Welcome to Scribd, the world's digital library. Read, publish, and share books and documents. See more ➡
Download
Standard view
Full view
of .
Add note
Save to My Library
Sync to mobile
Look up keyword
Like this
17Activity
×
0 of .
Results for:
No results containing your search query
P. 1
Prevenção e Controle de Perdas 2

Prevenção e Controle de Perdas 2

Ratings: (0)|Views: 4,074|Likes:
Published by Márcia Silva

More info:

Published by: Márcia Silva on Feb 29, 2012
Copyright:Attribution Non-commercial

Availability:

Read on Scribd mobile: iPhone, iPad and Android.
download as PDF, TXT or read online from Scribd
See More
See less

07/19/2013

pdf

text

original

 
REV. CÓDIGO DISCIPLINA C. HORARIA
A PCP PREVENÇÃO E CONTROLE DE PERDAS 20 / 5
..
ELABORADO POR REVISOR
Página 1 de 60
 
Marcio C. Alves Reg. RJ/003352.9 SSST/MTE Gabriel Santos Maciel
PREVENÇÃO E CONTROLE DE PERDAS
Apostila
SENAC CAMPO GRANDE
COTST
Coordenação do CursoTécnico de Segurançado Trabalho
 
Setor de
Técnico de Segurança do Trabalho e Higienista OcupacionalMarcio Carvalho Alves
Técnico de Segurança do Trabalho - Reg. RJ/003352.9 SSST/MTETécnico de Edificações e Seg. Trabalho – Reg. 1993102194 CREA RJConsultor Ambiental – Reg. 1717049 IBAMA
Tel.:
55 (21) 3658-2749
Cel.:
55 (21) 9705-5701
E-mail:
tst_alves@ou.com.broutst.alves@bol.com.br 
CONTROLE DE REVISÕES 
 
REV. D. DATA DESCRIÇÃO E / OU FOLHA ATINGIDAEXECÂO APROVAÇÃOA
00 / xxx / 00
BCDEFGHI
 
CÓDIGO / FINALIDADE DA REVISÃOEO
Emissão Original
PR
Preliminar
AP
Aprovado pelo Coordenador
RG
Revisão Geral
CT
Para Cotação
AT
Atualização
Normas X páginas
 
 
REV. CÓDIGO DISCIPLINA C. HORARIA
A PCP PREVENÇÃO E CONTROLE DE PERDAS 20 / 5
..
ELABORADO POR REVISOR
Página 2 de 60
 
Marcio C. Alves Reg. RJ/003352.9 SSST/MTE Gabriel Santos Maciel
SUMÁRIO
1.
 
INTRODUÇÃO
............................................................................................3
 
2.
 
CONCEITOS E DEFINIÇÕES
......................................................................4
 
3.
 
FUNDAMENTOS DA PREVENÇÃO E CONTROLE DE PERDAS
...................7
 
3.1.
 
Fundamentos do Controle de Perdas
............................................................................ 10
 
4.
 
TECNICAS DE IDENTIFICAÇÃO DE PERIGOS, ANÁLISE E AVALIAÇÃO DERISCOS
............................................................................................................ 14
 
4.1.
 
Identificando a Situação e Técnica ou Método a Ser Aplicado
...................................... 15
 
4.2.
 
Exemplos de Métodos de Análise de Riscos Utilizados na Prevenção de Acidentes
.... 15
 
4.2.1.
 
Métodos Gerais
........................................................................................................... 15
 
4.2.2.
 
Métodos Mais Detalhados
........................................................................................... 16
 
4.2.3.
 
Métodos de Árvores
.................................................................................................... 16
 
4.3.
 
Comparação Entre as Técnicas
..................................................................................... 17
 
5.
 
TÉCNICAS DE IDENTIFICAÇÃO DE PERIGOS
.......................................... 18
 
5.1.
 
TÉCNICAS DE INCIDENTES CRÍTICOS - TIC
.................................................................. 18
 
5.2.
 
WHAT-IF (WI) - (Que – se)
.............................................................................................. 19
 
5.3.
 
“BRAINSTORMING” (Juntando Idéias)
.......................................................................... 20
 
5.4.
 
ANÁLISE DA MISSÃO (AM)
............................................................................................ 24
 
5.5.
 
DIAGRAMAS E ANÁLISE DE FLUXO (DAF)
.................................................................... 24
 
5.6.
 
MAPEAMENTO (M)
......................................................................................................... 24
 
5.7.
 
ANÁLISE DO AMBIENTE (AA)
........................................................................................ 24
 
5.8.
 
ANÁLISE E REVISÃO DE CRITÉRIOS (ARC)
.................................................................. 24
 
5.9.
 
