Welcome to Scribd, the world's digital library. Read, publish, and share books and documents. See more
Download
Standard view
Full view
of .
Save to My Library
Look up keyword
Like this
3Activity
0 of .
Results for:
No results containing your search query
P. 1
Direito Empresarial - sociedade limitada e sociedade anônima

Direito Empresarial - sociedade limitada e sociedade anônima

Ratings: (0)|Views: 235 |Likes:

More info:

Categories:Types, Research, Law
Published by: Tássia Sequetto Angelo on Jun 19, 2012
Copyright:Attribution Non-commercial

Availability:

Read on Scribd mobile: iPhone, iPad and Android.
download as DOC, PDF, TXT or read online from Scribd
See more
See less

08/04/2012

pdf

text

original

 
Direito EmpresarialSociedade Limitada1.Noções
Origem: - Direito Alemão (1892)- Brasil
Características: Limitação da responsabilidade dos sóciosaresponsabilidade de cada cio é restrita ao valor de suasquotas, mas todos respondem solidariamente pelaintegralização do capital social.O que deve conter: Art. 997 CC- perante a sociedade- perante terceiros
Número de sócios:- dois ou mais: constituído mediante contrato social. Caso fiqueapenas um sócio, este poderá ficar até 180 dias sozinho, e,neste prazo arrumar um novo sócio ou requerer suatransferência para empresa individual ou eireli.- não há sócio prestador de serviços: diferente da sociedadesimples, na LTDA o cio prestador de servos, eleobrigatoriamente deverá entrar com o capital social.
Nome empresarial- firma: Nome de 1 ou mais sócios + LTDA- denominação
;
qualquer expressão linguística + indicação doobjeto social + vinculo social + LTDA.2.Constituição da sociedade:ocorre com a assinatura do contrato social- Contrato Plurilateral (contrato social)no contrato plurilateral duas oumais pessoas se unem com um mesmo objetivo e não hácontraprestação.
 
2.1.Alteração do contrato:Deverá ser arquivada qualquer alteraçãona junta comercial, se o houver alteração na junta, essasalterações não terão efeito perante terceiros.
Regra de ¾ do capital social: a regra é que para alterar ocontrato, deve-se haver a aprovação de ¾ do capital social.
Exceções:- Designão de administrador não cio. Art. 1061:se ocontrato permitir administrador o cio, a escolha deledependerá da aprovação da unanimidade dos sócios, enquantoo capital não estiver integralizado, e de 2/3 após aintegralização.- Destituição do administrador nomeado no contrato. Art. 1063 §1º.:o sócio administrador só poderá ser destituído (demitido)com a aprovação de 2/3 do capital social.- Exclusão extrajudicial do sócio. Art. 1085:a maioria dos sócios(51%) entender que um ou mais cios Poe em risco acontinuidade da empresa, poderá excluí-los da sociedade,mediante alteração no contrato social, mas somente porexclusão por justa causa. Somente poderá ser determinada aexclusão em assembleia ou reunião.3.Regime jurídico:
CC: - LTDA/ Subsidiário: Soc. Simples
CC: - LTDA/ Lei das S/A’s
Analogia
Natureza jurídica da LTDA:Sociedade de pessoas. “Affectiosocietatis”4.Diferenças entre simples e LTDAMATÉRIASIMPLESLTDAConstituição doCapital SocialEmite-se aintegralização decotas com prestaçãode serviços. Art. 1006CCÉ vedada acontribuição dossócios apenas comprestação de serviços.Art. 1055 § 2º. CCCessão de cotasDepende doconsentimento detodos os cios. Art.1003 CCNa omissão docontrato o sócio podevendê-las à quem sejacio, independenteda anuência dosoutros, ou mesmo aestranhos, desde que
 
não haja oposição demais de 25% docapital social. Art.1057 CCAdministração daSociedadeDeverá ser realizadapor sócio pessoasica (natural). Art.997 CCCompete a cio ouo cio, conformecontrato. Art. 1061Destituição doadministradorA destituição do sócioadministradornomeado no contratodepende de decio judicial. Art. 1091Ocorrerá a qualquertempo, dependendo,se o administrador forcio, de aprovaçãode 2/3 do capital. Art.1063 §1º. CCDeliberação dossóciosExige-se unanimidadeou maioria absoluta.Art. 999 CCSerão tomadas por ¾do capital, maioria docapital ou maioria dospresentes (Art. 1076),dependendo deassembleia se onumero de sócios formaior que 10. Art.1072 § 1º. CCExclusão do sócio A alegação de faltagrave dependerásempre de decisão judicial. Art. 1030 CCHavendo previsãocontratual, ominoririo pode serexcluído por justacausa. Art. 1085 CC5.A cota social
Conceito:
Divisibilidade:o capital social divide-se em quotas iguais oudesiguais, cabendo uma ou diversas a cada sócio. Conforme o§1º, os sócios vão responder solidariamente pelo prazo de 5anos a exata estimação dos bens conferidos ao capital social.- Condomínio de Cotas:duas pessoas podem ser proprietárias damesma quota. Ex: se um sócio morre e não deixa inventarioconcluído para A,B e C, há o condomínio de cotas.- Indivisibilidade perante a sociedade Art. 1056:salvo para efeitode transferência, conforme o Art. 1057.
Natureza jurídica- Direito patrimonial:direito de credito contra a sociedade.- Direito Pessoal:através das cotas que os sócios mantém seuvinculo pessoal.

You're Reading a Free Preview

Download
/*********** DO NOT ALTER ANYTHING BELOW THIS LINE ! ************/ var s_code=s.t();if(s_code)document.write(s_code)//-->