Welcome to Scribd, the world's digital library. Read, publish, and share books and documents. See more
Download
Standard view
Full view
of .
Save to My Library
Look up keyword
Like this
71Activity
0 of .
Results for:
No results containing your search query
P. 1
Apontamentos de Ciência Política

Apontamentos de Ciência Política

Ratings:

4.0

(1)
|Views: 8,702 |Likes:
Published by lena_rbr4237
Resumo chave de alguns conceitos da disciplina de Introdução à Ciência Política do Curso de Ciências Sociais
Resumo chave de alguns conceitos da disciplina de Introdução à Ciência Política do Curso de Ciências Sociais

More info:

Published by: lena_rbr4237 on Dec 13, 2008
Copyright:Attribution Non-commercial

Availability:

Read on Scribd mobile: iPhone, iPad and Android.
download as PDF, TXT or read online from Scribd
See more
See less

08/13/2013

pdf

text

original

 
 Introdução à Ciência Política LenaR – 2007-2008
1
 
A
ciência política
é a disciplina, na actualidade, que se ocupa do estudo dos problemas doEstado e do poder político, através da observação dos factos e da sua explicação.
 
A
Ciência Política
divide-se em
2 ramos
:
Ciência Política Interna
ou do Estado e
CiênciaPolítica Internacional
.
 
A
ciência política
deve incluir sempre
3 dimensões de análise
do estudo do poder ousistema político:
Forma
(como se apresenta);
Sede
(onde reside);
Ideologia
(forma deactuação).
 
Na
óptica da Ciencia Política
, o
Parlamento
pode definir-se como a assembleia ou sistemaassembleias articuladas para o exercício de funções legislativas, de fiscalização do executivoe da administração pública, assentes na legitimidade da representação política decorrente deeleições competitivas.
 
A
classificação
dos
sistemas
 
de
 
partidos
em: sistemas de partido único, partidohegemónico, bipartidarismo, pluralismo e atomização deve-se a G.
Sartori
.
 
Para Giovanni
Sartori
um
partido político
“é qualquer grupo político identificado por umaetiqueta oficial que se apresenta a eleições e pode fazer eleger, em eleições livres ou não,candidatos a cargos públicos.”.
 
Segundo
Sartori
, para que um
sistema
seja
multipartidário
é necessário que nenhumpartido se aproxime, ou que mantenha, a maioria absoluta.
 
O conceito de partido “
catch-all-party
” é atribuído a
Otto Kircheimer
.
 
A
teoria da circulação das elites
é atribuída a Vilfredo
Pareto
.
 
De acordo com
Maurice Duverger
, o escrutínio
maioritário a duas voltas
promovealianças eleitorais em
ambiente multipartidário
.
 
De acordo com
Maurice Duverger
a representação proporcional tende a gerar sistemasmultipartidários.
 
De acordo com
Maurice Duverger
, o
escrutínio maioritário a uma volta
tende para odualismo partidário.
 
Quando
Maurice Duverger
chamou ao Senado francês a “
câmara da agricultura
” referia-se a uma segunda câmara composta tendo em conta a representação das regiões,departamentos e comunas.
 
De acordo com
Lijphart
os
parlamentos híbridos
” correspondem a orgãos legislativoseleitos unitariamente, cindindo-se depois em duas câmaras distintas.
 
Em regra, de acordo com
Lijphart
, as dimensões dos países e o federalismo estão,claramente, relacionados com o bicamaralismo.
 
Loewenstein
afirma que a
separação de poderes
“não é senão a forma clássica de expressara necessidade de distribuir e controlar respectivamente o exercício do poder político”.
 
De acordo com
Norberto Bobbio
, a
teoria da separação dos poderes
pode, na interpretaçãomoderna, assemelhar-se à
teoria clássica do governo misto
.
 
 Introdução à Ciência Política LenaR – 2007-2008
2
 
A distinção entre um
sentido fraco
e um
sentido forte de ideologia
deve-se a
NorbertoBobbio
.
 
O
índice de desproporcionalidade de Douglas Rae
calcula-se considerando o valorabsoluto da diferença entre a % de votos e a % de mandatos de cada partido que recebeu pelomenos 1,5% dos votos e, em seguida, determina-se a média.
 
De acordo com
Friedrich Tonnies
a noção de
sociedade
corresponde ao resultado daracionalidade assumida de forma consciente, de uma vontade deliberada dos seus membrossem que existam laços reais entre eles.
 
De acordo com
Friedrich Tonnies
a noção de
comunidade
corresponde ao resultado desentimentos afectivos e de pertença que conduzem à participação espontânea numa vontadeorgânica.
 
De acordo com
Joseph
 
Palombara
e
Weiner
um
partido
constitui uma
organizaçãodurável
, com implantação local alargada, com vontade deliberada de exercer o poder e queprocura o apoio popular.
 
Sistema de
partido rígido
– forte coesão interna, desempenhando um papel central nofuncionamento dos sistemas políticos.
 