ANÁLISE DE COMPONENTES CRÍTICOS (ACC)
............................................................ 24
 
5.10.
 
ANÁLISE DE PROCEDIMENTOS (AP)
............................................................................ 24
 
5.11.
 
ANÁLISE DE CONTINGÊNCIAS (AC)
.............................................................................. 24
 
5.12.
 
“CHEK LIST” – Lista de Verificação
............................................................................... 24
 
5.12.1.
 
Aplicações
............................................................................................................... 25
 
5.12.2.
 
Pessoal Necessário
................................................................................................. 25
 
5.12.3.
 
Dados Necessários para Elaboração da Lista
.......................................................... 26
 
5.12.4.
 
Modelo de Lista de Verificação
................................................................................ 26
 
6.
 
TÉCNICAS DE ANÁLISE DE RISCOS
....................................................... 29
 
6.1.
 
ANÁLISE PRELIMINAR DE RISCOS (APR) – Preliminary Hazard Analysis (PHA)
.......... 29
 
Exemplo de Aplicação
.............................................................................................................. 31
 
6.2.
 
 
ANÁLISE DE MODOS DE FALHA E EFEITOS (AMFE) – Failure Modes and EffectsAnalysis (FMEA)
....................................................................................................................... 33
 
6.3.
 
ANÁLISE DE OPERABILIDADE DE PERIGOS – Hazard and Operability Studies (HAZOP)
36
 
7.
 
TÉCNICAS DE AVALIAÇÃO DE RISCOS
.................................................. 40
 
7.1.
 
ANÁLISE DE ÁRVORE DE EVENTOS (AAE) – Event Tree Analysis (ETA)
..................... 40
 
7.2.
 
ANÁLISE POR DIAGRAMA DE BLOCOS (ADB)
............................................................. 41
 
7.3.
 
ANÁLISE DE CAUSAS E CONSEQUÊNCIAS - ACC
........................................................ 42
 
7.4.
 
ANÁLISE DE ÁRVORE DE FALHAS (AAF) – Fault Tree Analysis (FTA)
......................... 43
 
7.5.
 
MANAGEMENTE OVERSIGHT AND RISK TREE - MORT
................................................ 55
 
7.6.
 
INDICES DOW e MOND
.................................................................................................. 56
 
7.7.
 
ANÁLISE COMPARATIVA
.............................................................................................. 57
 
7.8.
 
ANÁLISE PELA MATRIZ DE INTERAÇÕES
.................................................................... 57
 
7.9.
 
INSPAÇÃO PLANEJADA
................................................................................................ 57
 
7.10.
 
REGISTRO E ANÁLISE DE OCORRÊNCIAS - RAO
......................................................... 57
 
8.
 
BIBLIOGRAFIA
........................................................................................ 57
 
9.
 
QUETIONARIO
......................................................................................... 58
 
 __________ 
/INTRODUÇÃO
 
 
REV. CÓDIGO DISCIPLINA C. HORARIA
A PCP PREVENÇÃO E CONTROLE DE PERDAS 20 / 5
..
ELABORADO POR REVISOR
Página 3 de 60
 
Marcio C. Alves Reg. RJ/003352.9 SSST/MTE Gabriel Santos Maciel
1. INTRODUÇÃO
A utilização da Análise de Riscos, em atividades industriais ou não, tem como objetivo minimizar opotencial de ocorrência de acidentes, utilizando técnicas de prevenção e/ou de proteção.Com o desenvolvimento da era industrial pós-guerra e, principalmente, das indústrias químicas epetroquímicas, os potenciais de risco presentes em qualquer atividade industrial, sem dúvidanenhuma, aumentaram. Esses potenciais de risco aumentaram devido a natureza dos produtosquímicos utilizados, bem como pela sofisticação dos processos operacionais empregados, como porexemplo: pressões e temperaturas elevadas.Com o objetivo de apresentar os principais conceitos da metodologia de análise de risco paraaplicação dessas técnicas, o trabalho será subdividido em cinco partes:
Definições e conceitos;
Identificação de perigos;
Estimativa de freqüências de ocorrências de falhas;
Estudo de conseqüências/vulnerabilidade;
Avaliação de riscos e critérios de aceitabilidade.Nesse estudo se desenvolverá a metodologia de Análise de Risco de Processos, estabelecendo umaseqüência lógica, aplicando e discutindo todas as técnicas de segurança de processos. __________ 
/DEFINIÇÕES

You're Reading a Free Preview

Download
/*********** DO NOT ALTER ANYTHING BELOW THIS LINE ! ************/ var s_code=s.t();if(s_code)document.write(s_code)//-->