Welcome to Scribd, the world's digital library. Read, publish, and share books and documents. See more
Download
Standard view
Full view
of .
Save to My Library
Look up keyword
Like this
4Activity
0 of .
Results for:
No results containing your search query
P. 1
Independencia de Zimbabwe

Independencia de Zimbabwe

Ratings: (0)|Views: 1,313 |Likes:

More info:

Categories:Types, Research, History
Published by: Walter Francisco Vemba on Jun 19, 2012
Copyright:Attribution Non-commercial

Availability:

Read on Scribd mobile: iPhone, iPad and Android.
download as DOCX, PDF, TXT or read online from Scribd
See more
See less

05/21/2013

pdf

text

original

 
Os antecedentes da independência
O actual território do Zimbabwe começou a ser colonizado pelos britânicos no final do séculoXIX. A população local, constituída por shonas e ndebeles, insurgem-se mas sem sucesso.A partir dos anos 30 do século XX começa a crescer a oposição dos negros e nos anos 60surgem os movimentos guerrilheiros nacionalistas, o ZAPU (União do Povo Africano doZimbabwe) de Joshua Nkomo, e o ZANU (União Nacional Africana do Zimbabwe) de RobertMugabe.Em 1953 o Reino Unido ensaia uma federação constituída pela Rodésia do Sul (actualZimbabwe), Rodésia do Norte (actual Zâmbia) e Nyasaland (actual Malawi). A Federação daÁfrica Central veio a desmembrar-se passados dez anos, na sequência da independência daZâmbia e do Malawi. A Rodésia do Sul passaria a chamar-se só Rodésia.Em 1965 a minoria branca liderada por Ian Smith declara unilateralmente a independência. OReino Unido opõe-se (assim como a comunidade internacional) e exige direito de voto para apopulação negra, largamente maioritária. O território é alvo de sanções económicas dasNações Unidas.Nos anos 70 a acção da guerrilha intensifica-se e em 1980 realizam-se eleições, ganhas porRobert Mugabe. A independência é declara e reconhecida internacionalmente a 18 de Abril domesmo ano.
 
 
Zimbabwe
O
Zimbabwe
(doxona
 Zimbabwe
,"CasadePedra") é umpaísdaÁfrica Austral,  anteriormente designadoRodésia do Sule depois simplesmenteRodésia.É limitado a norte pelaZâmbia,a norte e a leste porMoçambique,a sul pelaÁfrica do Sule a sul e oeste peloBotswana.SuacapitaléHarare.  O Zimbabwe tinha, em2003umapopulaçãode 12 576 742 habitantes, correspondente a umadensidade populacionalde 32 hab/km².A maioria da população é de origembanto.Os grupos principais são osshonas,  fundadores do primeiro Estado da região, e osndebeles,de origemzulu,chegados no século XIX. A maioria da população pratica cultos tradicionais africanos, mas aIgreja Anglicanaé adenominação cristã mais difundida.As línguas oficiais do Zimbabwe são oinglêse asLínguas bantu,shonaendebele. 
 
 
Historia
No final do século XIX, os ingleses, dirigidos porCecil Rhodes,começaram a colonizara região com o objetivo de mineração. A riqueza da terra atraiu muitos europeus,ficando a população branca a dominar o país. Em 1921, a colónia autônoma seproclamou comoRodésia do Sul.Em 1953, o Reino Unido, temeroso da maioria negra,criou aFederação da Rodésia e Niassalândia,composta pelaRodésia do Norte(atual Zâmbia), Rodésia do Sul (hoje Zimbábue) e aNiassalândia(atualMalauí). Em 1964, o Reino Unido concedeu a independência à Rodésia do Norte, com o nome deZâmbia. Mas a Rodésia do Sul se recusou, a menos que fossem dadas garantias de que o governoseria eleito pelo sufrágio universal. Um ano depois, o primeiro-ministro da Rodésia doSul,Ian Smith,declarou unilateralmente a independência em 11 de novembro de 1965 epromulgou uma nova constituição através da qual o país adotava o nome de Repúblicada Rodésia. Mas a independência só foi reconhecida quinze anos depois, em 18 de abrilde 1980, com o nome de Zimbábue.Em 1969, uma minoria branca votou em um referendo a favor da república como formade governo, a qual só foi declarada no ano seguinte, embora não tenha sido reconhecidanem peloReino Unidonem pelaONU.Em seguida, começou um conflito sangrento que durou mais de uma década. Em 1979, acordou-se uma trégua (Acordo de LancasterHouse) e, após um ano, a maioria negra pôde votar e ser votada pela primeira vez emeleições, sendo eleito primeiro-ministro o moderado bispo Abel Muzorewa, que batizouo país sob o nome de Zimbábue-Rodésia. Muzorewa concordou em uma transição,através de um governador britânico, até a realização de eleições no ano seguinte. Apartir daí, oReino Unidoe aONUreconheceram a independência do Zimbábue, que já havia sido declarada quinze anos antes. AUnião Nacional Africana do Zimbabwe(ZANU) ganhou as eleições.Em 12 de agosto de 1984, o ZANU procurou estabelecer um estado socialista. Doisanos depois, Mugabe anunciou medidas para reprimir os lugares ocupados por brancosna assembleia. Em 2 de dezembro de 1987,Robert Mugabefoi nomeado como oprimeiro chefe executivo do Zimbábue. Mugabe foi reeleito em março de 1990. Em1991, o ZANU oficialmente abandonou seus ideais socialistas, mas promoveu umreforma agrária que serviu para estatizar grandes propriedades dos brancos. A formacomo foi feita a expropriação tem sido frequentemente considerada controversa, devidoà violência empregada para ocupar tais propriedades. Diferentes organizaçõesinternacionais, grupos independentes de direitos humanos e o partido político maior deoposição, oMovimento para a Mudança Democrática,reclamaram sobre a falta detransparência no sistema de redistribuição das terras. Robert Mugabe continua no poder,desde 1981. Nas eleições sucessivas desde 1996, a contagem dos votos têm geradodúvidas na oposição, tanto a nível interno quanto externo. O governo de Mugabeenfrenta uma crescente oposição, dada a crise econômica no país. O governo acreditaque a pressão ocidental sobre Mugabe tem sido o resultado do crescimento das relaçõeseconómicas com aRepública Popular da Chinae a disputa entre aRepública Popular da Chinae osEstados Unidosquanto aos recursos minerais do subsolo do Zimbábue.

Activity (4)

You've already reviewed this. Edit your review.
1 hundred reads
1 thousand reads
Jorge Muchacuar liked this
Ellen CM liked this

You're Reading a Free Preview

Download
/*********** DO NOT ALTER ANYTHING BELOW THIS LINE ! ************/ var s_code=s.t();if(s_code)document.write(s_code)//-->