Welcome to Scribd, the world's digital library. Read, publish, and share books and documents. See more
Download
Standard view
Full view
of .
Look up keyword
Like this
36Activity
0 of .
Results for:
No results containing your search query
P. 1
Gerenciamento Da Rotina Falconi

Gerenciamento Da Rotina Falconi

Ratings: (0)|Views: 7,509 |Likes:
Published by teofiloj_6
Artigo sobre a aplicação do gerenciamento da rotina no estilo japones
Artigo sobre a aplicação do gerenciamento da rotina no estilo japones

More info:

Published by: teofiloj_6 on Jun 21, 2012
Copyright:Attribution Non-commercial

Availability:

Read on Scribd mobile: iPhone, iPad and Android.
download as DOC, PDF, TXT or read online from Scribd
See more
See less

08/13/2013

pdf

text

original

 
Gerenciamento da Rotina do dia-a-diaDEFINIÇÃO
Em todos os segmentos da nossa sociedade, a sobrevivência das organizações está condicionada a suacapacidade de produzir resultados que atendam as necessidades de seus clientes de uma maneira superior aos seus concorrentes.Gerar estes resultados significa atingir metas cada vez mais desafiadoras em função do ambiente competitivono qual estamos situados. Nas organizações, a capacidade de atingir metas está diretamente relacionada coma eficiência e a eficácia do desempenho das FUNÇÕES GERENCIAIS.Entretanto, em qualquer organização, a grande maioria das pessoas consome a maior parte do seu tempotrabalhando em FUNÇÕES OPERACIONAIS. Quando o desempenho das funções operacionais não éadequado, é muito difícil que as funções gerenciais possam produzir resultados eficazes.Para tanto, é necessário tomar providências para que as pessoas, ao exercerem suas funções operacionais,sejam as melhores do mundo naquilo que fazem. É necessário desenvolver o GERENCIAMENTO DAROTINA DO DIA-A-DIA (GRD).O Gerenciamento da Rotina do Dia-a-Dia (GRD) é a metodologia adequada para habilitar as pessoas daempresa na obtenção e manutenção dos melhores resultados de desempenho nos processos pelos quais sãoresponsáveis, nos aspectos qualidade, custo, entrega, segurança e meio ambiente.
FORMA DE IMPLANTAÇÃO
 A forma de implantação para o desenvolvimento do GRD nas organizações é a de projetos constituídos deTreinamento e Orientação Técnica.O Treinamento destina-se à capacitação dos funcionários na utilização do método e das ferramentasgerenciais. A Orientação Técnica é destinada à preparação e orientação das pessoas para a utilização do método PDCAna melhoria e na manutenção de resultados, visando a eficiência e eficácia no desempenho das funçõesoperacionais. A metodologia é implementada a partir da definição de "metas" de melhoria dos resultados dos processosconsiderados prioritários pela empresa.Os métodos e as técnicas do Gerenciamento da Rotina do Dia-a-Dia (GRD) são repassados às pessoasenvolvidas por meio de atividades de Treinamento no trabalho, realizado pelos consultores.
VANTAGENS
Do ponto de vista da competitividade, além dos ganhosreais de qualidade, custo e produtividade, a organizaçãotambém passa a contar com uma equipe capacitadapara responder aos desafios por novos resultados por meio do aumento da sua capacidade de análise e desolução de problemas em função do uso adequado deferramentas gerenciais e do método do PDCA
SISTEMA DE GESTÃO
O Gerenciamento da Rotina do Dia-a-Dia estálocalizado na base do Sistema de Gestão, organizandoos esforços de melhoria e de manutenção deresultados, proporcionando a geração dos produtos soba forma de bens ou de serviços que irão caracterizar osresultados da organização(Ver figura 1)Figura 1 – Sistema de Gestão
 
