Welcome to Scribd, the world's digital library. Read, publish, and share books and documents. See more
Download
Standard view
Full view
of .
Save to My Library
Look up keyword or section
Like this
7Activity

Table Of Contents

1.1.1. Estudar Sociologia
1.2.1. Consciência de diferenças culturais
1.2.2. Avaliação dos efeitos políticos
1.2.3. Auto-consciencialização
1.3.1. Os primeiros teóricos
1.3.2. Auguste Comte
1.3.3. Émile Durkheim
1.3.4.1. Capitalismo e luta de classes
1.3.4.2. Mudança social: a concepção materialista da história
1.3.5.1. Racionalização
1.4.1. Funcionalismo
1.4.2. Perspectiva do conflito
1.4.3.1. Interaccionismo simbólico
1.5. Conclusão
2.0.1. Max Weber: a Ética Protestante
2.1.1.1. Avaliação
2.1.2.1. Avaliação
2.1.3.1. Avaliação
2.1.4.1. A perspectiva marxista
2.1.4.2. A perspectiva de Weber
2.1.4.3. Avaliação
2.2.1. A teoria pós-moderna
2.2.2. Michel Foucault
2.2.3. Outros pontos de vista
2.2.4. Jürgen Habermas: a democracia e a esfera pública
2.2.5. Ulrich Beck: a sociedade do risco
2.2.6. Manuel Castells: a economia em rede
2.2.7. Anthony Giddens: a reflexividade social
2.3. Conclusão
3.0.1. Questões sociológicas
3.1. A sociologia será uma ciência?
3.2.1. O problema de investigação
3.2.2. Revisão dos conhecimentos
3.2.3. Definição do problema da investigação
3.2.4. Elaboração de um plano
3.2.5. Realização da investigação
3.2.6. Interpretação dos resultados
3.2.7. Elaboração do relatório final
3.2.8. A realidade intromete-se!
3.3.1. Causalidade e correlação
3.3.2. O mecanismo causal
3.3.3. Variáveis de Controlo
3.3.4. Identificação das causas
3.4.1.1. Vantagens e limites da etnografia
3.4.2.1. Questionários
3.4.2.2. Amostragem
3.4.2.3. Vantagens e desvantagens dos inquéritos
3.4.3. Experiências
3.4.4. Histórias de vida
3.4.5. Análise histórica
3.4.6.1. Estudar a mudança social: o caso da globalização
3.6. Conclusão: A influência da sociologia
4.1.1.1. Normas e valores culturais em mudança
4.1.2. Diversidade cultural
4.1.3. Etnocentrismo
4.2.1. Papéis sociais
4.2.2. Identidade
4.3.1.1. Caçadores recolectores
4.3.1.2. Sociedades pastoris e agrárias
4.3.1.3. Civilizações não-industriais ou estados tradicionais
4.3.2. O mundo moderno: as sociedades industriais
4.3.3.1. O Primeiro, Segundo e Terceiro Mundo
4.3.3.2. O Mundo em vias de desenvolvimento
4.3.3.3. Os países recém-industrializados
4.4.1.1. O meio ambiente
4.4.1.2. Organização política
4.4.1.3. Factores culturais
4.4.2.1. Influências económicas
4.4.2.2. Influências políticas
4.4.2.3. Influências culturais
4.5. Conclusão
5.1.1. Factores que contribuem para a globalização
5.1.2.1. Mudanças políticas
5.1.2.2. Fluxos de informação
5.1.2.3. As empresas transnacionais
5.2.1. Os «cépticos»
5.2.2. Os «hiperglobalizadores»
5.2.3. Os «transformacionalistas»
5.3.1. A emergência do individualismo
5.3.2. Padrões de trabalho
5.3.3. Cultura popular
5.4.1.1. Riscos ambientais
5.4.1.2. Riscos de saúde
5.4.2. A «sociedade de risco» global
5.5.1. Desigualdade e divisões globais
5.5.2. A campanha a favor de uma «justiça global»
5.6. Conclusão: a necessidade de uma governação global
6.1.1. Microssociologia e Macrossociologia
6.2.1. A face, os gestos e as emoções
6.3.4. Modos de falar
6.3.5. Gritos de resposta
6.3.6. Lapsos de língua
6.4.1. Encontros
6.4.2. Marcadores
6.4.3. Gestão das impressões
6.4.4. Regiões da frente e da retaguarda
6.4.5. Espaço pessoal
6.5.1. Tempo do relógio
6.5.2. A vida social e o ordenamento do espaço e do tempo
6.6. Conclusão: a compulsão da proximidade
7.1.1.1. A natureza das classes
7.1.2. A teoria de Max Weber
7.1.3. A teoria de classes de Erik Olin Wright
7.2.1. John Goldthorpe: classe e ocupação
7.2.2. Avaliação dos esquemas de classes
7.3.1. A questão da classe alta
7.3.2. A classe média
7.3.3. A mudança de natureza da classe trabalhadora
7.3.4. Classe e estilo de vida
7.3.5. A subclasse
7.4.1.1. Para além do agregado familiar?
7.4.2. O impacto do emprego das mulheres nas divisões de classe
7.5.1. Estudos comparativos sobre a mobilidade
7.5.2. Mobilidade descendente
7.5.3. Mobilidade social na Grã-Bretanha
7.5.4. Género e mobilidade social
7.6. Conclusão
8.1.1. O que é a pobreza?
8.1.2.1. Medidas oficiais de pobreza
8.1.2.2. Medidas subjectivas de pobreza
8.1.3. Padrões recentes de pobreza no Reino Unido
8.1.4. Quem são os pobres?
8.1.5.1. Avaliação
8.1.6. Pobreza e mobilidade social
8.2.1. Antecedentes do debate em torno da subclasse
8.2.2. A subclasse, a União Europeia e a imigração
8.2.3.1. Avaliação
8.3.1.1. Alojamento e bairros
8.3.1.2. Jovens
8.3.1.3. Áreas rurais
