Welcome to Scribd. Sign in or start your free trial to enjoy unlimited e-books, audiobooks & documents.Find out more
Download
Standard view
Full view
of .
Look up keyword or section
Like this
41Activity

Table Of Contents

necessidades colectivas e meios financeiros do Estado:
2. Direito Financeiro, Direito Tributário e Direito Fiscal
Âmbito do Direito Fiscal:
3. Natureza do Direito Fiscal :
4. O Problema da Autonomia do Direito Fiscal
(legislativa, didáctica e científica):
5. Relações do Direito Fiscal com outros ramos do Direito:
Capítulo II – O imposto:
6. Conceito de Imposto:
O elemento objectivo, subjectivo e teleológico da definição:
7. Distinção entre imposto e outras categorias jurídicas:
a) O imposto e o preço:
b) O imposto e a taxa:
c) O imposto e os tributos especiais:
d) O imposto e as contribuições para a Previdência:
e) O imposto e o empréstimo público:
f) O imposto e a requisição administrativa:
g) O imposto e a expropriação por utilidade pública:
8. Classificação dos Impostos:
a) Os impostos directos e os impostos indirectos:
b) Os impostos pessoais e os impostos reais:
c) Os impostos estaduais e os impostos não estaduais:
d) Os impostos gerais e os impostos locais:
e) Os impostos periódicos e os impostos de obrigação única:
f) Os impostos principais e os impostos acessórios:
9 . Estrutura dos Impostos Portugueses:
Capítulo III – Soberania Fiscal
10. Soberania Estadual e Soberania Fiscal:
I. Soberania estadual, soberania fiscal e poder tributário:
II. Entidades públicas menores e soberania fiscal:
11. Fundamento da soberania fiscal:
a) O fundamento da soberania fiscal no plano da análise
b) O domínio eminente do príncipe:
c) As concepções clássicas baseadas numa troca de
d) As concepções ético-sociais:
e) A negação de fundamento à soberania fiscal:
f) As concepções modernas baseadas numa troca global:
12. Limites da soberania fiscal:
a) Os fins do Estado:
c) A territorialidade do imposto:
d) Os conflitos internacionais de tributação:
13. Expressão de Soberania Fiscal:
a) A natureza dos órgãos da soberania fiscal:
14. Soluções constitucionais portuguesas:
a) Evolução Histórica:
b) A Constituição de 1976:
Parte I – As normas fiscais
Capítulo I – Fontes do Direito Fiscal:
15. Noção e espécies de fontes do Direito Fiscal:
a) Princípios jurídicos fundamentais e costume internacional:
b) Lei Constitucional – Princípio da Legalidade e Princípio da
c) Lei ordinária formal e Decreto-Lei:
d) Regulamento:
e) Ordens internas da Administração (despachos, instruções
f) Costume:
g) Deliberações das entidades públicas menores:
h)Normas internacionais:
i) Jurisprudência e Doutrina:
16. Hierarquia das fontes de Direito Fiscal:
Hierarquia das Fontes de Direito Fiscal:
17. Codificação Fiscal – Referência à “Lei Geral Tributária”
actualmente em fase de preparação:
18. Categorias de normas fiscais:
a) normas de soberania fiscal:
b) As normas de incidência:
c) normas de lançamento:
d) normas de liquidação:
e) normas de cobrança (ou pagamento):
f) As normas de organização de serviços:
g) normas de fiscalização:
h) normas de sanção:
i) normas de contencioso:
CAPITULO II - INTERPRETAÇÃO E INTEGRAÇÃO
DAS NORMAS FISCAIS
19. Problemática da interpretação das normas fiscais:
a) “In dubio contra fiscum” e “odiosa restringenda”:
b) Interpretação literal:
c) “In dubio pro Fisco”:
d) interpretação histórico-evolutiva e interpretação
e) Princípios gerais de interpretação:
20. Particularismos da interpretação das normas fiscais:
21. Integração de lacunas em Direito Fiscal:
Capítulo III – Aplicação das Normas Fiscais
22. Aplicação no tempo:
a) Início e termo de vigência:
da Relação Jurídica de Imposto:
26. Constituição da Relação Jurídica de Imposto :
a) As Leis como factos constitutivos:
b) A Construção de Von Myrbach-Rheinfeld:
c) A “liquidação” como facto constitutivo:
d) A conjugação dos “pressupostos tributários” como facto
e) Noção e classificação de pressupostos da relação de
27. Causa da Relação Jurídica de Imposto - Referência breve:
Capítulo II – Os Sujeitos:
28. Personalidade Jurídica em Geral:
Personalidade Tributária; Capacidade Tributária
Sujeitos:
29. Sujeito Activo – conceito e âmbito
a) Estado:
b) Autarquias Territoriais:
autarquias territoriais
c) Institutos Públicos:
30. Sujeito Passivo – conceito e âmbito :
a) Sujeito Tributário Passivo, Contribuinte de Direito e
b) Sujeitos Tributários Passivos Originários e Não Originários
c) Situações de Personalidade Tributária Passiva Não
31. Capacidade Tributária Passiva de Exercício:
a) As pessoas físicas e a sua capacidade tributária passiva
c) A representação voluntária em Direito Fiscal
32. Domicílio Fiscal e registo do contribuinte:
Capítulo III – O objecto:
33. Objecto do imposto
Pressupostos objectivos da tributação:
a) Os pressupostos objectivos e o objecto da relação jurídica
b) As isenções objectivas:
34. Objecto imediato e mediato da relação jurídica de imposto:
35. A prestação – suas espécies:
Capítulo IV – Formas de Extinção da
36. Cumprimento:
a) lugar do pagamento (cumprimento):
b) prazo do pagamento:
37. Dação em cumprimento:
38. Prescrição:
39. Compensação:
42. Garantia Geral:
43. Garantias Pessoais:
44. Garantias Reais:
a) privilégios creditórios:
b) hipoteca:
c) Prestação de caução:
d) Juros de mora e compensatórios como garantias
Parte III – As relações tributárias formais:
45. O acto tributário – conceito, natureza e efeitos:
46. A formação do acto tributário – o processo tributário gracioso:
a) Princípios:
b) Fases:
47. O acto de liquidação ou acto tributário:
a) Notificação no processo tributário:
b) As autoliquidações:
c) As liquidações provisórias, definitivas e adicionais:
48. Revisão e Anulação do acto tributário
recursos graciosos e contenciosos:
a) reclamação graciosa:
b) impugnação judicial:
c) reclamação para uma comissão distrital de revisão:
d) recurso hierárquico:
49. Direitos e garantias dos contribuintes:
Capítulo II – Cobrança do Imposto:
50. Processo de cobrança – suas espécies:
a cobrança virtual e a cobrança eventual:
51. Fases de cobrança:
a) A cobrança à boca do cofre:
b) A cobrança com juros de mora:
c) A cobrança coerciva:
Parte IV – estrutura actual dos impostos portugueses:
52. Análise do Sistema Fiscal Português actualmente em vigor
A “Lei Geral Tributária” actualmente em fase de preparação
Análise global dos Quadros Gerais para a Reforma Fiscal
“um sistema fiscal para o Portugal desenvolvido no limiar do séc
actualmente em fase de audição e debate público:
53. Análise dos impostos portugueses:
a) IVA:
0 of .
Results for:
No results containing your search query
P. 1
Direito Fiscal m

