Welcome to Scribd, the world's digital library. Read, publish, and share books and documents. See more
Download
Standard view
Full view
of .
Look up keyword
Like this
8Activity
0 of .
Results for:
No results containing your search query
P. 1
Matematica_capitulo Poliedros

Matematica_capitulo Poliedros

Ratings: (0)|Views: 1,102 |Likes:
Published by trigono_metria

More info:

Published by: trigono_metria on Dec 06, 2011
Copyright:Attribution Non-commercial

Availability:

Read on Scribd mobile: iPhone, iPad and Android.
download as PDF, TXT or read online from Scribd
See more
See less

07/22/2013

pdf

text

original

 
167
1.
Poliedros
Inúmeros objetos utilizados pela humanidade podem representar sólidos geo-métricos; um dado, uma borracha, uma roda, um livro, etc.Entre os sólidos, os poliedros podem ser intuitivamente descritos como “sóli-dos limitados por superfícies planas”. Para escrever uma definição mais formal,deve ser apresentado primeiramente o conceito de conjunto convexo.
Um conjunto
 A
de pontos é
convexo
 
quando qualquer segmento de reta deextremos pertencentes a
 A
está inteiramente contido em
 A
.
Definição
Poliedro
 
é a união de um número finito de polígonos, denominados faces,com a região do espaço limitada por eles, em que são válidas as seguintesafirmações.Cada lado de um desses polígonos é também lado de um único outro
polígono.A intersecção de duas faces quaisquer ou é um lado comum, ou é um
vértice, ou é vazia.
Definição
 Abaixo são representados alguns objetos do cotidiano, que aparentam es-tar totalmente preenchidos, e que dão ideia de figuras convexas.Enuncia-se, então, a seguinte definição, mais formal, de poliedro.Se a afirmação “Qualquer segmento de reta de extremos pertencentes aopoliedro está inteiramente contido nele” for acrescentada à definição acima,então se tem um
poliedro convexo
, que será o objeto de estudo deste mó-dulo. Caso essa terceira afirmação não seja satisfeita, diz-se que o poliedro é
não convexo
.Cada lado de um polígono, que é comum aexatamente duas faces, é denominado
aresta
 do poliedro, e cada vértice de uma face é deno-minado
 vértice
do poliedro.
Exemplos
Poliedro convexoPoliedro não convexo
 
face aresta vértice
Nomenclatura parapoliedros convexos
Os poliedros convexos
`
são nomeados de acordocom o número de facesque apresentam. A seguir,apresentam-se algunsexemplos.
Númerode facesNome dopoliedro
4tetraedro5pentaedro6hexaedro7heptaedro8octaedro9eneaedro10decaedro11undecaedro12dodecaedro20icosaedro
Saiba mais
hexaedroheptaedro
 
168
Sólidos
8
Relação de Euler
São dados dois poliedros convexos em que são conhecidos o número defaces
F
, o número de vértices
e o número de arestas
 A
de cada um deles.
F
 
5
8
 
5
12
Æ
 
F
 
1
 
 
5
8
1
12
5
20
 A
 
1
2
5
18
1
2
5
20
 A
 
5
18 A quantidade de vértices, de arestas e de faces pode ser diferente para doispoliedros convexos distintos. Há uma relação entre essas quantidades paracada poliedro. Trata-se da
relação de Euler
, enunciada abaixo e admitidaneste livro sem demonstração.
Em todo poliedro convexo, o número de faces adicionado ao número devértices é igual ao número de arestas adicionado de duas unidades.
Teorema
F
 
1
 
 
5
 
 A
 
1
2 Verifica-se essa relação para os dois poliedros convexos representadosacima.Poliedro I:
F
 
1
 
 
5
6
1
6
5
12
 A
 
1
2
5
10
1
2
5
12Poliedro II:
F
 
1
 
 
5
7
1
10
5
17
 A
 
1
2
5
15
1
2
5
17De acordo com o teorema, todo poliedro convexo satisfaz à relação de Eu-ler. Nem todo poliedro que satisfaz a relação de Euler, porém, é um poliedroconvexo. É o que ocorre, por exemplo, com o poliedro representado abaixo,que satisfaz a relação de Euler, mas não é um poliedro convexo.
F
 