8.3.2. Os sem-abrigo
8.3.3. Crime e exclusão social
8.4.1.1. Marshall: direitos de cidadania
8.4.1.2. Esping-Andersen: os três mundos da segurança social
8.4.2. A emergência do estado-providência britânico
8.4.3.1. O “retrocesso” conservador
8.4.3.2. Avaliando o “retrocesso” conservador
8.4.3.3. Prioridades recentes na reforma da segurança social
8.5. Conclusão: repensar a igualdade e a desigualdade
9.1. Características do Urbanismo Moderno
9.2.1.1. A Ecologia Urbana
9.2.1.2. O urbanismo como um modo de vida
9.2.2.1. Harvey: A reestruturação do espaço
9.2.2.2. Castells: urbanismo e movimentos sociais
9.2.2.3. Avaliação
9.3.1. A suburbanização
9.3.2. A decadência dos centros das cidades
9.3.3. Conflito urbano
9.3.4.1. Em direcção ao Renascimento Urbano: o relatório da Urban Task Force
9.3.4.2. Gentrificação e ‘reciclagem urbana’
9.4.1.1. Implicações económicas
9.4.1.2. Os desafios do ambiente
9.4.1.3. Efeitos sociais
9.4.2. O futuro da urbanização no mundo em desenvolvimento
9.5.1. As cidades globais
9.5.2. A cidade e a periferia
9.5.3. A desigualdade e a cidade global
9.6.1. Gerir o global
9.6.2.1. O papel dos presidentes da câmara
9.7. Conclusão: as cidades e a governação global
10.1. O que é o trabalho?
10.2.1. A economia do conhecimento
10.3.1. O Taylorismo e o Fordismo
10.3.2. As limitações do Fordismo e do Taylorismo
10.4.3.1. Trabalho de equipa
10.4.4.1. A formação no emprego
10.4.5. Críticas ao Pós-Fordismo
10.5.1. As mulheres e o local de trabalho: uma visão histórica
10.5.2. O crescimento da participação das mulheres na actividade económica
10.5.3.1. A segregação ocupacional
10.5.3.2. A concentração no emprego a tempo parcial
10.5.4. A desigualdade salarial
10.5.5.1. Oportunidades crescentes para as mulheres no topo
10.5.5.2. Mas as mulheres que se encontram na base permanecem desfavorecidas
10.5.6.1. O trabalho doméstico
10.5.6.2. Mudanças na divisão doméstica do trabalho
10.6.1.1. O prolongamento da semana de trabalho
10.6.1.2. O emprego dos pais e o desenvolvimento da criança
10.6.1.3. A pressão sobre as mães trabalhadoras
10.6.2.1. Trabalho flexível
10.6.2.2. A partilha do trabalho
10.6.2.3. O trabalho em casa
10.6.2.4. A licença parental
10.6.2.5. Avaliação
10.7.1. Análise do desemprego
10.7.2. O desemprego na Grã-Bretanha
10.7.3. A experiência do desemprego
10.8.1. O aumento da precarização do trabalho
10.8.2.1. A ‘corrosão do carácter’
10.8.3. O fim do «emprego para toda a vida»?
10.9. Declínio da importância do trabalho?
11.1.1. Análise da população: a demografia
11.1.2. Dinâmicas de mudança na população
11.1.3. O crescimento da população nos países em vias de desenvolvimento
11.1.4. A transição demográfica
11.1.5. Projecções do crescimento da população para o futuro
11.2.1. Preocupação com o ambiente: existem limites para o crescimento?
11.2.2. O desenvolvimento sustentável
11.2.3. Consumo, pobreza e ambiente
11.3.1.1. Poluição do ar
11.3.1.2. Poluição da água
11.3.1.3. Resíduos sólidos
11.3.2.1. A água
11.3.2.2. Degradação do solo e desertificação
11.3.2.3. Desflorestação
11.4.1.1. O que é o aquecimento global?
11.4.1.2. As consequências potenciais do aquecimento global
11.4.1.3. Respostas ao risco do aquecimento global
11.4.2.1. A controvérsia sobre os alimentos geneticamente modificados
11.4.2.2. Avaliação dos riscos dos alimentos GM
11.5. Olhando para o futuro
11.6. O ambiente: um tema sociológico?
0 of .
Results for:
No results containing your search query
P. 1
41064-jorgeloureiro

41064-jorgeloureiro

Ratings: (0)|Views: 1,141 |Likes:

More info:

Published by: Carlos Carphegiany Lima Cardoso on Nov 24, 2011
Copyright:Attribution Non-commercial

Availability:

Read on Scribd mobile: iPhone, iPad and Android.
download as PDF, TXT or read online from Scribd
See more
See less

01/27/2013

pdf

text

original

You're Reading a Free Preview
Pages 4 to 38 are not shown in this preview.
You're Reading a Free Preview
Pages 42 to 78 are not shown in this preview.
You're Reading a Free Preview
Pages 82 to 152 are not shown in this preview.
You're Reading a Free Preview
Page 156 is not shown in this preview.
You're Reading a Free Preview
Pages 160 to 195 are not shown in this preview.

Activity (7)

You've already reviewed this. Edit your review.
1 hundred reads
1 thousand reads
Elizangela Abano liked this
Marcio Neves liked this
Márcia Souza liked this
Jesus Datollo liked this

You're Reading a Free Preview

Download
/*********** DO NOT ALTER ANYTHING BELOW THIS LINE ! ************/ var s_code=s.t();if(s_code)document.write(s_code)//-->