Direito Fiscal m

Ratings: (0)|Views: 5,260|Likes:

More info:

Published by: jaqueiline fernandes fortes on Dec 02, 2011
Copyright:Attribution Non-commercial

Availability:

Read on Scribd mobile: iPhone, iPad and Android.
download as DOC, PDF, TXT or read online from Scribd
See more
See less

06/21/2013

pdf

text

original

You're Reading a Free Preview
Pages 5 to 91 are not shown in this preview.
You're Reading a Free Preview
Pages 96 to 152 are not shown in this preview.
You're Reading a Free Preview
Pages 157 to 180 are not shown in this preview.
You're Reading a Free Preview
Pages 185 to 205 are not shown in this preview.
You're Reading a Free Preview
Pages 210 to 231 are not shown in this preview.

Activity (41)

You've already reviewed this. Edit your review.
1 hundred reads
1 thousand reads
esta matéria é o que eu preciso, para saire bem na disciplina de direito fiscal.
Luís Bastos liked this
8077719 liked this
geral4872 liked this
GECLDA liked this
Pedro Lopes liked this
Pedro Lopes liked this

You're Reading a Free Preview

Download
scribd
/*********** DO NOT ALTER ANYTHING BELOW THIS LINE ! ************/ var s_code=s.t();if(s_code)document.write(s_code)//-->