Welcome to Scribd, the world's digital library. Read, publish, and share books and documents. See more
Download
Standard view
Full view
of .
Look up keyword
Like this
39Activity
0 of .
Results for:
No results containing your search query
P. 1
Unidade 1 Sociedade dos indivíduos

Unidade 1 Sociedade dos indivíduos

Ratings: (0)|Views: 12,787 |Likes:
Capitulo-1-Os indivíduos, sua história e a sociedade
Nossas escolhas, seus limites e repercussões
Das questões individuais ás questoes sociais
Vizinhos e internautas

Capitulo-2- Processo de socialização
O que nos é comum
As diferenças no processo de socialização
Tudo começa na família
Os sonhos dos adolescentes

Capitulo-3- As relações entre indivíduo e sociedade
Karl Marx, os indivíduos e as classes sociais
Émilie Durkheim, as instituições e o indivíduo
Max Weber, o indivíduo e a ação social
Norbert Elias e Pierre Bourdieu: a sociedade dos indivíduos
Regras e exceção não têm mais regras
Capitulo-1-Os indivíduos, sua história e a sociedade
Nossas escolhas, seus limites e repercussões
Das questões individuais ás questoes sociais
Vizinhos e internautas

Capitulo-2- Processo de socialização
O que nos é comum
As diferenças no processo de socialização
Tudo começa na família
Os sonhos dos adolescentes

Capitulo-3- As relações entre indivíduo e sociedade
Karl Marx, os indivíduos e as classes sociais
Émilie Durkheim, as instituições e o indivíduo
Max Weber, o indivíduo e a ação social
Norbert Elias e Pierre Bourdieu: a sociedade dos indivíduos
Regras e exceção não têm mais regras

More info:

Published by: livro_artigo_caderno on Feb 25, 2012
Copyright:Attribution Non-commercial

Availability:

Read on Scribd mobile: iPhone, iPad and Android.
download as PDF, TXT or read online from Scribd
See more
See less

05/12/2013

pdf

text

original

 
P
orqueestudarasociedadeemquevivemos?Nãobastavi-Ia?
É
possívelconhecerasociedadecientificamente?ASociologiaserveparaquê?Essas sãoperguntasquemuitosalunosfazemquandoencontramessadisciplinana gradecurricular.Easperguntasnãoparamaí.Vamosprocurarrespon-Ias nodecorrerdenossosestudos. Oquesepodedizer,inicialmente,équeaSociologia,assimcomoasde- maisciênciashumanas(História,CiênciaPolítica,Economia,Antropologia, etc.),temcomoobjetivocompreendereexplicaraspermanênciaseastrans- formaçõesqueocorremnassociedadeshumanaseatéindicaralgumaspistas sobreosrumosdasmudaas. Atravésdostempos,ossereshumanosbuscamsuprirsuasnecessidades básicasmedianteaproduçãonãosódealimentos,abrigoevestuário,mas tambémdenormas,valores,costumes,relaçõesdepoder,arteeexplicações sobreavidaesobreomundo. Viveremsociedadeéparticipardessaprodução.Aofazê-lo,acabamos produzindoahistóriadaspessoas,dosgruposedasclassessociais.Porisso,a SociologiatemumaestreitarelaçãocomaHistória.Bastadizerqueprecisamos deambasparaexplicaraexistênciadaprópriaSociologia.
Dasrelaçõespessoaisaosgrandesconflitosmundiais,aSociologiainvestigaosproblemasqueafetamonossocotidiano,evidenciandoaestreita relãoentreasquestõesindividuaiseasquestõessociais.ImagemA:asTorresGêmeas,emNovaYork,EstadosUnidos,momentosantesdo segundoataquedeavião,emsetembrode2001.ImagemB:oconflitoárabe-israelensesuspensonoabraçodedoisgarotos,umpalestinoeoutro judeu.Israel,1993.ImagemC:mulherjaponesaeseufilhoemfrenteàslanternasdomausoléudeYasukuni,erguidoem1869emhomenagemaos combatentesmortosemguerra.Tóquio,Japão,2005.ImagemD:campoderefugiadosdaguerracivildeRuanda.Tanzânia,1994.
o
estudodaSocioloqie
I
7
 
