicação são :A própria situação ou realidade de comunicação em que ela se realiza: o lugar, a época, o tipo de cultura aque pertencem as pessoas que se comunicam, o seu grau de escolaridade, sua faixa etária e tudo aquilo quepode modificar o sentido da mensagem que está sendo transmitida. São as CIRCUNSTÂNCIAS todas em queuma comunicação se efetiva (enunciação);Os interlocutores que dela participam :
EMISSOR :
é quem transmite uma mensagem durante a comunicação ( é a pessoa que fala no discurso – a1
ª
pessoa – equivalente a EU ou NÓS);
RECEPTOR:
é para quem se transmite uma mensagem durante a comunicação (é a pessoa para quem sefala no discurso – a 2
ª
pessoa – equivalente a TU e VÓS);Obs: durante a comunicação, normalmente esses papéis se invertem.
MENSAGEM
: é cada conteúdo que os interlocutores compartilham. A mensagem normalmente tem umtema central, um assunto predominante. Ela pode ser sobre alguém, algo (real ou não, concreto ouabstrato), algum lugar, etc. Em comunicação, o objeto ou tema central da mensagem chama-se REFERENTE. Assim, o referente é sobre que ou sobre quem se fala na mensagem : corresponde a 3
a
pessoa do discurso– ele, ela, eles, elas.
CÓDIGO
: é a linguagem ou conjunto de signos usados na elaboração e/ou na transmissão da mensagemna comunicação.
CANAL
: é cada um dos meios de comunicação utilizados na transmissão de mensagens na comunicação.São os meios de comunicação. Ex.: revista, jornal, rádio, televisão, telefone, fax, telégrafo, computador(Internet), rádio, carta, etc.
Funções da Linguagem:
Quando, num discurso, entram em ação os elementos da comunicação, o uso da linguagem se efetivacomo instrumento de interação entre indivíduos . A linguagem passa a ter diferentes funções nesse discurso,dependendo da temática (do assunto, do referente) da mensagem veiculada. Assim temos:
REFERENCIAL:
2
 
INTELECÇÃO DE TEXTOSAspectos Morfossintáticos, Semânticos e Discursivos da LínguaPortuguesa.
Prof. Daniel Souza
 _____________________________________________________________________________  _____________________________________________________________________________  _____________________________________________________________________________ EMOTIVA: _____________________________________________________________________________  _____________________________________________________________________________  _____________________________________________________________________________ POÉTICA: _____________________________________________________________________________  _____________________________________________________________________________  _____________________________________________________________________________ METALINGÜÍSTICA: _____________________________________________________________________________  _____________________________________________________________________________  _____________________________________________________________________________ APELATIVA: _____________________________________________________________________________  _____________________________________________________________________________  _____________________________________________________________________________ FÁTICA:
 ______________________________________________________________________________________ ______________________________________________________________________________________ ___________________________________
 ___________________________________________________
NA LEITURA E ANÁLISE DE TEXTOS EM CONCURSOS, CONSIDERE:
As maneiras de se abordar um texto verbal são múltiplas, todas obedecendo a certos tiposde procedimentos resultantes das referências científicas de quem o analisa. Assim, de acordo como método aplicado, podemos ter análise do conteúdo, análise estilística, análise do discurso etc.Interessa-nos aqui, não um esboço teórico de formas de análise, mas a aplicação de um métodoeficiente de leitura que nos conduza a um domínio das informações veiculadas pelos textos e dosrecursos lingüísticos adotados pelos diferentes autores nas suas produções.Vale lembrar que nosso empenho analítico terá como objetivo maior a aplicação deprocedimentos de leitura que resultem em uma resolução eficiente de questões de concursos. Porisso, em muitos casos abraçamo-nos não a concepções teóricas, mas à diversidade dos enfoquestextuais convencionados pelas comissões executoras de provas. E, como a aplicação dessemétodo tem se revertido em aprovações nos últimos tempos, esperamos dar nossa contribuiçãopara que você seja o próximo a ocupar um lugar nas listas de classificados.
Quanto à Tipologia Textual:Descrição
 _____________________________________________________________________________ _____________________________________________________________________________
3

Activity (122)

You've already reviewed this. Edit your review.
1 hundred reads
1 thousand reads
vixyyz liked this
thaisarydell liked this
Elaine Monteiro liked this
Maikon Queiroz liked this
Eder Rebello liked this

You're Reading a Free Preview

Download
/*********** DO NOT ALTER ANYTHING BELOW THIS LINE ! ************/ var s_code=s.t();if(s_code)document.write(s_code)//-->