Welcome to Scribd, the world's digital library. Read, publish, and share books and documents. See more
Download
Standard view
Full view
of .
Look up keyword or section
Like this
19Activity

Table Of Contents

1. Introdução
1.1. Contextualização Geral do Tema
1.2. Identificação do Tema
1.3. Objectivos
1.3.1. Objectivos do Trabalho Investigativo
1.3.2. Objectivos de Trabalho Operacional
1.4. Plano Geral da Dissertação
2. Revisão da Literatura
2.1. As Reformas Curriculares
2.1.1. As Reformas Curriculares em Portugal
2.1.2. A Química no Ensino Secundário
2.1.2.1. O Ensino da Química em «Ciências e Tecnologias»
2.1.2.2. Os Cursos Tecnológicos e Profissionais
2.1.2.3. A Química no 12º ano do Ensino Secundário
2.2. A Didáctica da Química
2.2.1. Ensino experimental/CTSA
2.2.2. Ensino por competências
2.2.3. Concepções alternativas e ensino experimental
Figura 1 – A relação das memórias na sua construção
2.2.4. Trabalho Prático e Estudo de Casos
CAPÍTULO III
3. Os Metais
3.1. Metalurgia dos Metais
3.1.1. Introdução histórica
3.1.2. Aspectos geológicos
Tabela 1 – Abundância relativa de elementos terrestres
Tabela 2 – Caracterização dos aspectos nativos dos metais na Crusta Terrestre
3.1.3. A Série Electroquímica
3.1.4. Metalurgia do Cobre
Figura 4 – Mina de Neves do Corvo (visão geral)
Figura 5 – Alguns minerais da mina
Figura 7 – Esquema da electro-refinação do cobre
Figura 8 – Contaminação das água na Mina de S Bernardo, a Aljustrel
3.1.5. Metalurgia do Alumínio
Figura 9 – Esquema do processo Bayer
Figura 10 – Esquema da electrólise do alumínio
3.1.6. Metalurgia do Ferro
3.2. Electrólise – Fundamentos
Figura 13 – Esquema geral da electrólise em que se deposita um metal
3.2.1. As Leis da Electrólise
3.2.2. Electroquimica Industrial
3.2.2.1. Electrólise do Cloreto de Sódio
Figura 14 – Electrólise do cloreto de sódio fundido
3.2.2.2. Electrólise do Cloreto de Zinco
Figura 15 – Electrólise do cloreto de zinco
3.3. Ligas Metálicas
Figura 16 – Análise da importância dos materiais para a Sociedade no tempo
4.1.1. Actividades Práticas de Exploração
4.1.1.1. Alquimia do Ouro
Figura 17 – Moeda “dourada” obtida
4.1.1.2. Propriedades dos Metais
Figura 18 e 19 – Manuseamento do bico de Bunsen pelos alunos
4.1.1.4. Rasgar o Alumínio duma Lata de Refrigerante
4.1.1.5. Uma Electrólise Colorida
Figura 20 – Electrólise duma solução de cloreto de sódio
4.1.1.6. Electrólise do Cloreto de Zinco
4.1.1.7. Anodização do Alumínio
Figura 21 – Electrólise em que se utiliza 2 eléctrodos de alumínio
Figura 22 – Aspecto do alumínio anodizado
4.1.2. Actividades Experimentais Desenvolvidas – Purificação do Cobre
Figura 23 – Medidas padrão da Célula de Hull
Figura 24 – Esquema da célula de Haring-Blum
4.1.2.1. Construção da Célula de Hull
Figura 25 – Do projecto à célula
4.1.2.2. Ensaios com a Célula de Hull
Figura 26 – Montagem utilizada para o estudo com a célula de Hull
Primeiros Ensaios com a Célula de Hull
Figura 27 – Resultados iniciais: (a) para potencial de 5,0V (b) com e de 1,0V
Figura 28 – Resultado com gelatina (a) e com ureia (b) e respectivo ânodo (c)
Figura 34 – Montagem para a utilização de 2 cátodos
Figura 35 – Aspecto dos cátodos após 20 minutos de electrólise
Tabela 9 – Resultados da electrólise com 2 cátodos
4.1.2.4. Resultados da electrodeposição
Tabela 11 – Resultados da electrodeposição do cobre
Figura 36 – Deposição de cobre ao fim de 20 minutos
4.1.2.5. Aplicações da Electrodeposição
4.2. Visitas de Estudo
4.2.1. Visita a uma Mina
4.2.2. Visita a uma Galvanoplastia
4.3. Aplicação ao Ensino: o «Ciência Viva» na E. S. A. H
Figura 39 e 40 – Alunos do curso tecnológico no laboratório
Figura 42 – Aplicação da electrólise na obtenção duma “medalha”
Figura 43 – A alquimia do ouro
4.4. Recursos disponíveis on-line
5. Aspectos Finais
5.1. Conclusões
6. Bibliografia
ANEXOS
Figura 44 – Electrólise do cloreto de sódio
Figura 45 – Electrólise do cloreto de zinco
Figura 46 – Esquema da electrólise para anodização do alumínio
Figura 47 – Esquema da electrólise com a célula de Hull
Figura 48 – Distribuição das Minas existentes em Portugal
0 of .
Results for:
No results containing your search query
P. 1
tese exemplo

tese exemplo

Ratings: (0)|Views: 1,387|Likes:
Published by Pedro Calhau

More info:

Published by: Pedro Calhau on Jan 20, 2012
Copyright:Attribution Non-commercial

Availability:

Read on Scribd mobile: iPhone, iPad and Android.
download as PDF, TXT or read online from Scribd
See more
See less

06/04/2013

pdf

text

original

You're Reading a Free Preview
Pages 4 to 63 are not shown in this preview.
You're Reading a Free Preview
Pages 67 to 76 are not shown in this preview.
You're Reading a Free Preview
Pages 80 to 101 are not shown in this preview.
You're Reading a Free Preview
Pages 105 to 127 are not shown in this preview.

Activity (19)

You've already reviewed this. Edit your review.
1 hundred reads
1 thousand reads
Inês Ribeiro liked this
Inês Ribeiro liked this
Ja Miranda liked this
Olga Martins liked this
Marina Carvalho liked this
Victor Perez liked this

You're Reading a Free Preview

Download
scribd
/*********** DO NOT ALTER ANYTHING BELOW THIS LINE ! ************/ var s_code=s.t();if(s_code)document.write(s_code)//-->