METODOLOGIA
ESFORÇOS DE MELHORIA COM FOCO EM RESULTADOS
Foco em Resultados significa sobrevivência e excelência para qualquer organização. Mas, focar emresultados significa também conhecer as NECESSIDADES e expectativas dos clientes. Somente a partir destacompreensão é possível estabelecer corretamente as METAS sobre os produtos e AÇÕES DE MELHORIAsobre os recursos disponíveis dentro da organização.Neste sentido, o erro mais freqüente que se comete é o de se confundir meios com fins. O que o empresárioou dirigente de uma entidade pública está procurando é unicamente "melhorar os resultados de suaorganização", e isto é fim. Para isto, ele precisa melhorar os métodos de gestão, e isto é meio. Não podemosperder de modo nenhum a visão de que todas as ações têm que estar sempre visando um fim, um objetivo,um resultado.Existem inúmeros casos de organizações que implantaram programas de treinamento, programas depadronização ou grupos de melhoria sem objetivos bem definidos. Houve um momento inicial de euforia elogo depois os programas se esvaziaram. Por quê? Porque nunca se pode ter como objetivo "implantar umprograma de treinamento" ou "implantar um Programa 5S". Isto é foco nos meios e não foco em resultados.Padronização e Treinamento são meios para se atingir algum fim, algum resultado. Se não forem claros quaissão os objetivos desses programas, quais resultados se quer atingir, quais são as metas, o fracasso dessasiniciativas é só questão de tempo, deixando um rastro de frustração e um prejuízo financeiro às vezesrazoável.O Foco em Resultados contribui para a racionalização e otimização dos processos. Determina que esforçosinternos que não contribuem para atingimento das metas sejam descartados, uma vez que não contribuempara aumentar a aceitação dos produtos pelos clientes e, conseqüentemente, para a sobrevivência daorganização.
PADRONIZAÇÃO DO TRABALHO
 A Padronização do Trabalho tem por finalidade indicar a meta e os procedimentos na execução das funçõesoperacionais, de tal maneira que cada pessoa tenha condições de assumir a responsabilidade pelosresultados do próprio trabalho. O padrão é o próprio planejamento do trabalho a ser executado pelo indivíduoou pela organização. Ao contrário do que muitos pensam, a Padronização do Trabalho não é uma atividade desenvolvida sobretodas as atividades de uma organização. Ela é seletiva e desenvolvida de forma criteriosa em função dosresultados desejados.Com a utilização de ferramentas de mapeamento, a Padronização do Trabalho identifica e detalha os fluxosdos processos e permite a identificação das tarefas críticas, aquelas que possuem maior impacto sobreresultados desejados.Para cada tarefa crítica é estabelecido um padrão de trabalho por meio da observação e consenso dasmelhores práticas disponíveis. Todas as pessoas envolvidas na execução das tarefas críticas devem ser treinadas nos padrões estabelecidos e auditadas periodicamente quanto ao cumprimento dos padrões.
TRATAMENTO DE PROBLEMAS
Um problema é tudo que for diferente das condições normais de operação e de funcionamento de umprocesso. Pode ser uma reclamação de um cliente, um ponto fora dos limites de uma gráfico de controle, umbarulho estranho em um equipamento, etc.O Tratamento de Problemas tem como finalidade minimizar o impacto dos desvios das condições normais deoperação de um processo sobre os resultados desejados. Quando existem muitos problemas, o tempo daspessoas é consumido em combatê-las e não para atingir metas. Todo problema gera trabalho extra e nãoagrega valor ao produto final.
 
Nenhum processo está totalmente livre da possibilidade de ocorrência de problemas. Por isso, sãonecessários mecanismos que possibilitem o seu reconhecimento e análise imediata. Após a análise doproblema, ações de contenção devem ser estabelecidas imediatamente sobre sintomas percebidos e,posteriormente, ações de bloqueio sobre suas causas fundamentais para evitar sua reincidência.
MAPA DE BATALHA
Macro-etapas de implantação do produto, com respectivas durações aproximadas:1. Diagnóstico InicialDiagnóstico dos resultados atuais;Definição dos processos e respectivos problemas prioritários;Definição das metas de melhoria para cada problema priorizado.2. Treinamento das pessoas envolvidas no curso " Gestão para Resultados"3. Esforços de melhoria dos resultados dos problemas priorizados3.1. Definição de metas específicas para sub-problemas;3.2. Análise dos dados e definição dos fatores causais;3.3. Estabelecimento e execução dos planos de ação;3.4. Monitoramento dos resultados;3.5. Atuação corretiva.4. Padronização do Trabalho4.1. Mapeamento dos processos;4.2. Identificação de tarefas críticas;4.3. Estabelecimento dos padrões;4.4. Definição dos treinamentos operacionais prioritários;4.5. Estruturação dos sistema de auditoria dos padrões:5. Tratamento de Anomalias5.1. Estruturação e implementação do sistema;5.2. Atuação corretiva sobre os desvios;5.3. Identificação e tratamento dos desvios crônicos.6. Avaliação Final de Resultados6.1. Identificação de novas oportunidades de melhoria6.2. Relatório final
MarAbrMaiJunJulAgoSetOutNovDezAs etapas
3
,
4
e
5
podem sofrer alteração na sua ordem de desenvolvimento, de acordo com as necessidades de cadaorganização

Activity (36)

You've already reviewed this. Edit your review.
1 hundred reads
1 thousand reads
ramacho liked this
Luciana Carmo liked this
celeraman liked this
Raíssa Mota liked this
Flávio Moura liked this
Jeve Costa liked this

You're Reading a Free Preview

Download
/*********** DO NOT ALTER ANYTHING BELOW THIS LINE ! ************/ var s_code=s.t();if(s_code)document.write(s_code)//-->