P. 1
05- História de Um Homem - Pietro Ubaldi (Volume Revisado e Formatado em PDF para iPad_Tablet_e-Reader)

05- História de Um Homem - Pietro Ubaldi (Volume Revisado e Formatado em PDF para iPad_Tablet_e-Reader)

Ratings: (0)|Views: 1,661|Likes:
Published by Glen Peach
05- História de Um Homem - Pietro Ubaldi (Volume Revisado e Formatado em PDF para iPad_Tablet_e-Reader)
Neste livro, Pietro Ubaldi retrata a experiência de um homem pleno de Ideal, em meio às lutas comuns e muitas vezes brutais das criaturas vulgares. Cedo compreendeu ele o artificialismo da cultura humana; as mentiras convencionais da sociedade, uma filosofia de vida antagônica ao Evangelho que trazia no coração e que não podia deixar de aplicar em sua existência. Quem estaria certo: o Evangelho, com seus apelos a uma vida moral e espiritual superior, ou o mundo com sua psicologia materialista, marcada por fortes instintos? Mas esse mundo era o natural campo de provas a que o destino o havia projetado e onde esse homem deveria viver, compreendendo e amando os seus semelhantes, como eram, e não como ele quereria que eles fossem.
Sem trair o seu ideal, entendeu que tinha que conviver com criaturas comuns, suportando-as e participando de suas lutas, pois assim queria o seu destino. Era preciso amar o próximo, por pior que fosse, já que assim lhe pedia o Evangelho, como uma ordem de Cristo. Descer à criatura humana era o novo dever, como seu Mestre Cristo havia descido e amado. A experiência tinha que ser feita, e ele a fez! Que importavam a dor, as decepções, a pobreza, as traições, as agressões humanas, se esse homem havia nascido para amar o seu próximo, e amando-o também o ajudaria a iniciar a sua elevação moral e espiritual?
Assim esse homem, vivendo experimentalmente o Evangelho, compreendeu que as criaturas normais, com seus instintos primários e necessidades sensoriais, viviam a sua natural fase biológica e mais não se lhes podia pedir. Mas ele devia compreendê-las e amá-las, ajudando-as a subir para Deus.
O livro termina com a visão do Cristo, como a premiar esse homem que tanto sofreu e tanto amou! É uma visão, com rápido diálogo, na intimidade de um quarto humilde, em que esse homem solitário e sofredor, ao receber a visita da Irmã Morte, se alegra com a sua libertação espiritual, pois não havia vivido em vão.
05- História de Um Homem - Pietro Ubaldi (Volume Revisado e Formatado em PDF para iPad_Tablet_e-Reader)
Neste livro, Pietro Ubaldi retrata a experiência de um homem pleno de Ideal, em meio às lutas comuns e muitas vezes brutais das criaturas vulgares. Cedo compreendeu ele o artificialismo da cultura humana; as mentiras convencionais da sociedade, uma filosofia de vida antagônica ao Evangelho que trazia no coração e que não podia deixar de aplicar em sua existência. Quem estaria certo: o Evangelho, com seus apelos a uma vida moral e espiritual superior, ou o mundo com sua psicologia materialista, marcada por fortes instintos? Mas esse mundo era o natural campo de provas a que o destino o havia projetado e onde esse homem deveria viver, compreendendo e amando os seus semelhantes, como eram, e não como ele quereria que eles fossem.
Sem trair o seu ideal, entendeu que tinha que conviver com criaturas comuns, suportando-as e participando de suas lutas, pois assim queria o seu destino. Era preciso amar o próximo, por pior que fosse, já que assim lhe pedia o Evangelho, como uma ordem de Cristo. Descer à criatura humana era o novo dever, como seu Mestre Cristo havia descido e amado. A experiência tinha que ser feita, e ele a fez! Que importavam a dor, as decepções, a pobreza, as traições, as agressões humanas, se esse homem havia nascido para amar o seu próximo, e amando-o também o ajudaria a iniciar a sua elevação moral e espiritual?
Assim esse homem, vivendo experimentalmente o Evangelho, compreendeu que as criaturas normais, com seus instintos primários e necessidades sensoriais, viviam a sua natural fase biológica e mais não se lhes podia pedir. Mas ele devia compreendê-las e amá-las, ajudando-as a subir para Deus.
O livro termina com a visão do Cristo, como a premiar esse homem que tanto sofreu e tanto amou! É uma visão, com rápido diálogo, na intimidade de um quarto humilde, em que esse homem solitário e sofredor, ao receber a visita da Irmã Morte, se alegra com a sua libertação espiritual, pois não havia vivido em vão.

