Welcome to Scribd, the world's digital library. Read, publish, and share books and documents. See more
Download
Standard view
Full view
of .
Look up keyword
Like this
13Activity
0 of .
Results for:
No results containing your search query
P. 1
Origens Da Bruxaria Wicca

Origens Da Bruxaria Wicca

Ratings: (0)|Views: 144|Likes:
Published by Quellen

More info:

Published by: Quellen on Dec 10, 2008
Copyright:Attribution Non-commercial

Availability:

Read on Scribd mobile: iPhone, iPad and Android.
download as DOC, PDF, TXT or read online from Scribd
See more
See less

09/09/2012

pdf

text

original

 
ORIGENS DA BRUXARIA WICCA
Falar em origem da bruxaria é o mesmo que retornar aos primórdios daHumanidade, quando os seres humanos começaram a despertar suapercepção para os mistérios da vida e da natureza. segundo os estudiosos daPré-História, a primeira demonstração de arte devocional foram as MADONASNEGRAS, encontradas em cavernas do período Neolítico. Portanto, as Deusasda Fertilidade foram os primeiros objetos de adoração dos povos primitivos.Da mesma forma que nossos antepassados se maravilharam ao ver a mulherdando a Luz a uma criança, todo o Universo deveria ter sido criado por umaGRANDE MÃE. Entre os povos que dependiam da caça, surgiu o culto ao Deusdos Animais e da Fertilidade, também conhecido como Deus de Chifres ouCornífero. Os chifres sempre representaram a fertilidade, coragem e todos osatributos positivos da energia masculina, representando também a ligaçãocom as energias smicas. Hoje a figura do Deus Cornífero é bastanteprobletica, pois, com o advento do Cristianismo, ele foi usado parapersonificar a figura do Diabo, entidade criada pelas religiões judaico-cristãs.Ele não é reconhecido e muito menos cultuado pelas Bruxas. O Diabo évenerado apenas pelo Satanismo, que é um culto Anti-Cristão. Como a nossareligião já existia muitos milhares de anos antes do Cristianismo, não temosnada a ver com o Diabo e os Satanistas.Existem vários ramos da Bruxaria, em diversas partes do mundo, masaqui, estamos nos ocupando da Wicca. Ela surgiu no período Neolítico, emvárias regiões da Europa, onde hoje se localiza a Irlanda, Inglaterra, País deGales, Escócia, indo até o Sudoeste da Itália e a região da Britânia na França.Quando os Celtas invadiram a Europa, quase mil anos antes de Cristo,trouxeram suas próprias crenças, que, ao se misturarem às crenças dapopulação local, originaram o sistema que deu nascimento à Wicca. Com arápida expansão desse povo, ela foi levada para regiões onde se encontramPortugal, Espanha e Turquia. Embora a Wicca tenha se firmado entre osCeltas, é importante lembrar que a bruxaria é anterior a eles! Mas como essepovo foi o mantenedor da tradão, é importante que conhamos, pelomenos, o rudimento de seu pensamento e cultura. O Panteão Celta, ou seja, oconjunto de Deuses e Deusas dessa cultura é hoje o mais utilizado nos rituaisda Wicca, embora possamos trabalhar com qualquer Panteão, desde queconhamos o simbolismo correto, e o misturemos os Panteões nummesmo ritual.A sociedade Celta era Matrifocal, isto é, o nome e os bens da família erampassados de mãe para filha. Homens e mulheres tenham os mesmo direitos,sendo a mulher respeitada como Sacerdotisa, e, esposa e guerreira,participando das lutas ao lado dos homens. O culto da Grande Mãe e do DeusCornífero predominaram nas regiões da Europa dominadas pelos Celtas, até achegada dos romanos, que praticamente dizimaram as tribos Celtas, quenessa época já estavam sendo dominadas pelos Druidas, que representavamuma introdução ao patriarcalismo.Porém, em muitos lugares, a religião da Grande Mãe continuou a serpraticada, pois havia certa tolerância por parte dos romanos, chegando certosramos da Wicca a incorporar elementos do Panteão Greco-Romano,especialmente na Bruxaria Italiana.
1
 