Ondeestáaautonomiade umindivíduoaprisionadoaos meiosdecomunicação? Atelevisão
é
umacaixavazia deconteúdo,comosugere achargedeLaerte?Poderia serdiferente?Questionando assituaçõesdodiaadia, opensamentosociológicoestimulaumaposturacrítica emrelãoàsvinciasque noscondicionamelimitam.
MasqualéocampodeestudoespecíficodaSociologia?Paraentenderos elementosessenciaisdasociedadeemquevivemos,ossociólogosprocuramdar respostasaquestõescomoestas: Porqueaspessoasagemepensamdeumaformaenãodeoutra? Porquenosrelacionamosunscomosoutrosdedeterminadamaneira,nor- malmentepadronizada? Porqueexistetantadesigualdadeedesempregoemnossocotidiano? Porqueexistemapolíticaeasrelaçõesdepodernasociedade? Quaissãonossosdireitoseoquesignificacidadania? Porqueexistemmovimentossociaiscominteressestãodiversos?Essesmo- vimentossãorevolucionáriosouapenasreformadores? Oqueécultura?Qualarelaçãoentreculturaeideologia?Comoelasestão presentesnosmeiosdecomunicaçãodemassa? ASociologianosajudaaentendermelhoressaseoutrasquestõesqueenvolvem nossocotidiano,sejamelasdecaterpessoal,grupal,ou,ainda,relativas
à
sociedade
à
qualpertencemosouatodasassociedades.MasofundamentaldaSociologiaé fornecer-nosconceitoseoutrasferramentasparaanalisarasquestõessociaiseindi- viduaisdeummodomaissistemáticoeconsistente,indoalémdosensocomum. ParaPierreBourdieu,sociólogofrancêscontemporâneo,aSociologia, quandosecolocanumaposiçãocrítica,incomodamuito,porque,comooutras ciênciashumanas,revelaaspectosdasociedadequecertosindivíduosougru- posseempenhamemocultar.Seessesindiduosegruposprocuramimpedir quedeterminadosatosefenômenossejamconhecidosdoblico,dealguma formaoesclarecimentodetaisfatospodeperturbarseusinteressesoumesmo concepções,explicaçõeseconvicções. Ora,umadaspreocupaçõesdaSociologiaéjustamenteformarindiduos autônomos,quesetransformemempensadoresindependentes,capazesdeanali- saronoticiário,asnovelasdatelevisão,osprogramasdodiaadiaeasentrevistas dasautoridades,percebendooqueseocultanosdiscursoseformandoopróprio pensamentoejulgamentosobreosfatos,ou,aindamaisimportante,quetenham acapacidadedefazerasprópriasperguntasparaalcançarumconhecimentomais precisodasociedadeàqualpertencem. Comobemlembrouosociólogoestaduni- denseCharlesWrightMills,aSociologiacontri- buitambémparadesenvolvernossaimaginação sociológica,isto
é,
acapacidadedeanalisarnos- sasvinciascotidianaseestabelecerasrelações entreelaseassituaçõesmaisamplasquenos condicionamenoslimitam,masquetambém explicamoqueacontececomnossavida. ParafraseandoofilósofoinglêsAlfredN. Whitehead,podemosdizerqueaSociologiatem porobjetivofazercomqueaspessoaspossamvereanalisarobosqueeasárvoresaomesmotempo.
81
.n
8
N
 
Aprodãosocialdoconhecimento
Todoconhecimentosedesenvolvesocialmente.Sequisermosconhecerecompreendercomopensavamaspessoasdedeterminadaépoca,precisamossaberemquemeiosocialelasviveram,poisopensamentodeumperíododahistóriaécriadopelosindivíduosemgruposouclasses,reagindoerespondendoasituaçõeshistóricasdeseutempo.Sequisermossaberporqueosindivíduos,gruposeclassespensamdede- terminadaforma,porqueexplicamasociedadedesteoudaquelepontodevista,precisaremosentendercomoosmembrosdessassociedadesseorganizarameseorganizamparasuprirsuasnecessidades,relacionar-seediscutirasquestõesque envolvemasrelaçõessociais,asnormas,osvalores,oscostumes,astradiçõeseareligiosidade.Ouseja,deveremosentendercomosãocriadasasinstituiçõessociais,políticaseeconômicasquepermitemcertaestabilidadesocial.Namaioriadassociedades,háindivíduosegruposquedefendemamanu- tençãodasituaçãoexistente,o
statuquo,
porqueesteatendeaseusinteresses.Assim,procuramapoiaredesenvolverformasdeexplicaçãodarealidadequejustifiquemanecessidadedeconservarasociedadetalcomoestá.pessoas,entretanto,quequeremmudarasituaçãoexistente,poisnãopensamqueasociedadeàqualpertenceméboaparaelaseparaosoutros.Taispessoasprocu- ramexplicararealidadesocialdestacandoosproblemasdelaeaspossibilidadesdemudançaparaumaformadeorganizaçãoqueasseguremaisigualdadeentreosindivíduos.Aquelesquequeremmanterasituaçãoexistentenormalmentesãoosquedetêmopodernasociedade;aquelesquelutamparamudá-Iasãoosqueestãoemsituaçãosubalterna.Alémdoconflitonocampopolíticoeeconômico,háumconflitodeideiasentreosdiferentesgrupossociais.Masasideiaseformasde conhecimentonuncaoradicalmenteopostas;elascoincidememalgunspontoseemoutrosnão,eéissoquemantémabertaapossibilidadedediálogo.
~~------------------~-----
2
(fJ
c:
~
}j
-e
o
}
:>
o
1ii
E
.s:
'"
:
ASociologiaéumadessasformasdeconhecimento,resultadodascondiçõessociais,econômicasepolíticasdotempoemquesedesenvolveu.Elanasceuemresposta
à
necessidadedeexplicareentenderastransformaçõesquecomeçaramaocorrernomundoocidentalentreofinaldoséculoXVIIIeoiníciodoséculoXIX,decorrentesdaemernciaedodesenvolvimentodasociedadecapitalista.
À
esquerda,chargeinglesade1848(autordesconhecido) satirizaalutadasmulheres pelaigualdadededireitos, especialmenteodireitoaovoto, sóconquistadoem1918;
à
direita,mulhervotanasprimeiraseleiçõesparlamentaresdoAfeganistãoem36anos,em2005.Apesarda obtençãododireitoaovoto,as afegãsenfrentamumasituação deprofundadesigualdadeem relãoaoshomens:sãoforçadas pelatradiçãoacobrirocorpoeorostocomaburcaeacasarpordeterminaçãodesuasfamílias.Aqueminteressamanteratradão?
o
estudodaSociologia
I
9

Activity (39)

You've already reviewed this. Edit your review.
1 hundred reads
1 thousand reads
tabataamaral liked this
Francisco Daniel liked this
Aline Magalhães liked this
Raphael Brun liked this
Jennifer Araújo liked this
Joao liked this

You're Reading a Free Preview

Download
/*********** DO NOT ALTER ANYTHING BELOW THIS LINE ! ************/ var s_code=s.t();if(s_code)document.write(s_code)//-->