Welcome to Scribd, the world's digital library. Read, publish, and share books and documents. See more ➡
Download
Standard view
Full view
of .
Add note
Save to My Library
Sync to mobile
Look up keyword
Like this
151Activity
×
0 of .
Results for:
No results containing your search query
P. 1
Apostila 2ª fase da OAB Direito do Trabalho

Apostila 2ª fase da OAB Direito do Trabalho

Ratings: (0)|Views: 27,803|Likes:
Published by Jackeline Brandão
Apostila elaborada pelo professor Prof. Gustavo Cisneiros, para quem quer se preparar para a 2ª fase do exame da OAB em direito do trabalho
Apostila elaborada pelo professor Prof. Gustavo Cisneiros, para quem quer se preparar para a 2ª fase do exame da OAB em direito do trabalho

More info:

Categories:Business/Law
Published by: Jackeline Brandão on Jan 09, 2012
Copyright:Attribution Non-commercial

Availability:

Read on Scribd mobile: iPhone, iPad and Android.
download as PDF, DOC, TXT or read online from Scribd
See More
See less

09/08/2013

pdf

text

original

 
CURSO PREPARATÓRIO PARA O EXAME DE ORDEM 2011.2PROVA PRÁTICO–PROFISSIONAL – ÁREA TRABALHISTA
Prof. Gustavo Cisneiros
OBJETIVO DO CURSO E DICAS IMPORTANTES
O objetivo do curso é preparar o aluno para enfrentar a segunda fase do Exame daOAB, abrangendo a elaboração de peças jurídicas, além de propiciar uma revisãodos principais tópicos de direito do trabalho e de direito processual do trabalho,incluindo a resolução de questões extraídas de provas anteriores.
Estudaremos as seguintes peças
:
1.
RECLAMAÇÃO TRABALHISTA.
2.
INQUÉRITO JUDICIAL PARA APURAÇÃO DE FALTA GRAVE.3.AÇÃO DE CONSIGNAÇÃO EM PAGAMENTO.
4.
CONTESTAÇÃO.
5.
EXCEÇÃO DE SUSPEIÇÃO E EXCEÇÃO DE INCOMPETÊNCIA EM RAZÃO DOLUGAR.6.RECONVENÇÃO.
7.
RECURSO ORDINÁRIO.8.RECURSO DE REVISTA.9.AGRAVO DE PETIÇÃO.10.AGRAVO DE INSTRUMENTO.11.EMBARGOS DE DECLARAÇÃO.12.MANDADO DE SEGURANÇA.
13.
EMBARGOS À EXECUÇÃO.
14.
EMBARGOS DE TERCEIRO.
15.
AÇÃO RESCISÓRIA.
1
2ª Fase Exame de Ordem 2011.2Área TrabalhistaProf. Gustavo Cisneiros
 
INTRODUÇÃO
O estudante deve compreender que não adianta apenas “montar o esqueleto” dapeça.Além da construção do artefato, a fundamentação jurídica completa a missão docandidato.É a fórmula: Elaboração = Arcabouço + Conteúdo.A peça nada diz se não tiver alma (argumentação jurídica).
A força do advogado está na sua argumentação!
É preciso que o advogado (no Exame de Ordem o bacharel é avaliado comoadvogado) tenha a capacidade de levar ao conhecimento do magistrado os fatos “
damaneira que melhor aproveitem ao seu cliente
”.Mentindo? Claro que não! Apenas enfatizando a conjuntura favorável ao cliente.Um bom advogado não pode fornecer “munição” ao adversário!Um advogado, por exemplo, jamais limita, em uma reclamação trabalhista, apreteno ao “prazo imprescrito”. faltava essa! Advogado do reclamante“argüindo prescrição”. Não pode!Digamos que o reclamante trabalhou durante dez anos na empresa e espleiteando horas extras. O advogado deve pedir as horas extras de todo o contratode trabalho. Cabe ao advogado do reclamado, na contestação, requerer a limitaçãoda condenação aos últimos cinco anos a contar da data da propositura da ação.
2
2ª Fase Exame de Ordem 2011.2Área TrabalhistaProf. Gustavo Cisneiros
 
Outro exemplo é o da “compensação”, que a CLT diz que deve ser suscitada nadefesa, sob pena de preclusão – artigo 767.Digamos que o reclamante foi demitido sem justa causa quando já era detentor deum tipo de estabilidade provisória, recebendo, conseqüentemente, verbasrescisórias. O advogado do trabalhador deve narrar os fatos, dizendo, inclusive, queo seu cliente recebeu verbas rescisórias. Mas jamais vai pedir a “compensação” ou a“dedução” do valor.Uma determinada causa pode estar revestida de um bom direito, mas, poingenuidade, o advogado termina enfraquecendo-o, mediante tímida e impotenteargüição.O bom advogado é aquele que, diante de um bom direito, extrai um “direitoinabalável”, e, diante de um direito frágil, convence o Juiz, por meio de robustaargumentação, de que aquele direito também se encontra sombreado de pujanteverossimilhança.Vencer ou perder é outra história! O que o advogado não pode fazer é admitir aderrota antes da largada!Como disse anteriormente, a avaliação do candidato gira em torno de sua atuaçãocomo advogado. Não há espaço para inocência.
O candidato deve cuidar para que a sua prova não venha a ser anulada!
O examinando deve ler atentamente o
edital
e as
instruções contidas no cadernode prova
.Há casos em que o aluno perde o Exame por exclusiva falta de atenção (Ex.: alunosque identificam a prova, mediante uma marca ou a própria assinatura; alunos queelaboram a peça apenas no rascunho; os que respondem uma questão no espaço
3
2ª Fase Exame de Ordem 2011.2Área TrabalhistaProf. Gustavo Cisneiros

Activity (151)

You've already reviewed this. Edit your review.
Marlucia Sousa liked this
1 thousand reads
1 hundred reads
Deisy Alves liked this
fabiana_lora liked this
FilipeCAlbu added this note|
Essa apostila me fez passar na segunda fase da OAB, OBRIGADO.

You're Reading a Free Preview

Download
/*********** DO NOT ALTER ANYTHING BELOW THIS LINE ! ************/ var s_code=s.t();if(s_code)document.write(s_code)//-->