Welcome to Scribd, the world's digital library. Read, publish, and share books and documents. See more
Download
Standard view
Full view
of .
Look up keyword or section
Like this
3Activity
0 of .
Results for:
No results containing your search query
P. 1
ANEXOS - Setor de Conciliação e Mediação de Campinas - um caminho para a pacificação social

ANEXOS - Setor de Conciliação e Mediação de Campinas - um caminho para a pacificação social

Ratings: (0)|Views: 221 |Likes:
Published by Ivana Lima Regis
Anexos do trabalho "Setor de Conciliação e Mediação de Campinas: um caminho para a pacificação social".
Anexos do trabalho "Setor de Conciliação e Mediação de Campinas: um caminho para a pacificação social".

More info:

Categories:Types, Research, Law
Published by: Ivana Lima Regis on Nov 22, 2011
Copyright:Attribution Non-commercial

Availability:

Read on Scribd mobile: iPhone, iPad and Android.
download as PDF, TXT or read online from Scribd
See more
See less

09/09/2012

pdf

text

original

 
 
ANEXOS
 
 
ANEXO 1
 
 
Provimento CSM nº 953/2005: Autoriza e disciplina a criação, instalação efuncionamento do Setor de Conciliação ou de Mediação nas Comarcas e Foros doEstado.
Fonte:
TJSP - DOE Caderno 1, parte 1, de 10-08-2005, p. 04.
15/08/2005
 
O CONSELHO SUPERIOR DA MAGISTRATURA
, no exercício de suas atribuições legais;
CONSIDERANDO
os bons resultados dos setores de conciliação já instalados, inicialmente em caráterexperimental, em Primeiro e Segundo Graus de Jurisdição do Tribunal de Justiça, autorizados pelo EgrégioConselho Superior da Magistratura;
CONSIDERANDO
o crescente número de setores de conciliação e mediação instalados em todo oEstado;
CONSIDERANDO
a necessidade de uniformizar os procedimentos para instalação e as condições defuncionamento dos referidos setores nos diversos Fóruns e Comarcas do Estado, a fim de fomentar acultura da conciliação, conforme autorizado pelo artigo 125, IV, do Código de Processo Civil;
CONSIDERANDO
as diretrizes do "Projeto de Gerenciamento de Casos", desenvolvido pelo CentroBrasileiro de Estudos e Pesquisas Judiciais – CEBEPJ, com a participação de magistrados, promotores eadvogados;
CONSIDERANDO
a conveniência de estabelecer normas que permitam maior flexibilidade aos setores de
 
conciliação, tendo em vista a diversidade de condições entre as Comarcas e Foros regionais, dando novaredação ao provimento nº 893/04;
RESOLVE: Artigo 1º -
Fica autorizada a criação e instalação, nas Comarcas e Foros da Capital e do Interior doEstado, do Setor de Conciliação, para as questões cíveis que versarem sobre direitos patrimoniaisdisponíveis, questões de família e da infância e juventude, observadas as regras deste Provimento.§ 1º – A efetiva instalação e início de funcionamento do Setor de Conciliação deverão ser comunicados aoConselho Superior da Magistratura.§ 2º - Instalado o setor, todos os magistrados das respectivas áreas envolvidas nele terão participação.
 Artigo 2º -
A Presidência do Tribunal indicará, dentre os magistrados integrantes dos setores, em suasrespectivas Comarcas ou Fóruns, um juiz coordenador e outro adjunto, responsáveis pela administração ebom funcionamento do setor.§ 1º - Em cada sede de Circunscrição, no Interior, e no Fórum João Mendes Júnior, na Capital, seráconstituída, ainda, comissão integrada por cinco juízes, indicados pelos magistrados das áreas envolvidaspelos setores, para acompanhamento das atividades do setor de conciliação.
 Artigo 3º -
Poderão atuar como conciliadores, voluntários e não remunerados, magistrados, membros do
 
Ministério Público e procuradores do Estado, todos aposentados, advogados, estagiários, psicólogos,assistentes sociais, outros profissionais selecionados, todos com experiência, reputação ilibada e vocação
 
para a conciliação, previamente aferida pela Comissão de Juízes ou Juiz coordenador, quando nãoconstituída a Comissão.§ 1º - Os conciliadores não terão vínculo empregatício e sua atuação não acarretará despesas para oTribunal de Justiça;

You're Reading a Free Preview

Download
/*********** DO NOT ALTER ANYTHING BELOW THIS LINE ! ************/ var s_code=s.t();if(s_code)document.write(s_code)//-->