Welcome to Scribd, the world's digital library. Read, publish, and share books and documents. See more
Download
Standard view
Full view
of .
Look up keyword
Like this
8Activity
0 of .
Results for:
No results containing your search query
P. 1
Engenharia Bioquímica - Notas de aula [2012]

Engenharia Bioquímica - Notas de aula [2012]

Ratings: (0)|Views: 747|Likes:
Published by André Bassi
Uploaded from Google Docs
Uploaded from Google Docs

More info:

Categories:Types, School Work
Published by: André Bassi on Jun 22, 2012
Copyright:Attribution Non-commercial

Availability:

Read on Scribd mobile: iPhone, iPad and Android.
download as DOC, PDF, TXT or read online from Scribd
See more
See less

12/06/2013

pdf

text

original

 
ENGENHARIA BIOQUÍMICA12/03/12
 Ação das Enzimas
As enzimas diminuem a energia de ativação da reação catalisada ao seligarem ao substrato formando um complexo denominado
enzima-substrato
semafetar a constante de equilíbrio. As enzimas atuam em baixas concentrações emcondições amenas de temperatura e, sendo moléculas proteicas, podem sofrerdesnaturação quando em temperaturas mais elevadas. Os aspectos molecularesda interão entre enzima e substrato ainda o eso completamenteesclarecidos. Normalmente a interação entre enzima e substrato se dá por forçasfracas, como as de
van der Waals
ou
pontes de hidrogênio
, formando então ocomplexo E-S. Um modelo bastante utilizado para ilustrar a formação do complexoE-S é o
modelo da chave-fechadura
:As enzimas podem necessitar de um grupo não proteico para se tornaremativas, que normalmente são chamados de
cofatores
, que podem ser alguns íonsmetálicos, moléculas orgânicas complexas também chamadas de
coenzimas
, etambém algumas vitaminas. Uma enzima que contém um grupo não-proteico échamada de
holoenzima
. A parte proteica é chamada de
apoenzima
, ou seja,holoenzima = apoenzima + cofator.Denominamos de
isozimas
as enzimas que apresentam estrutura moleculardiferente, mas catalisam a mesma reação.Página 1
 
Fatores que afetam a ação das enzimas
Diversos fatores contribuem para a catálise enzimática. Vimos anteriormenteque as enzimas, devido ao fato de serem moculas proteicas, apresentamestruturas primárias, secundárias e terciárias (algumas, a quaternária também) eque essas estruturas o importantes na interação E-S e o fortementedependentes do pH, ou seja, o pH no qual a enzima está dissolvida induzirá umadeterminada distribuição de cargas elétricas, que acabará afetando sua estrutura.Em geral, podemos dizer que qualquer fator que provoque uma mudança naestrutura da enzima poderá provocar a desnaturação da molécula, o que provocaráum efeito sobre a atividade enzimática. Dentre os principais fatores que afetam aação das enzimas, podemos citar:1) pH2) Temperatura3) Forças fluídas (hidrodinâmicas, pressão hidrostática, tensão interfacial)4) Agentes químicos presentes no meio reacional (álcool, uréia, íons salinos,peróxidos)5) Radiações (luz, sonoras, ionizantes, entre outros)1. Efeito do pH sobre a atividade enzimáticaAs enzimas, sendo moculas proteicas, o formadas por diferentesamincidos unidos por ligações peptídicas. Os reduos dos amincidospresentes na estrutura primária da molécula apresentam grupos iônicos comdeterminados potenciais de ionização (pK), sendo assim que suas elétricas irãodepender do pH em que se encontram, logo a distribuição de cargas na moléculacomo um todo será afetada pelo pH e logicamente também no sítio catalítico, ouseja, haverá uma distribuição de cargas que fará com que a molécula tenha umaconfiguração mais favorável para interagir com o substrato.A figura abaixo ilustra um comportamento típico da distribuição de cargaselétricas líquidas de uma molécula proteica em função do pH. Observa-se quehaverá um pH em que a carga elétrica líquida da molécula é nula e este pH édenominado pI (pH Isoelétrico)Página 2
 
Assim, podemos dizer que as enzimas são mais ativas em determinadasfaixas de pH e haverá um determinado pH da solução enzimática em que aatividade será máxima, conforme podemos observar na figura abaixo.Geralmente o pH ótimo de ação de uma enzima é determinadoexperimentalmente estando a atividade enzimática sob diferentes pH’s. Cabelembrar que o pH também poderá alterar as características do substrato, o quetambém afetará a cinética enzimática.Alguns exemplos típicos para algumas enzimas:
lipase do pâncreas, pH ~ 8
pepsina, pH ~ 1,5-1,6
urease, pH ~ 7Página 3

Activity (8)

You've already reviewed this. Edit your review.
1 thousand reads
1 hundred reads
cielleic liked this
Tatiana Santos liked this
Evelin Verdolin liked this
André Bassi liked this
Raíra Rocha liked this

You're Reading a Free Preview

Download
scribd
/*********** DO NOT ALTER ANYTHING BELOW THIS LINE ! ************/ var s_code=s.t();if(s_code)document.write(s_code)//-->