Welcome to Scribd, the world's digital library. Read, publish, and share books and documents. See more
Download
Standard view
Full view
of .
Save to My Library
Look up keyword
Like this
5Activity
0 of .
Results for:
No results containing your search query
P. 1
Consignação

Consignação

Ratings:

5.0

(1)
|Views: 2,207 |Likes:
Published by api-3696352

More info:

Published by: api-3696352 on Oct 19, 2008
Copyright:Attribution Non-commercial

Availability:

Read on Scribd mobile: iPhone, iPad and Android.
download as DOC, PDF, TXT or read online from Scribd
See more
See less

03/18/2014

pdf

text

original

 
Consignação -No nosso caso: Ato de responsabilidade, em que a revendedora irá receber ummostruário em sua casa e se responsabilizará pela guarda, venda e recebimento das peçasvendidas. No final de 30 dias devolverá o que não vendeu, pagando somente as vendas.CONTRATO DE CONSIGNAÇÃO ENTRE PESSOAS JURÍDICAS
...................................(EMPRESA) neste ato denominada CONSIGNANTE, com sedeem ................................................(ENDERO COMPLETO), inscrita no C.N.P.J. sob onº .................................., e no Cadastro Estadual sob o nº ................................, neste ato representadopelo seu diretor .....................................(NOME E DADOS DO REPRESENTANTE) Carteira de Identidadenº ......................., C.P.F. nº ................................., residente edomiciliado.....................................................(ENDEREÇODO REPRESENTANTE).
 
De outro lado denominada CONSIGNATÁRIA, a empresa........................., com sede em ......................,(CIDADE) na ..........................................(ENDEREÇO), inscrita no C.N.P.J. sob o........................................, e no Cadastro Estadual sob o ..............................., devidamenterepresentada neste ato por ..................................................(NOME E DADOS DO REQUERINTE) , Carteira deIdentidade nº M-3.756.987, C.P.F. nº 012.345.567-89, residente e domiciliada na S.Q.N. 204, bloco C, apto.302, Brasília/DF.
 
Tem entre as mesmas, de maneira justa e acordada, o presente CONTRATO DE VENDA EM CONSIGNAÇÃO deBIJUTERIAS, ficando desde já aceito, pelas cláusulas abaixo descritas.
 
DO OBJETO DO CONTRATO
Cláusula PrimeiraO presente tem como OBJETO os produtos, quais sejam bijuterias, colocados à venda e originários da produçãoda empresa CONSIGNANTE. Caberão à CONSIGNATÁRIA aquelas peças relacionadas no documento anexo, quedesde já faz parte integrante do presente acordo.
 
DO PRAZO DO CONTRATO E DA VENDA
Cláusula SegundaO presente instrumento terá prazo indeterminado, contudo as partes podem rescindi-lo de maneira unilateral,desde que a parte que desejar fazê-lo notifique de forma inequívoca a outra, no prazo de (.....) dias.
 
DA RESCISÃO
Cláusula TerceiraOcorrendo a rescisão, as partes acordam em desfazer, repor e devolver os produtos ou o numerário devidosumas às outras. Se porventura, a CONSIGNANTE der causa ao término do contrato fica obrigada aCONSIGNATÁRIA a deixar de vender os produtos consignados a partir da notificação. As mercadoriascontinuarão sob a responsabilidade desta última até a ocasião da devolução.
 
DOS PRODUTOS
Cláusula QuartaApós o recebimento dos produtos e a entrada no estabelecimento comercial da CONSIGNATÁRIA, os mesmoscorrerão por conta e risco desta última. Desta forma, qualquer vício que possa surgir ficará sob sua inteiraresponsabilidade, até serem comercializados.
 
Cláusula QuintaA CONSIGNATÁRIA se compromete a manter o local o qual ficarão as mercadorias em perfeito estado,evitando-se desta forma a deterioração dos produtos.
 
Cláusula SextaA CONSIGNARIA se compromete a vender os produtos descritos no documento anexo no prazocompreendido entre o dia (.....) do mês ................ do ano de ......... até o dia (.....) do mês de junho do anode .........., por valor nunca inferior ao da lista de preços fixados pela CONSIGNANTE, sendo que, caberá àprimeira vender os produtos com uma margem de lucro não superior a (......%) por cento.
 
Cláusula SétimaA CONSIGNANTE terá livre acesso às mercadorias as quais são objetos deste contrato, sejam aquelas queestejam em estoque, sejam as que estão expostas às vendas, ressalvando o dever da mesma em comunicarpreviamente a visita. Nesta vistoria, facultará ao representante da mesma, executar verificação nos livros e/ou
 
controle de saída das mercadorias consignadas, de maneira a conferir os créditos obtidos pelaCONSIGNATÁRIA.
 