More info:

Categories:Types, Research, Science
Published by: Glen Peach on Jan 26, 2012
Copyright:Attribution Non-commercial

Availability:

Read on Scribd mobile: iPhone, iPad and Android.
download as PDF, TXT or read online from Scribd
See more
See less

11/29/2013

pdf

text

original

 
 
HISTÓRIA DE UM HOMEM
Prefácio .................................................................................................................................. 1I. DO SEU DIÁRIO ............................................................................................................ 14II. O PROTAGONISTA E O AMBIENTE ...................................................................... 20III. O SIGNIFICADO E O MÉTODO DA VIDA ........................................................... 25IV. NASCE UM HOMEM E UM DESTINO ................................................................... 33V. A PROCURA DE SI MESMO ..................................................................................... 38VI. PRIMEIRAS ESCOLAS E PRIMEIROS PROBLEMAS ....................................... 48VII. ESTUDOS UNIVERSITÁRIOS E EXPLORAÇÕES INTERIORES ................... 55VIII. OS TRÊS CAMINHOS DA VIDA .......................................................................... 62IX. A DOR NA LÓGICA DO DESTINO ......................................................................... 69X. O PROBLEMA DA RIQUEZA, DO TRABALHO E DO EVANGELHO.............. 77XI. POBREZA E TRABALHO ......................................................................................... 84XII. ATRIBULAÇÕES ...................................................................................................... 89XIII. A DIVINA PROVIDÊNCIA .................................................................................... 94XIV. AFIRMAÇÕES ESPIRITUAIS ............................................................................. 102XV. SOFRIMENTOS E VISÕES ................................................................................... 110XVI. SOFRIMENTOS E VISÕES .................................................................................. 122XVII. OS CAMINHOS DO MUNDO ............................................................................. 128XVIII. CONDENADO ..................................................................................................... 136XIX. NO INFERNO TERRESTRE ................................................................................ 143XX. REVOLTA ................................................................................................................ 149XXI. A TRAIÇÃO DE JUDAS ....................................................................................... 159XXII. MENTIRAS E JUSTIFICAÇÕES ....................................................................... 167XXIII. O EVANGELHO E O MUNDO ......................................................................... 176XXIV. A LUTA PELO IDEAL ....................................................................................... 184XXV. RESSURREIÇÃO .................................................................................................. 190XXVI. AMA O TEU PRÓXIMO .................................................................................... 200XXVII. ASCENÇÕES HUMANAS ................................................................................ 209XXVIII. ÚLTIMOS ACORDES ..................................................................................... 216XXIX. ADEUS À IRMÃ DOR ........................................................................................ 222XXX. CHEGADA DA IRMÃ MORTE .......................................................................... 233
 
 Pietro Ubaldi
 
HISTÓRIA DE UM HOMEM
 
1
 A meu filho, morto pela pátria.
“O progresso das comunidades depende do sucesso de raríssimos sábios, que
se esquivam ao contágio da mentalidade
comum”.
 JOSEPH JASTROW
PREFÁCIO
Quantos lerem este volume, crendo encontrar nele o mesmo Ubaldi dosseus livros anteriores, ficarão desiludidos. A cada novo livro, ele transformae renova a sua personalidade. Cada um dos seus volumes é um documentáriodaquilo que foi, real e espiritualmente, uma fase de sua vida. Inútil, portanto, procurar-se nestas páginas as mesmas proposições e atitudes dos seus traba-lhos precedentes. É necessário desde logo este esclarecimento, não só paraque o leitor não seja enganado, mas também porque os mal-entendidos sãodetestáveis. Nada existe aqui de mediunidade, biosofia, espiritualismo e se-melhantes. A personalidade do autor, que nunca fez parte de nenhum gruponem se ligou a qualquer escola, permanecendo sempre livre e independenteno seu desenvolvimento, atinge agora, completamente renovada, outras afir-mações. É horrível repetir-se, permanecendo estagnado em determinadocampo. Somente quem se renova, vive. A constante especialização no parti-cular poderá ser materialmente útil, mas é paralisia do espírito.A precedente tetralogia, em que o autor, partindo da matéria e chegando aoespírito, percorre o caminho que vai da Terra ao Céu, tetralogia representada por 
 Mensagens Espirituais
1
,
 A Grande Síntese
,
As Noúres
e
 Ascese Mística
, éum edifício completo, uma fase superada, um período encerrado. Ocorreudepois, no espírito do autor, uma crise terrível, necessária para uma renova-ção, um completamento e uma continuação, coisas que, sem tormentas e cri-ses, não podem acontecer. Aqui, Ubaldi reaparece, depois de um silêncio noqual passou pelos dolorosos sofrimentos que esperam quem segue os cami-nhos do ideal. Antes, ele era um teórico e sonhador, podia-se dizer. Mas, ago-ra, ele já bateu a cabeça na realidade da vida humana e não o é mais. O golpefoi duro para ele e destruiu aquela fé ingênua e simples que lhe fazia dizer tudo com franqueza, sem a astúcia das prevenções humanas. Avalie-se, pois,
1
Ou
Grandes Mensagens
(N. do T.)

Activity (3)

You've already reviewed this. Edit your review.
1 thousand reads
1 hundred reads
Glen Peach liked this

You're Reading a Free Preview

Download
/*********** DO NOT ALTER ANYTHING BELOW THIS LINE ! ************/ var s_code=s.t();if(s_code)document.write(s_code)//-->