Sistema de
partido maleável
– com uma estrutura menos coesa e mais débil, sendo frequentea não disciplina de voto, e não desempenhando, por vezes, um papel central nofuncionamento dos sistemas políticos.
 
Palombara
identifica a “
classe política
” como “uma proporção relativamente diminuta dapopulação, cujas opiniões e actos de participação têm mais importância, politicamente, doque o resto da população”.
 
José Miguel Júdice
o conceito de “
classe política
” deve passar a abranger dirigentes degrupos de interesse, bem como outras estruturas de representação sectorial ou não política nosentido clássico tal como os sindicatos e associações patronais.
 
A expressão “
classe
 
política
” deve-se a
Gaetano Mosca
.
 
Leon Duguit
destaca-se entre os autores que defendem a
concepção mista de Nação
.
 
De acordo com
Max Weber
o
campo político
”, em sentido restrito
distingue-se
do
campo administrativo
” porque respeita ao exercício da violência legítima.
 
Karl Marx
defendeu que as ideologias seriam uma falsa consciência das relações dedominação de classe.
 
Do ponto de vista do objecto, a
opinião pública
deve ser qualificada em primeiro lugar porrespeitar à esfera do poder político, visando influenciá-lo ou conquistá-lo.
 
A
opinião pública
, mais do que uma colecção de “opiniões individuais”, tem de serqualificada de acordo com o seu objecto (assuntos que versa) tendo em conta o(s) grupo(s)social(ais) que a(s) partilha(m).
 
A
opinião pública
não é a opinião de um pequeno grupo, mas a opinião dominante,caracterizada pelo anonimato e a natureza estatística da sua manifestação.
 
 Introdução à Ciência Política LenaR – 2007-2008
3
 
Há muito menos emissores de opinião do que receptores.
 
Embora a
opinião pública
não seja uma realidade abstracta, o público é uma assembleiaabstracta de cidadãos que recebem as suas impressões dos meios de comunicação de massa.
 
Segundo
Pierre Ansart
“[a
opinião pública
] é sem cessar trabalhada, modelada, por essaempresa gigantesca de inculcação, conduzida, permanentemente, por todos os orgãos dedifusão”.
 
Marketing político
” “conjunto de teorias e métodos de que podem servir-se asorganizações políticas e os poderes políticos, simultaneamente, para definir os seusobjectivos e os seus programas e para influenciar os comportamentos dos cidadãos”.
 
Intervalo técnico de confiança
é o valor máximo e mínimo, entre o qual oscila umadeterminada tendência da opinião pública.
 
Na acepção de
Max Weber
, as
bases de legitimidade
pode analisar-se no
âmbito
:
 
dopoder tradicional
(deve-se respeito ao poder consagrado pela tradição e a quem o detém);
 
do poder local
(são legais as normas do regime estabelecidas racionalmente);
 
do podercarismático
(assenta nas qualidades reais ou imaginárias atribuídas a um chefe).
 
Do ponto de vista social a
ideia de legitimidade
corresponde ao poder que se faz aceitar ouque não seja contestado pela maioria dos cidadãos, seja qual for a razão em que esse facto sefundamente.
 
Legitimidade
são as razões que são apresentadas pelo poder político para levar a que sejaaceite e que a sua vontade seja acatada.
 
A
legitimidade
de todas as
formas de governo
depende da conformidade de critérios,objectivos e valores aceites na comunidade.
 
A análise da sede efectiva do poder do ponto de vista da sua repartição horizontal reserva-seo conceito de
Sede do Poder
.
 
Para
Adriano Moreira
os
sistemas parlamentares
ou mistos parlamentar/presidencialacabaram por se converter em “sistemas de predominância governamental” ou de“presidencialismo de primeiro-ministro”.
 
Para
Freidrich Koja
, os
deputados
que representam o partido político no Parlamento “estãodependentes dos seus partidos de múltiplas facções e encontram-se subordinados senão a umadisciplina de voto, pelo menos a uma estrita solidariedade”.
 
Para
Adriano Moreira
“o
grupo parlamentar
deixou de ser a expressão de uma opiniãoindividual (...) para ser com frequência a expressão do acordo que as negociações entre ospartidos, fora do Parlamento, conduziram (...) a disciplina de voto pode ser rígida ou flexível,mas é geral”.
 
Segundo
Maria Rosa Rippollés Serrano
, a realidade e o poder dos Grupos Parlamentaresnos Parlamentos vão colocar-nos perante “a existência de deputados “empresários” edeputados “peões (...) senhores e vassalos”.
 
A
concepção objectiva de Nação
assenta na identificação a partir de distinções no seio daespécie humana de natureza racial ou étnica.

Activity (71)

You've already reviewed this. Edit your review.
1 hundred reads
1 thousand reads
Dora Filipe liked this
politica e a arte de governa
Nadia Carimo liked this
Isabel Pereira liked this
veraprtgl liked this
antoniodepadua47 liked this
Sasa liked this
Raquel Sousa liked this

You're Reading a Free Preview

Download
/*********** DO NOT ALTER ANYTHING BELOW THIS LINE ! ************/ var s_code=s.t();if(s_code)document.write(s_code)//-->