Cláusula OitavaA CONSIGNATÁRIA se compromete a entregar no último dia útil de cada mês, a relação dos bens consignadosneste contrato e vendidos aos seus clientes, sem prejuízo da conferência por parte da CONSIGNANTE. Areposição das mercadorias deverá estar de acordo com a quantidade das mercadorias consignadas e contidasno documento anexo, desta forma, esta última irá repor as mercadorias de acordo com as vendas realizadaspela CONSIGNATÁRIA.
DA REPOSIÇÃO DE MERCADORIAS
Cláusula NonaA reposição dos produtos deverá ocorrer até o quinto dia útil de cada mês subseqüente à entrega da relaçãodos bens vendidos. A título de valor de consignação bem como de reposição, fica acordado que vigerá a listados valores dos produtos do s corrente ao da reposição, a ser fixada pela CONSIGNANTE. ACONSIGNATÁRIA terá a lista de preços com base no mercado para venda dos produtos à sua clientela.
 
Parágrafo primeiro
 
Ocorrendo falta da mercadoria no estoque da CONSIGNATÁRIA compromete-se a CONSIGNANTE a realizar areposição dos produtos, nos preços e condições previstas no presente.
 
DO REPASSE DOS VALORES
Cláusula DécimaO pagamento dos produtos consignados e vendidos será feito através de duplicata, cuja cópia autenticada faráparte deste instrumento, a qual será preenchida imediatamente após a entrega dos bens destinados àreposição, contendo aval de duas pessoas, sendo que, ficará a cargo das partes a estipulação da data pararealização do pagamento.
 
Parágrafo primeiro
 
As duplicatas serão formalizadas em nome das empresas e assinadas por seus representantes ou porprocurador constituído para tal fim.
 
Parágrafo segundo
 
A inadimplência no pagamento das duplicatas gera imediatamente a faculdade ao CONSIGNANTE de cobrá-laspor todos os meios jurídicos admitidos, bem como de rescindir o presente contrato.Cláusula Décima PrimeiraO descumprimento de quaisquer cláusulas deste contrato ou ocorrendo inadimplemento no pagamento dosnumerários devidos, total ou parcialmente, não configurará modificação deste contrato ou mesmo adição àssuas cláusulas.
DISPOSIÇÕES FINAIS
Cláusula Décima Segunda
 
A CONSIGNANTE e a CONSIGNATÁRIA acordam que, quando a primeira praticar promoções relacionadas aosprodutos consignados, a segunda irá tirá-los do seu stand de vendas até que se finde o prazo da promoção.
 
Cláusula Décima Terceira
 
O inadimplemento concernente ao contrato seja pela entrega dos produtos, seja pelo não pagamento, gerará afaculdade para ambas as partes, de cobrar perdas e danos àquela que der causa ao referido inadimplemento.
 
Cláusula Décima Quarta
 
O presente contrato é válido entre as partes e seus sucessores, que ficam responsáveis pelo fiel cumprimentodo mesmo total ou parcialmente.
DO FORO
Cláusula Décima QuintaAs partes elegem o foro da Comarca de........................, para dirimirem quaisquer dúvidas provenientes daexecução e cumprimento deste.
 
 
E, por estarem justas e convencionadas, as partes assinam o presente CONTRATO DE VENDA EMCONSIGNAÇÃO, juntamente com 2(duas) testemunhas.
 
..................., ...... de ..................... de ............
CONSIGNATÁRIA:
..........................................
 
CONSIGNANTE:
..............................................
 
TESTEMUNHAS:
.............................................
 
TESTEMUNHAS:
.............................................
 
Contrato de Consignação entre Pessoas Físicas
Contrato Estimatório que entre si celebram JOÃO CRUZ DA SILVA, brasileiro,solteiro, fazendeiro, Carteira de Identidade nº M-3. 756.987, C.P.F. nº012.345.567-89, residente e domiciliado na S.Q.S. 109, bloco D, apto. 102,Brasília/DF, doravante denominado CONSIGNANTE e JOSÉ AUGUSTOGOMES ARAÚJO, brasileiro, solteiro, lavrador, Carteira de Identidade nº M-4.258.089, C.P.F. nº 002.089,546-87, residente e domiciliado na S.Q.N. 105,bloco E, apto.102, Brasília/DF, doravante denominado CONSIGNATÁRIO. O cabeçalho é usado para se fazer a completa qualificação das partesenvolvidas no contrato: o(s)consignante(s) e o(s) consignatário(s).O CONSIGNANTE, que é aquele que empresta o bem, deve ser o primeiro aser qualificado e o CONSIGNATÁRIO, que é quem o toma emprestado, oconsome e depois o restitui, deve ser qualificado em seguida.Devem ser preenchidos todos os campos citados abaixo, obedecendo-se amesma seqüência: CONSIGNANTE:01 - nome civil por extenso do CONSIGNANTE02 - nacionalidade03 - estado civil04 - profissão05 - documento de identidade, número e órgão expedidor.06 - CPF07 - endereço residencial (nº, complemento, bairro, CEP, Cidade e Estado)CONSIGNATÁRIO:01 - nome civil por extenso do CONSIGNATÁRIO02 - nacionalidade03 - estado civil04 - profissão05 - documento de identidade, número e órgão expedidor.

Activity (5)

You've already reviewed this. Edit your review.
1 hundred reads
1 thousand reads
Sara Pinto liked this
Marcos Vinicios liked this
Antonio Marinho liked this

You're Reading a Free Preview

Download
/*********** DO NOT ALTER ANYTHING BELOW THIS LINE ! ************/ var s_code=s.t();if(s_code)document.write(s_code)//-->