Foi somente na Idade Média que a Bruxaria foi relegada às sombras com odomínio da Igreja Católica e a criação da Inquisição, cujo objetivo era eliminarde vez as antigas crenças, que eram uma ameaça a um clero muito maispreocupado em acumular bens e riquezas do que a propagar a verdadeiramensagem de Jesus.Se fôssemos descrever essa época infame, em que milhões de pessoas,em sua maioria mulheres, foram perseguidas, torturadas e assassinadas pelaInquisição, com certeza, escreveríamos um livro com milhares de páginas,mas este não é o nosso objetivo. Muitas das vítimas da Inquisição não eramBruxas, e sim, pessoas com problemas de saúde, doenças mentais,deficiências físicas ou somente o alvo da suspeita e inveja do povo. Tambémera comum se acusar pessoas para tomar seus bens, pois esses eramdivididos entre os inquisidores. Durante o tempo das fogueiras, o medo fezcom que muitas de nós permanecêssemos no anonimato para res-guardarmosnossa vidas e nossa falias. Muitos dos conhecimentos passaram a sertransmitidos oralmente, por medida de segurança, e, assim, muito se perdeu.Por isso, não é correto dizer que a Wicca de hoje é a mesma de séculosats. No presente, um grupo de pessoas abnegadas e corajosas esredescobrindo e recriando a Nova Bruxaria ou Neo Paganismo, como tambémé conhecido. Eu recomendo que se leia alguns livros dado na bibliografia, paraum conhecimento mais profundo da história, e que se pesquise outras formasda bruxaria além da Wicca, pois todas essa formas o derivadas doXamanismo Primitivo, e só poderão enriquecer o nosso trabalho.AS DEUSAS E OS DEUSES NA WICCAPara a Wicca, existe um Princípio Criador, que não tem nome e está alémde todas as definições. Desse princípio, surgiram as duas grandes polaridades,que deram origem ao Universo e a todas as formas de vida.Princípio Feminino ou Grande MãeA Grande Mãe representa a Energia Universal Geradora, o Útero de TodaCriação. É associada aos mistérios da Lua, da Intuição, da Noite, da Escuridãoe da Receptividade. É o inconsciente, o lado escuro da mente que deve serdesvendado. A Lua nos mostra sempre uma face nova a cada sete dias, masnunca morre, representando os mistérios da Vida Eterna. Na Wicca, a Deusase mostra com três faces: a Virgem, a Mãe e a Velha Sábia, sendo que estaúltima ficou mais relacionada à Bruxa na Imaginação popular. A Deusa Tríplicemostra os mistérios mais profundos da energia feminina, o poder damenstruação na mulher, e é também a contraparte Feminina presente emtodos os homens, tão reprimida pela cultura patriarcal!Princípio Masculino ou Deus CorníferoDa mesma forma que toda luz nasce da escuridão, o Deus, símbolo solarda energia masculina, nasceu da Deusa, sendo seu complemento, e trazendoem si os atributos da coragem, pensamento gico, fertilidade, saúde ealegria. Da mesma forma que o sol nasce e se põe, todos os dias, o Deus nosmostra os mistérios de Morte e do Renascimento. Na Wicca, o Deus nasce daGrande Mãe, cresce, se torna adulto, apaixona-se pela Deusa Virgem, eles
2
 
fazem amor, a Deusa fica grávida, o Deus morre no inverno e renascenovamente, fechando o ciclo do renascimento, que coincide com os ciclos daNatureza, e mostra os ciclos da nossa própria vida. Para alguns, pode parecermeio incestuoso que o Deus seja filho e amante da Deusa, mas é precisoperceber p verdadeiro simbolismo do mito, pois do útero da Deusa todas ascoisas vieram, e, para ele, tudo retornará. E, se pensarmos bem, as mulheressempre foram mães de todos os homens, pelo seu poder de promover orenascimento espiritual do ser amado e de toda a Humanidade. Quandodiscutirmos a Roda do Ano, esses conceitos serão novamente explicados naparte dos rituais.Mas o sentido profundo do simbolismo na Bruxaria só pode serverdadeiramente entendido através da meditação e do contato intuitivo com aenergia dos Deuses. Texto retirado de:AS BRUXAS DO BRASIL - CURSO WICCA PARABRASILEIROS - MICAELA ELGEL
 
O que é a Wicca?
Wicca (nome alternativo para a arte da feitiçaria moderna)
 
é uma religião denatureza xamanística, positiva, com duas deidades maiores reverenciadas eadoradas em seus ritos: A
 
 Deusa (o aspecto feminino e deidade ligada à antiga Deusa Mãe
 
em seu aspecto triplo de Virgem, Mãe e Anciã.) e sou consorte, o
 
 DeusCornífero (o aspecto masculino). Seus nomes variam de
 
uma tradição wiccaniana para outra, e algumas utilizam-se de
 
outros panteões para representar várias facese estados de
 
ambos os Deuses.
 
 Freqüentemente, Wicca inclui a prática de várias formas de
 
 Alta Magia(geralmente com propósitos de cura psíquica ou
 
 física, neutralização denegatividade e crescimento espiritual) e
 
ritos para a harmonização pessoal com oritmo natural das
 
 forças da vida marcadas pelas fases da lua e pelas quatroestações do ano.
 
Wicca (que também é conhecida como "Arte dos Sábios",
 
ou, muitas vezes, somente como "A Arte") é considerada por 
 
muitos uma religião panteísta, politeístae faz parte de um ressurgimento atual do paganismo, ou movimento neopagão,como muitos preferem chamar.
 
 A maioria dos pagãos parece concordar com várias dessas
 
crenças comumente sustentados:
 
1 -
A divindade é imanente ou interna, bem como transcendente
 
ou externa. Issoé expresso com freqüência nas frases: "Tu ás
 
 Deus" e "Tu és Deusa". Isso pretenderepresentar que os
 
 Deuses tanto estão no Universo, no Planeta, quanto dentro de
 
cada um de nós. Nós somos manifestações dos Deuses.
 3

Activity (13)

You've already reviewed this. Edit your review.
1 hundred reads
ygautreau liked this
ygautreau liked this
web200 liked this
Samara Martinez liked this
SusaSusySus liked this
mbagalho liked this
vandyh liked this

You're Reading a Free Preview

Download
scribd
/*********** DO NOT ALTER ANYTHING BELOW THIS LINE ! ************/ var s_code=s.t();if(s_code)document.write(s_code)//-->