5
6
 
5
6
 A
 
5
10
F
 
5
7
 
5
10
 A
 
5
15III
Leonhard Paul Euler(1707-1783)
Leonhard Euler.
Leonhard Euler [1707-1783]nasceu na Basileia, na Suíça,onde frequentou a universida-de. [...]Na Academia de Berlim, eleaplicou a matemática a diversosassuntos, como órbitas planetá-rias, balística, construção naval,navegação, óptica e acústica.Aperfeiçoou também a nomen-clatura (conjunto de nomes etermos) matemática, introduzin-do a letra grega
S
(sigma) parasignificar soma;
p
(pi) para a ra-zão entre a circunferência de umcírculo e seu raio; a letra
e
comobase para os logaritmos natu-rais;
i
, para representar a raizquadrada de
2
1 (números imagi-nários); e
ƒ
(
 x
) para função. [...]Durante toda a vida, Eu-ler produziu mais de 800 dis-sertações. Após sua morte, aAcademia de São Petersburgocontinuou a imprimir trabalhosinéditos por cerca de 50 anos.
T
iner
, John Hudson.
100 cientistas quemudaram a história do mundo
. Tradução:Marise Chinetti. Rio de Janeiro: Ediouro,2004. p. 69-70.
Um pouco de história
Exercício resolvido
Conhecendo-se as faces de um poliedro convexo, determinar o número de arestas.
1.Resolução
Caso geral
Suponha que as faces do poliedro são organizadas em grupos; o grupo dos triângulos, o dosquadriláteros, o dos pentágonos, etc. Sejam
3
a quantidade de triângulos,
4
a de quadriláte-ros, ...,
n
a de polígonos de
n
lados.Cada polígono tem tantos lados comuns a outros polígonos quantos são seus lados. Então,inicialmente, é preciso multiplicar o número de triângulos por 3, o de quadriláteros por 4 eassim por diante. Depois, calcula-se a soma 3
3
+ 4
4
+ ... + n
n
.Como cada aresta é comuma exatamente duas faces, asoma obtida na etapa anteriorrepresenta o dobro do número dearestas,
 A
, do poliedro. Logo 
 A
 
5
 3
3
 
1
4
4
 
1
...
1
 
nF 
n
 
___________________
 
2 
Exemplo
Determinar o número de arestas de um poliedro convexoque tem 6 faces quadradas, 2 faces hexagonais e 24 facestriangulares.3
?
24
1
4
?
6
1
6
?
2
5
54Portanto,A
5
 54
 
___
 
2 
5
27Um poliedro queatende às condiçõesé representado aolado.
 
169
Poliedros regulares
Entre os poliedros convexos, há os que são denominados poliedros regu-lares, cuja definição é dada a seguir.
Um poliedro convexo é
regular
caso satisfaça às seguintes condições.Todas as suas faces são polígonos regulares e congruentes.
Em todos os seus vértices concorrem o mesmo número de arestas.
Definição
De acordo com a definição acima, enuncia-se o seguinte teorema, que seráadmitido sem demonstração.
Existem apenas cinco poliedros convexos regulares.
Teorema
Os cinco poliedros a que se refere o teorema estão representados abaixo.
Tetraedro regularHexaedro regularOctaedro regular
O tetraedro regular tem 4 faces,4 vértices e 6 arestas.Todas as faces são triângulos
equiláteros congruentes.Em todos os vértices concorrem
três arestas.O hexaedro regular (ou cubo)tem 6 faces, 8 vértices e 12 arestas.Todas as faces são quadrados
congruentes.Em todos os vértices concorrem
três arestas.O octaedro regular tem 8 faces,6 vértices e 12 arestas.Todas as faces são triângulos
equiláteros congruentes.Em todos os vértices concorrem
quatro arestas.
Dodecaedro regularIcosaedro regular
O dodecaedro regular tem 12 faces, 20 vértices e 30arestas.Todas as faces são pentágonos regulares congruentes.
Em todos os vértices concorrem três arestas.
O icosaedro regular tem 20 faces, 12 vértices e 30arestas.Todas as faces são triângulos equiláteros congruentes.
Em todos os vértices concorrem cinco arestas.

Activity (8)

You've already reviewed this. Edit your review.
1 hundred reads
1 thousand reads
Diogo Rego liked this
Marcia Silva liked this
Johnatan Wesley liked this
virginiazilda liked this

You're Reading a Free Preview

Download
/*********** DO NOT ALTER ANYTHING BELOW THIS LINE ! ************/ var s_code=s.t();if(s_code)document.write(s_code)//-->