Welcome to Scribd, the world's digital library. Read, publish, and share books and documents. See more
Download
Standard view
Full view
of .
Save to My Library
Look up keyword
Like this
96Activity
0 of .
Results for:
No results containing your search query
P. 1
economia de mercado

economia de mercado

Ratings:

4.7

(10)
|Views: 20,540 |Likes:
Published by api-3728498

More info:

Published by: api-3728498 on Oct 16, 2008
Copyright:Attribution Non-commercial

Availability:

Read on Scribd mobile: iPhone, iPad and Android.
download as DOC, PDF, TXT or read online from Scribd
See more
See less

03/18/2014

pdf

text

original

 
Introdução
O curso de Economia e Mercado tem por objetivoscompreender os fundamentos do Sistema Econômico,debater a extensão dos problemas brasileiros einternacionais de natureza econômica, estudar as bases daeconomia brasileira atual e da economia internacional,enfocando o aspecto da globalização dos recursos naturaise financeiros para o desenvolvimento sustentável da macroe microeconomia do país.A palavra portuguesa “economia”, deriva do grego antigo“oikonomia”, que significava “governo e administração dacasa e da família” – “oikos”, casa “nomos”, lei. Aristóteles(384-322 a C).A face atual das Ciências Econômicas começou a ser moldada por Adam Smith (1723-1790), quando esteeconomista escos elaborou, pela primeira vez “ummodelo abstrato completo e relativamente coerente danatureza, da estrutura e do funcionamento”, de um sistemaeconômico. Outros economistas também se destacaram,depois e mesmo antes de Adam Smith: Françoies Quesnay(sistema econômico), Jean Baptista Say (a mão invisível),Thomas Robert Malthus (controle da natalidade), DavidRicardo (valor da terra), Karl Marx (mais valia), JohnMaynard Keynes (macroeconomia), Schumpete(inovações) etc.
Cap. 1Conceito de Economia
Devido à complexidade dos problemas que envolvem ocomportamento do homem, existem conceitos diferentespara a economia. A cada época, devido às concepçõespolíticas-ideológicas de cada sociedade, pode-se observar aeconomia sob um ângulo diferenciado.Na medida em que novas preocupações de ordemeconômica ao surgindo na vida do homem, o seu conceitovai evoluindo.No presente trabalho, adotaremos o seguinte conceitode economia:
“A economia é a ciência que estuda as formasde comportamento humano resultantes darelação existente entre as ilimitadasnecessidades a satisfazer e os recursos que,embora escassos, se prestam a usosalternativos”. (ROSSETTI, 1977. p. 52)
A partir deste conceito, pode-se verificar que apreocupação básica da economia se refere aos escassosrecursos para atender as necessidades ilimitadas.Tal conceito demonstra que a economia considera ofato de que se pode ter necessidades ilimitadas para
1
 
satisfazer e que os recursos para tal fim são escassos.Nesse caso, tem-se que escolher a melhor alocação dosrecursos capazes de produzir o necessário para satisfazer as necessidades.Essas escolhas são feitas pelos agentes econômicos.São agentes econômicos:
Unidades familiares,
Empresas e
GovernoA economia procura examinar as opções viáveis que seapresentam aos agentes econômicos para empregar oslimitados recursos sob comando, tomando deciesracionais diante de várias alternativas.
1.1 Fatores de Produção
Fatores de produção são os recursos que as pessoase, conseqüentemente, a sociedade (que pode ser um país,um Estado, etc) dispõe para a produção de qualquer bemou serviço. Eles se dividem em quatro categorias:
a)
Trabalho
: físico ou intelectual;
 b)
Recursos da Natureza
: terra, água, vento, sol,minerais, animais e vegetais de florestas naturais;
c)
Tecnologia
: entendida como a maneira de se fazer as coisas e não os objetos empregados para faze-las, por exemplo, os programas de computadores enão os computadores, como máquinas;
d)
Capital:
tanto pode ser o dinheiro em si, chamado decapital financeiro, como os meio de prodão(prédios, máquinas, computadores etc.), conhecidoscomo capital produtivo.
1.2 O problema fundamental daeconomia
Segundo Rossetti (1977), o problema fundamental daeconomia está relacionado ao conflito entre os recursoslimitados e as necessidades ilimitáveis. Em outras palavras,o problema fundamental da economia se refere à escassezdos recursos de produção.Quando não se tem abundância relativa dos recursosde produção, as necessidades não são completamentesatisfeitas. Se todos os bens fossem livres, a disponibilidadeilimitada de recursos seria de tal ordem que a obtenção dequaisquer bens não seria problema. Daí, não necessitariada ciência econômica, pois o haveria problemas aresolver. Não haveria conflitos de interesses.
2
 
Mas, são raros os bens que ainda são livres e quenão temos que pagar para adquiri-los. (água da chuva, por exemplo).Até o mesmo o ar que respiramos que ainda é livre,vai, pouco a pouco, se transformando em bem econômico.Daí surge à necessidade da economia, para que se possausufruir, da melhor maneira possível, desses recursos.Como nenhum sistema econômico foi capaz desatisfazer, plenamente, a todas as necessidades dosindivíduos (em termos de bens e serviços), temos então aimportância da economia para ajudar a alocar recursosescassos para atender as necessidades ilimitadas.Em todos os países, as unidades familiares exigemmais e melhor produtos. As empresas para produzi-losexigem equipamentos de mais alta sofisticação, mais ágeise mais produtivos. Os governos, para garantir a satisfaçãodas necessidades dos outros agentes, têm de fornecer maisinfra-estrutura econômica e social, melhores bens e serviçospúblicos. Todos necessitam da economia para auxiliá-los.
1.3 Quatro perguntas fundamentais
Existem queses que acontecem em todas aseconomias, independente do grau de desenvolvimento quepossuem.A primeira questão diz respeito ao que produzir. Oque produzir com os recursos que o escassos paraatender as necessidades ilimitadas da sociedade. Váriaspodem ser as alternativas de produção, dentre elas o queproduzir para usufruir e gastar da melhor maneira possívelos recursos que são limitados.Quanto produzir se refere à segunda queso.Quanto produzir de determinado produto ou produtos paraatender as necessidades da sociedade, para a sustentaçãodo seu bem-estar corrente e para a progressiva melhoria doseu padrão de vida.A terceira questão é como produzir. Como produzir para otimizar os recursos de produção (terra, capital,trabalho, capacidade tecnológica e capacidade empresarial)face à sua escassez.A última pergunta fundamental diz respeito à paraquem produzir. Para quem vai ser direcionado oproduto/serviço. Tal questionamento é importante para quese produza o necessário para atender as necessidades dasociedade.As respostas a essas perguntas são extremamenterelevantes para resolver os problemas econômicos queafetam s sociedades como um todo.rias o as possibilidades de se produzir bens/serviços, com a disponibilidade limitada de recursos,
3

Activity (96)

You've already reviewed this. Edit your review.
1 hundred reads
1 thousand reads
Thiago Leroz liked this
genilsonabrantes liked this
Debora Londero liked this
Francisca Meireles added this note
O QUE É A INFLUENCIA NO MERCADO ECONOMICO
Paulo Pinto liked this
Rafael Oliveira liked this
Danilo Maciel liked this
Igor Cotta liked this

You're Reading a Free Preview

Download
/*********** DO NOT ALTER ANYTHING BELOW THIS LINE ! ************/ var s_code=s.t();if(s_code)document.write(s_code)//-->